História Don't Let Me Go - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Gay, Romance
Exibições 1
Palavras 802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 17 - 16


17 dias antes...

Aspen saiu do hospital e foi direto para o café onde marcou de se encontrar com a Lottie.

Aspen chega no café e vê uma menina de cabelos platinados e grandes brincos de argolas, sentada em uma mesa um pouco afastada. Assim que Lottie avistou Aspen ela acenou para o mesmo, que sorriu fraco.

Aspen se aproximou da mesa de Lottie e sentou-se na cadeira a frente.

--Boa tarde 'As'- Aspen sentiu seu estômago revirar com o apelido.

--tarde-Aspen sorriu fraco, e uma Garçonete se aproximou da mesa.

--como posso servi-Los hoje?-perguntou a moça gentilmente

--dois cafés-- disse Lottie sorrindo falsamente. a garçonete assentiu e se retirou.

--então Lottie o que você quer falar comigo? -disse Aspen.

-ué nada, não posso chamar o "melhor amigo" do meu irmão só para conversar?-Lottie diz fazendo cara de inocente. Aspen apenas retirou os olhos.-ta ta, eu te chamei aqui por que eu quero que você pare.- disse simples e Aspen a encarou sem entender.

--parar? parar com o que?- o de olhos verdes diz ainda confuso.

--você sabe exatamente do que eu estou a falar, nós dois sabemos que o Cameron estava bem melhor quando voce estava longe, então porque não voltarmos ao que éramos, eu vou falar a Real Aspen, se você não se afastar do Cameron, eu irei assinar aquele documento que permite que o médicos possam desligar os aparelhos que mantém o Cameron vivo, para o bem de Cameron é melhor que você se afaste, pois você acha mesmo que ele ainda irá te amar se ele sobreviver deste coma?!- fez uma pausa e riu- ai como você é trouxa, ele nunca irá te perdoar, ele te odeia, e ela estava muito melhor antes de voce estragar a vida dele. então se você realmente ama ele você irá fazer exatamente o que eu disser. se afaste, eu nunca mais quero ver você com ele.-- aspen estava pasmo.

--v-você não pode fazer isso! -o cacheado já tinha lágrimas nos olhos.-você é irmã dele, você é louca, não pode estar falando serio-aspen diz incrédulo.

--tanto posso como vou fazer se você não se afastar.--Lottie diz antes dos cafés chegarem.--não me leve a mal, mas eu amo o Cameron, porém eu também amo você, e nunca gostei da intimidade que você tinham, mas nunca vi isso como um problema até que o Cameron se assumiu gay e me contou que gostava de  você. Eu tentei parar de gostar de você, realmente tentei, mas não consegui, e agora eu vejo que o único jeito de fazer Voce e ele não ficarem juntos e afastando vocês, pois assim eu não sofro por você é nem ele, final feliz para todos.

--para todos?! e eu?!? como eu fico?! eu amo o Cameron, ele é tudo para mim, é tudo que eu tenho-nesta altura Aspen já chorava.--eu não posso. não faça isso, por favor eu o amo.--Lottie  gargalhou.

-- até mês passado não era desta fruta que você gostava, por que mudou de ideia tão fácil?-Lottie riu, e Aspen torceu o nariz-- não precisa responder, essas são as minhas condições.-lottie bebé um gole de seu café.-- quer mesmo que ele morra? você é tão egoísta assim?-Aspen ficou calado.-bom essas são as minhas condições-ela disse se levantando.

-espera! -gritou Aspen- eu sxeitl. com uma condição.-lottie sentou-se novamente.

-qual?-arqueou a sombrancelha.

--de que você entregue as cartas que eu escrevi, e que pretendo es deve a ele. e guarde minhas palavras. quando ele acordar, você não terá como nos manter separados, pois eu voltarei, e nunca mais deixarei vc e chegar perto dele ou de ninguém que nós amamos, ouviu bem sua vádia?-Aspen cuspiu as palavras.

--foi bom fazer negócio com você, Aspen Miller- Lottie riu e saiu rebolando uma bunda inexistente. Aspen buscou e foi para casa, pois não queria chorar na rua.

ele chegou em sua casa e à destruiu, literalmente, quebrou tudo que podia e não podia, ele realmente ficou bêbado aquele dia, não conseguia achar uma maneira de resolver isso sem deixar o Cameron, ele até recorreu à um advogado, porém ele disse que eles perderiam facilmente a causa, ele pensou até em subornar a Lottie, má ele sabia que o que ela não queria dinheiro, ela queria que Aspen sofresse como ela"sofreu", mas poxa ele nao tem culpa que nao é dessa fruta que ele gosta.

uma semana depois ele recebeu uma carta da faculdade informando que ele conseguiu o estágio no Brasil. Aspen ficou sem entender,pois ele não havia solicitado nenhum estágio.... Lottie, só podia ser, ele ficou muito bravo, e novamente bebeu até cair.

ele estava derrotado, não havia Saida, não tinha jeito, ele teria de ceder as regras de lottie....

HEY povo

estão gostando?

Lottie filha da puta :)

mentira eu amo ela, na vida real, mas na história ela é filha da puta, em todos os momentos :) (estou dando um Spoiler?! sim, essa não será a última aparição dela no livro)

SOOPY xX.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...