História Don't Leave Me Alone - Capítulo 16


Escrita por: ~ e ~Amandinea

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Drama, Jikook, Romance, Yaoi
Exibições 42
Palavras 1.015
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oii gente!
Aqui estamos szszsz
[[narrado pelo Jungkook]]
se o capítulo foi curto, nos perdoem <3
Enfim...
Esperamos que gostem! <3

Capítulo 16 - Youth


Fanfic / Fanfiction Don't Leave Me Alone - Capítulo 16 - Youth

{15 dias depois}

Acordei e fui direto para o banheiro. Fiz minhas higienes matinais. Olhei para o espelho e virei de lado, eu estava barrigudinho. Comecei a passar a mão na minha barriga, fiquei pensando em um nome. Sinto a porta se abrir, olho e era o Jimin. Ele me abraça e beija meu pescoço. Depois ele fica em minha frente, fica de joelhos e começa a beijar minha barriga. Comecei a rir, estava fazendo cosquinha.

- Qual vai ser o nome, Kookie?
- Eu estou pensando.
- Vou pensar também! Quero um nome bonito pra minha florzinha! (ele fala beijando minha barriga)
- Não sabemos o sexo do bebê. (falo rindo)
- Em falar em bebê, temos que ir para o médico fazer a ultrassom.

Jimin me pega pela mão e entra comigo no carro, ele está muito ancioso. Ele começou a dirigir muito rápido, falei para ele desacelerar. Chegamos no hospital, sentamos no banco e ficamos esperando. O médico nos chama, Jimin levanta muito rápido. Entramos na sala e eu deitei na ‘’maca’’. Ele passou o gel, e começou a passar aquele negócio (que eu não sei o nome).

- Seu bebê está bem, Jungkook. Só não pode ser estressar muito.
- É, eu sei Doutor. (falo com um tom debochado)
- O senhor sabe o sexo, doutor? (Jimin pergunta)
- Sim, é uma menina.
Meu Deus, uma menina! Ai que milagre!
- Ai Jesus, é uma menina! Aaah, vou escolher um nome! (Jimin fala pulando)
- Vocês são muito fofos! Pode se levantar, Jungkook. (o médico fala rindo)

Jimin ajudou a me levantar, logo depois, fomos para o carro. Enquanto Jimin dirigia, eu pensava em um nome. Fiquei olhando para a janela, pensando em um nome bonito. Distraído, não ouvi o Jimin me chamar.

- Tá em outro mundo, Kookie?
- Não, eu estava pensando em um nome bonito. (falo rindo)
- Entendi, continue pensando.

Enquanto pensava, senti o Jimin parar o carro. Olho para ele e pergunto:
- Por quê parou o carro?
- Chegamos em casa, Kookie. Você está distraído hein.
- Ah… Desculpa.
Jimin me ajudou a descer do carro, afinal eu estava grávido. Ele está sendo muito cuidadoso ultimamente, deve ser porque ele irá ser pai. Entramos em casa e eu sentei no sofá. Liguei a TV e fiquei vendo coisas aleatórias. Eu estava quase pegando no sono quando vejo Jimin com uma bandeja cheia de comida.

- É pra quem essa comida?
- Pra você, ué.
- N-Não precisav----
- Shiu… Fica quieto e come tudo!

Comecei a comer igual à um animal. Jimin dizia para comer devagar, eu não me importava, só estava com fome. Depois, me levantei e lavei as coisas que eu sujei. Enquanto eu lavava, pude sentir alguns chutes em minha barrigada. Comecei a acariciar minha barriga. Ainda não acreditei que é uma menina.

Fui para meu quarto, peguei uma roupa mais leve e vesti. Depois, desci e fiquei vendo televisão com o Jimin. Encostei minha cabeça em seu ombro, pude sentir ele beijando minha cabeça. Ele começou a fazer carinho, estava muito bom. Ele passava seus dedos em meus cabelos, o que fazia eu ficar com sono. Meus olhos vão se fechando, até que eu durmo.

[2 horas depois]

Kookie… Acorda, temos que ir ao médico, de novo.
- O quê? De novo?! Não, não quero ir! (falo me virando no sofá)
- Você tem que fazer exames.
- Aish, ok!

Me levanto e saio de casa. Entro no carro com Jimin e ele começa a dirigir. Eu sei que temos que fazer de tudo para o bebê ficar bem mas, desnecessário eu ficar indo ao médico toda hora.

Chegamos lá e sentamos no banco. Aquele hospital era bom mas… Demorava muito para ser atendido. 10 minutos depois, o médico nos chama.

- Sr. Jungkook e Sr. Jimin.
- Lá vamos nós~ (falo)

Entramos na sala e fiquei fazendo exames, muitos exames. O médico pega um papel e começa a anotar várias coisas. Fiquei meio confuso… Parecia algo sobre meu bebê…

- Fique calmo, Jungkook. Seu bebê está bem.
- Ah, ufa!
- Vocês estão na juventude, não sei como tiveram relações sexuais tão rápido assim. (o médico fala rindo)
- Pois é, né.

Depois, voltamos para casa. Eu não fiz quase nada, mas estava cansado. Jimin sentou no sofá, sentei ao lado dele e coloquei minha cabeça em suas pernas. Ficamos vendo TV assim, juntos. Por sorte, eu não dormi. Queria ficar acordado, geralmente, grávidas (ou grávidos, tipo eu) dormem muito… Eu não sei… Sou novo nessas coisas.

Me levantei e fui pegar algo para comermos. Não tinha quase nada, então tive que dar meu jeito. Não fiz comidas gordurosas, eu não queria que minha filha nascesse com umas gordurinhas a mais. Sentei ao lado do Jimin e começamos a comer enquanto assistíamos TV. Como eu sou muito distraído, não senti Jimin fazer carinho em minha barriga e conversar com nossa filha. Ele vai ser um pai babão, pelo jeito.

- Jimin, você está bem?
- Estou sim, por quê Kookie?
- Você está o tempo todo mexendo em minha barriga. Eu sei que você vai ser pai mas, não precisa ficar assim o tempo todo né!
- É que eu estou muito feliz e ancioso.

Eu adoro esse jeitinho do Jimin… Quando o bebê nascer, ele vai ficar louquinho! Lavei a louça e depois sentei ao lado dele. Olho para o relógio e eram 20:35, o dia passou rápido hoje. Eu estava tentando levantar quando, Jimin não deixa.

- Você não vai levantar, tá doido?
- Mas eu vou fazer a janta… (falo)
- Não, eu vou fazer! (ele fala pegando as coisas)

Ele vai para a cozinha e faz a janta. Em 15 minutos, ele me chama para comer. Sento-me na mesa e começo a comer. Reparo que ele está me olhando, então começo a comer devagar.

Depois de comer, ele lava a louça e deita comigo no sofá. Ficamos vendo coisas aleatórias, até que ele começa a fazer carinho em minha cabeça. Ficamos de conchinha e dormimos.

[21:35]


Notas Finais


Bjus szszsz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...