História Don't fall in love - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Personagens Originais, Youngjae, Yugyeom
Exibições 139
Palavras 993
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 17 - Dia de Chuva


Estava chovendo quando acordei no dia seguinte,ou seja nada de sair do hotel.A chuva era muito forte com trovões e raios.Pela escuridão lá fora eu poderia dizer que era noite.

Bocejei algumas vezes para poder espantar o sono.Passei a mão no lençol procurando pelo meu celular.Acabei achando a mão de alguém.Ainda de olhos fechados,a mão apertou a minha.Logo senti lábios beijando o dorso da minha mão.A pessoa subia os beijos pelo meu braço chegando ao meu pescoço.

Abri os olhos devagar achando um Mark risonho olhando pra mim.

-Bom dia !

-Bom dia !-respondi cheia de preguiça.-Cadê os meninos ?

-Eles estão presos na arena do show.

-Quantas horas ?

-São quase dez da manhã,preguiçosa.

Sentei na cama,ainda me sentindo cansada.Aquelas horas de sono que perdi por causa das loucuras da minha cabeça estão fazendo falta agora.Meu corpo está bem mais cansado que o normal.

-E o que você faz aqui ?-pergunto.

-Eu vim mais cedo com o Shin.Ele queria editar algumas fotos.

Cocei os olhos e bocejei de novo.

-Espera !-Mark tirou o meu cabelo das costas e colocou no ombro.

Senti minhas bochechas esquentando e escondi meu rosto com as mãos.

-Sou seu favorito agora ?-Mark perguntou em tom de riso.

Dei de ombros sem saber o que responder.Já não era obvio o bastante ?

Mark tirou minhas mãos do rosto e ia me beijar quando virei o rosto.

-O que foi ?-ele parecia desapontado.

-Eu acabei de acordar.Vou tomar banho e escovar os dentes.

Joguei a coberta de lado e peguei algumas roupas na minha mala,depois fui para o banheiro.Tomei um banho rápido,lavando bem os meus cabelos, e escovei os dentes.Bati o vento quente do secador nos meus cabelos e sai do quarto sem passar nada de maquiagem.Não pretendo sair do hotel mesmo.

Fui surpreendida por um beijo antes mesmo de pisar no quarto.Mark segurou a minha nuca e me deu um beijo que me deixou sem fôlego algum.

Parti o beijo e o abracei em seguida.Mark passou seus braços ao redor do meu corpo e beijou o topo da minha cabeça.

-Você é tão baixinha !-ele riu.

-Sou mesmo,escada de bombeiro.

Me separei dele e voltei para a minha cama.Por causa da chuva,vou passar o dia no quarto vendo Netflix.

-Vou pedir um café da manhã pra você.

-Eu não quero comer.-disse manhosa.

-Se você não comer,eu também não como.

-Certo.Você não vai conseguir mesmo.

Peguei o meu lap top conectando no wi-fi do hotel e entrei na minha conta do Netflix.Fui logo colocando o primeiro episódio de Teen Wolf.Eu adoro essa série e enquanto espero a nova temporada,vou assistir as antigas.

Mark se deitou ao meu lado e me puxou para mais perto.

Assistimos cinco episódios antes de eu me irritar com o Mark.Ele fazia perguntas o tempo todo em vez de assistir.Só Deus sabe o ódio que eu tenho de pessoas assim.Para não brigar com ele,desliguei meu computador.

-Quantas horas ?-perguntei me espreguiçando.

-Quase duas da tarde.-ele respondeu e ouvi seu estomago roncar.

Gargalhei alto e Mark ficou vermelho.Dava pra ver que ele estava com fome.

-Tudo bem.Pode pedir um almoço que eu como com você.

-Aleluia !-ele levantou as mãos e pegou o telefone do quarto.

Ri de sua empolgação.

Liguei a TV e coloquei em um canal de música em que ficava passando vídeo clipes de vários artistas ao redor do mundo.O carinha japonês terminou de falar e começou Too Good do Drake com a Rihanna.Eu adoro Drake.Pode não parecer mais eu gosto de hip-hop.

Comecei a cantar baixinho enquanto guardava algumas coisas dentro da mala.

-Você gosta de Drake ?-Mark perguntou um tanto surpreso.

-Não fique tão chocado assim.Ele canta bem.

-Eu sei.Gosto dele também.

-Yeah, and last night I think I lost my patience.-cantei.

-Last night I got high as the expectations.-ele cantou.

-Last night, I came to a realization.

-And I hope you can take it.I hope you can take it.

Depois veio o refrão e cantamos juntos.Foi um pouco difícil porque eu não conseguia parar de rir.Mark gravou com o celular até a música acabar e o serviço de quarto bater na porta.Enquanto ele atendia,mandei uma mensagem para Jackson perguntando se ele estava bem.

Tudo certo por aqui.Você está bem Ally ?

Sim,Jack.Quando vocês voltam ?

Vamos ficar aqui até o show.Mark deve vir daqui a pouco.

Ok.Boa sorte,maninho.

Obrigada,baixinha.

Coloquei meu celular no carregador e o deixei de lado.

Um moço deixou um carinho cheio de comida perto da minha cama.Ele fez uma reverencia e eu repeti agradecendo pela comida.Acho que "obrigado" é a única palavra que sei falar em japonês.

Nos sentamos na cama e peguei uma das tigelas de lámen.Quando vi o tanto de coisas que vem dentro eu tive certeza que não conseguiria comer tudo.Nem metade para ser mais exata.

-Se comer o suficiente,eu te dou um prêmio.-Mark disse.

-O que ?-perguntei curiosa.

-Que tal,um monte de beijos ?

Dei risada.

-Se for assim,acho que vou comer até não sobrar mais nada.

Mark riu e eu sorri.Se tem algo que gosto de ouvir é a risada dele.

Comi o máximo que consegui,o que foi um pouco mais da metade.Já cheios,nos deitados na cama e tirei algumas fotos nossas com a minha câmera.Não sei o que vai acontecer quando voltarmos a Seul por isso quero guardar todas as boas lembranças dessa viagem.Mesmo que não puder mostrar para ninguém.

Mark tirou a câmera da minha mão colocando ela de lado e me beijou.O abracei pelo pescoço sentindo suas mãos descerem pelas minhas costas até a cintura.Seu beijo era calmo,sem presa nenhuma para terminar.É um daqueles beijos que não dá vontade de terminar.

-Eu nunca me senti assim com ninguém.-diz Mark se separando de mim por apenas alguns centímetros.

-Nem eu.-respondi abrindo os olhos.

-Ainda vai manter sua promessa de não se apaixonar por mim ?

Olhei em seus olhos e soube exatamente o que responder.

-Não.Então,não quebre o meu coração.

Mark sorriu se aproximando mais.

-Eu nunca faria isso.


Notas Finais


Não se esqueçam de deixar seus comentários em baixo.
Vou responder todo mundo e podemos conversar um pouco.
xx S


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...