História Don't Cry For Me (A Marlie Fanfiction) - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Charlie Puth, Chloë Grace Moretz, Meghan Trainor
Personagens Charlie Puth, Chloë Grace Moretz, Meghan Trainor, Personagens Originais
Tags Charlie Puth, Marlie, Meghan Trainor
Exibições 22
Palavras 253
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 15 - Lágrimas


É estranho o modo como as coisas acontecem, como em um segundo estamos aqui, em outro segundo estamos lá, como em um segundo estamos com o amor da nossa vida, em outro estamos desesperados, desesperados por que ele foi embora, desesperados por que sabemos que de algo aconteceu, desesperados por que sabemos que talvez, a pessoa que você ama nunca mais volte.

Então você se vê ainda mais desesperado, pois você já tinha idealizado o futuro, já tinha pensado em tudo que aconteceria se você estivessem bem, uma viagem, casamento, filhos, netos.

Você se pergunta em que momento você errou, em que momento você fez algo tão mau que isso poderia voltar para você, você não lembra e talvez você realmente não tenha feito nada, mas o sentimento de culpa fica ali, ao seu lado.

Você se lembra de todos os momentos bons, de todas as risadas e da noite (se essa noite ocorreu), da noite em que você se entregou para essa pessoa, da noite em que você realmente não pensava em ninguém que não fosse ela. Então você chora mais.

Você se lembra de todos os momentos ruins, de todas as lágrimas e de como essa pessoa já te fez sentir mau, mas mesmo assim você ama ela. Então você chora mais.

Nesse momento a polícia está fazendo de tudo, mas não é o suficiente, a sua culpa cresce e te consome, você aguarda ansiosa por algo e nada chega. Até que tudo muda, então você finalmente consegue estampar um sorriso.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...