História Don't let me forget - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Tags Alison Dialurentis, Emily Fields, Emison, Pll, Pretty Little Liars
Exibições 127
Palavras 855
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Meus amores, me perdoem pelo sumisso, a vida está corrida. Boa leitura! ♥

Capítulo 6 - Thinking out loud


Emily POV

Já se passaram algumas semanas desde que a Alison saiu do hospital e até agora eu não tive coragem de ir visitá-la. Eu até tentei encontrá-la escondido diversas vezes, mas sempre que eu lembrava do que podia acontecer com a Blair, acabava desistindo. Aria me disse que ela sempre pergunta por mim, o que me enche de alegria, ver que algum sentimento relacionado a mim ainda vive em seu coração.

Os últimos dias foram os mais difíceis da minha vida, e por mais que as vezes eu negue, cada dia que passa eu morro um pouco mais por dentro. Assim que chego em meu trabalho, sento na beira da piscina e começo a refletir sobre como as coisas mudaram pra mim nos últimos tempos. Deixei tantas coisas para trás nos últimos dias, que fica até difícil acreditar que eu realmente tenha conseguido seguir em frente. Refletir, é só o que eu tenho feito ultimamente...

Blair: É a minha irmã, não é? É por isso que você está assim?

Emily: Ei baixinha, nem te vi chegar.

Blair: Combinei de estudar francês com a Eliza, ela me disse que tem dificuldades porque na sua escola antiga não tinha essa matéria.

Emily: E você...

Blair: Eu me ofereci para ajudar. Ah, eu sou fluente em francês Em, estudo essa matéria desde pequena.

Emily: Pequena? Que eu saiba você ainda é pequena hahaha!

Blair: Você entendeu hahaha. Eu estudo francês desde os meus 7 anos.

Emily: Nossa, muito tempo ein?

Blair: Emily, para!

Emily: É brincadeira, meu anjo. Olha, estou gostando de ver... Tenho certeza que você e a Eliza serão grandes amigas.

Blair: Emily, porque você está se afastando da minha irmã?

Emily: Quem te disse que eu estou me afastando da sua irmã?

Blair: Ninguém disse, eu vi. Ah, o meu pai comentou que você pediu para que nós não tocássemos em seu nome lá em casa... Porque?

Emily: Eu não acredito nisso.

Blair: No que?

Emily: Nada, não é nada. Na verdade eu pedi sim pra vocês não falarem sobre mim pra ela.

Blair: Porque?

Emily: É... Bom, você sabe que os seus pais não gostam de mim, então eu acho melhor eu me reaproximar da Alison aos poucos, sem pressa.

Blair: Você não desistiu dela não né?

Emily: Não, mas eu preciso de um tempo, entende?

Blair: Vocês adultos são muito complicados.

Emily: Pequena, um dia você vai entender... vamos com calma, pode ser? 

Blair: Tudo bem.

Emily: Me prometa que não vai falar sobre mim pra ela, nem sobre a nossa história.

Blair: Nem que vocês iam se casar?

Emily: Ah Blair, muito menos isso. Preciso que você guarde esses segredos tão preciosos a sete chaves no seu coraçãozinho. Você pode fazer isso?

Blair: Eu posso, mas e você? Você vai conseguir guardar esses segredos?

Blair me abraça sem ao menos ouvir a minha resposta e logo em seguida, sai correndo em direção a piscina. Cada dia que passa eu tenho mais certeza de que ela entende mais sobre o mundo do que todos nós adultos juntos. Levanto e vou até o vestiário, onde as minhas outras alunas estão terminando de se arrumar. Apresso as meninas e digo que quero todas o mais rápido possível na piscina para aquecer, e que quem não estiver lá em menos de 5 minutos, não treinará hoje.

Assim que todas entram na piscina, passo um treino não tão pesado, mas um tanto desafiador. Sento no banco para observá-las e escuto alguém me chamar... Logo quando viro o rosto, meus olhos cruzam com os de um certo alguém, que faz meu corpo arrepiar e um sorriso surgir em minha face.

Alison: Oi.

Emily: Alison?

Alison: Eu mesma. Vim buscar minha irmã no treino de natação... Que coincidência te encontrar por aqui.

Emily: Ah, é que eu sou a treinadora da sua irmã. O treino dela termina em 20 minutos, você gostaria de sentar?

Alison: Claro. Nossa, que lugar lindo, bem que a minha mãe disse que eu iria adorar vir aqui.

Emily: Nossa, a sua mãe que mandou você vir aqui?

Alison: Sim, mas a Aria veio junto... Eu não saberia vir sozinha, então ela veio comigo. No caminho nós passamos por um parque muito bonito, fiquei com vontade de caminhar lá.

Emily: É, você adorava esse parque...

Alison: Me conta um pouco da gente.

Emily: Da gente?

Alison: Sim. Me conta um pouco sobre nós duas, como nós nos conhecemos. Temos 20 minutos, não temos?

Emily: É, temos...

Alison: Então...

Emily: O que exatamente você quer saber?

Alison: Eu queria entender porque eu olho pra você e sinto o que eu não consigo sentir quando vejo outras pessoas.

Emily: É um sentimento bom?

Alison: Não sei o que você entende por "sentimento bom", mas isso me faz sorrir...

Emily: Então é bom. Nós éramos muito grudadas, talvez seja por isso que você se sinta assim.

Alison: Me conta mais... Aliás, me conta sobre você.

Emily: Não sei se é uma boa ideia.

Alison: Porque?

Emily: Bom, minha vida mudou muito desde que...

Blair: EMILY, VOCÊ NÃO VAI ACREDITAR NO RECORDE QUE EU BATI HOJE.

Alison: Emily?

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...