História Don't let me down - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Ryan Butler
Personagens Barbara Palvin, Chaz Somers, Christian Beadles, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais, Ryan Butler
Tags Policial Romance
Exibições 21
Palavras 905
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Bishoujo, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Luta, Orange, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Cross-dresser, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoas como vão espero que bem mais um capítulo, ps : cap não revisado.
Boa leitura ♥♥

Capítulo 7 - Eu posso ir?


Fanfic / Fanfiction Don't let me down - Capítulo 7 - Eu posso ir?

É se nós nus machucamos pelos mesmos erros você ainda vai me perdoa? 

     Pov Ryan butler. 


- sobre o que ry?? - ela me perguntou com uma carinha de inocente. 

- sobre o que vamos fazer hoje?? - obviamente não era isso o que eu iria fala mais deixa pra lá. 

- hum . . . Como foi à viagem? - perguntou se olhando o espelho é fazendo caretas. 

- na medida do possível bem . . . Eu acho.- até que enfim chegamos carreguei o chumbo, mais chamado de mochila o que caralho ela carrega um corpo? 

Soltei à bolsa, indo pro meu sofá me joguei lá enquanto ela olhava as coisas na janela sorri indo até o quarto à chamado eu notei que ela está estanha mais deve ser nada acho que é stress coisa de mulher talvez.

- poxa Ryan!! Não tem comida aqui??  - disse toda folgada se jogando na cama, logo fiz questão de responder. 

- todo dia eu compro comida é mais simples, mas saboroso é não fica queimado. - falo simples é lembrando das minhas falhas tentativas de cozinha. 

- hum . . .  Então  pode ir compra eu tô morrendo de fome!! 

- tá tem alguma preferência ?? 

- não qualquer coisa, eu coloco pra dentro!!! - ri é disquei pra um restaurante mexicano. 


       POV RACHEL 

- esse filme é muito chato, Ryan não têm graça em hora é hora têm  casal se comendo. 

- esse é o bom hahaha então quer dizer que tu já assistiu?

 - Sim. Por isso mesmo que eu digo que é chato!! - falei me sentando no braço do sofá. - mais se você quiser, assisti não têm problema eu fico aqui no meu celular. - falei sincera. 

- não! Você veio pra nós ficarmos juntos então. . Sabe, o que a gente podia fazer?! - neguei realmente sem saber do que ele estava falando. 

- agente podia brinca sei lá . . - sorriu cínico me tirando do braço do sofa fiquei mole feito uma boneca de pano ele me carregou até o quarto me deitando na cama. 

- eu não quero brinca. - falei manhosa. - vamos conversar sobre sua viagem!! Como foi? E quem era à garota que estava aqui? - falei o empurrando é me sentei no seu quadril. 

- garota? Que garota ? - dei um beliscão na sua barriga, pelo cinismo. - aiiii pirralhaa isso machuca. - o ameaço de belisca novamente é ele fala .- tá é uma amiga minha. É sim ela é muito gostosa. - dei um muro na sua barriga de leve o fazendo gargalha. - hahahaha de todas que eu peguei você foi diferente, você é melhor que minha ex.  Sem brincadeira nenhuma .- dei um selinho rápido nele. 

- awn eu não posso falar nada, eu nunca me envolvi com absolutamente ninguém, assim namora não mais da uns pega bem masa . 

- com quem tu perdeu à virgindade? - ele cerrou os olhos me apertado pela cintura. 

- hum . . . Aos quinze com meu amigo na verdade um quase amigo ele era um típico jogado de basquete do colégio aí em uma festa, ele me pegou. - falei saindo do seu colo é deitando ao seu lado na cama. 

Hora de descobri alguma coisa. 

Ou tenta descobrir né. 

- em que você trabalhar ? - perguntei beijando sua clavícula pra vê se ele falava . 

- eu não estou afim, vamos me conta mais me fala sobre tu ? - bufei .

- não! Por que não queres falar é tão simples meu . . . A- amor .- apelei. 

- porque eu estou de férias, e não quero falar sobre meu trabalho agora. - disse é abraçou minha cintura.  

Me levantei, pra me vestir pra dormi visto, minha meu em separável blusão branco, calcei minhas pantufas de unicórnios é soltei meus cabelos, voltei pro quarto é Ryan começou a ri descontroladamente .

- oshe o que foi ? - subi ficando em pé na cama, ele parou de ri mais quando me viu voltou à ri novamente. - que que é tá maluco. - dei um chutinho na sua perna. 

- tu hahaha . . .  Ainda usa isso. - se revirou as minhas pantufas dei um chute nele. - tá parei mais é muito engraçado isso. Nem uma mulher que eu fiquei usaram isso.  - falou uma raiva me dominou. 

- vai para de me comparar com suas exs porque olhar eu não sou obrigada!! - falei brava. 

- desculpa mais é verdade é eu gosto isso em você, você não precisa se montar pra ter à atenção de um homem. 

NOSSA HOJE EU NÃO DURMO PELO ELOGIO!!!


                                      11 : 33  pm

PIPIPIPIP .

Acordamos com o celular de Ryan tocando o empurrei é ele resmungou, cada vez o toque ficava mais alto como dormimos na sala me arrastei até à cozinha, onde estava o celular dele em cima da mesa .

- OOH RYANNN!!! - ele acordou assustado, olhando pros lados. - teu celular tá tocando amozin . - ele me xingou vindo até mim é arrancando o celular das minhas mãos. 

- ALO ?? 

- é daí? Pera aí eu escutei roubo de carga.

- EXPLODIU !

Mano que curiosidade, o que caramba tá acontecendo pra ele tá se irritando tanto . 

- chego em 19 minutos aí. - ele eencerra a ligação é me encara. 

- eu posso ir??




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...