História Don't Say Goodbye - Mitw - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Malena "Malena0202" Nunes, Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft
Personagens Alan Ferreira, Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Malena0202, Mike, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes
Tags Lemon, Mitw
Exibições 78
Palavras 1.074
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oiii *Chega toda despedaçada*
Vocês me agrediram ;v não mereciam esse cap hoje, mas
como sou uma pessoa boazinha, estou postando. :v
Até á embaixo.

Capítulo 14 - O bloqueio do limbo parte 2 -13


Fanfic / Fanfiction Don't Say Goodbye - Mitw - Capítulo 14 - O bloqueio do limbo parte 2 -13

~~leiam as notas finais~~ 

 P.O.V: Mike 

 Eu queria gritar! Toda vez que eu piscava, as cenas se repetiam.. EU QUERO DESISTIR! EU QUERO MORRER! EU QUERO IR PARA OUTRO LUGAR! NÃO QUERO LEMBRAR, NÃO QUERO LEMBRAR, NÃO QUERO LEMBRAR, NÃO QUERO! 

 Eu fechei os olhos novamente... A cena mudou... apareceu a cena antes daquela competição. 

 CENA 

- Mike... tome cuidado! - Pediu Pac. 

- Haha, não se preocupe, eu vou estar bem! - Falei brincando, mas nunca pensei, que essa brincadeira, poderia se tornar em uma promessa verdadeira. 

CENA OFF 

Essa promessa... Algo que não era para eu descumprir... mesmo eu não querendo lembrar dela... Eu PRECISAVA lembrar... Era parte de minha história, mesmo só eu que esteja sabendo. 

 Aquela luz do fim do túnel brilhava... Ela era colorida... minhas lembranças? Eu as queria? Eu obteria forças para alcançá-las? 

 Claro! Nunca descumpro uma promessa. Ainda mais pro amor da minha vida...  Levantei-me...  Minha força havia retornado... Fui caminhar até a luz... mas ela se afastava.

 Comecei a correr, eu não riria perdê-la, mas não mesmo! De repente, ela some... E eu parado ali... no nada... 

 P.O.V: Luba 

 O T3ddy ainda se culpava pelo Mike pro ter proposto a tarde no lago, e eu estava tentando dizer que a culpa não era dele, mas não adiantava de nada... 

 Estávamos no refeitório, aguardando as notícias de Mike, eu comia uma salada, T3ddy não comia nada, os outros mal comiam.... Fazia dias que T3ddy não comia... isso me deixava muito preocupado. 

 - Lucas, coma a minha salada... - Disse empurrando o prato para ele. 

-  Eu não quero! - Disse empurrando o prato, quase jogando ele 

 Olhei ele encarando o nada, não suportava vê-lo nesse estado.

- LUCAS.... COMA AGORA! - Gritei 

- Porra velho! Eu não tô com fome! - Disse ele encarando o prato. 

 Ouço um ronco de barriga, olho novamente pro T3ddy e ele estava devorando o prato, como se viesse da África. (N/A: AAAAA DESCULPA A BRINCADEIRA MERDA)  

- Não estava om fome sei... - Falei rindo, e ele riu de volta, era muito agradável rever aquele sorriso. 

 Do nada, comecei a ouvir gritarias, socos e vários xingamentos. Tudo vindo diretamente do corredor, fui correndo para ver o que era... 

 Lá estava um gordão, com um punho á mostra em sua mão e a outra estava prendendo os dois garotos na parede, eles pareciam com medo... 

- Ei! Suas criaturas nojentas e miseráveis! Vocês terão exatamente o que merecem! - Não esperei por nada, corri em direção aos meninos, e entrei na frente deles, impedindo o soco do gordo. Eu era bom em bloqueios em lutas. 

- Anta! Você não consegue ver que eu estou tentando acabar com essa raça de garotos?! - Esperneou furioso. 

- Essa raça? - Comecei a encarar os garotos, eles pareciam normais. - Pelo que eu saiba, ele são da mesma que a sua! - Falei alto e moralista. 

- Você vem falar na minha cara que eles são iguais a mim?! Da mesma raça?! - Berrou. 

- Sim! Eu acho! 

- Você não enxerga! Eles gostam de homens! Isso não é desse planeta e precisam ser eliminados! 

 Ele falava de gays?! 

- Você fala de gays?

- Sim! Mas prefiro não tratá-los com esse nome, me parece respeitoso... COISA QUE NÃO MERECEM! 

- Gays são humanos! Igualmente a você! Eles só gostam do mesmo sexo, e não vejo nada monstruoso nisso! 

- Nada de errado? Eles são aberrações! Tudo está errado, realmente errado nisso! - Gritou. Isso me deixou com um ódio profundo... 

- Você é a única aberração daqui! Deixe eles e os outros gays em PAZ! - Gritei finalizando com um soco nele que fez ele cair no chão. 

- Seu babaca, miserável, imprestável! Vai continuar defendendo essa raça horrenda?! - Gritou no chão com a mão na bochecha, no local onde o soco foi centralizado. 

- Sim! Pois eu faço parte dessa ''raça'' como você chama, e eu não irei permitir que você machuque a nossa família novamente! 

 Ele me encarou com um ódio. 

- Você irá se arrepender disso amargamente! Seu verme intolerante! - Ele se levantou e foi embora, mas não evitou de me ameaçar. 

 Ajudei os garotos a se levantarem e eu os levei para o refeitório. Cheguei e T3ddy havia terminado o seu prato, ele olhou para os garotos confuso. 

- Quem são esses dois? - Ele perguntou 

- Eles são amigos... - Falei 

- Ok, mais quais são os nomes deles? 

- B-Bem.. eu não sei... 

 Os dois se entreolharam.

- Meu nome é João Victor, mas prefiro que me chamem de Jv, e esse é o Felipe, mas ele prefere que o chame de Batista ou batata.

- Prazer... - Falou o loiro. 

- Tudo bem com vocês? Aquele homofóbico machucaram vocês? - Perguntei. 

- N-Não. Nós estamos bem, só estamos um pouco assustados. - Falou o loiro. 

- Porque assustados? - Perguntou o T3ddy extremamente confuso. 

- Eles foram atacados e ameaçados por um homofóbico idiota! - Falei 

- Tudo bem... tudo passou agora... Sejam bem-vindo á família... - Disse T3ddy com um sorriso super simpático. 

 P.O.V: Pac 

 Aquele Médico estava me deixando nervoso, porque ele não falava nada? Finalmente aquele silêncio horrível se passou... 

- Bom... temos uma boa notícia! - Ele disse. E eu abri um sorriso. - Porém... tenho uma ruim também. - Meu sorriso desapareceu da mesma velocidade que ele apareceu. 

- Quais são essas notícias?... - Perguntei tentando acabar logo com isso... com essa agonia que não parava de percorrer em meu corpo. 

- A boa, é que seu amigo, Mike, acordou, e ele está vivo, seus batimentos estão todos normais. - Ele falou. 

 Eu, Cellbit, Alan e Felps abrimos um sorriso. 

- A má é que... alguma coisa bloqueou as suas lembranças... - Ele fez uma pausa. - E ele não lembra nada desse ano... nenhum evento especial, ele se esqueceu das pessoas especiais que ele conheceu esse ano, algo me diz que ele apenas o esqueceu, pois ele lembrava o nome de todos os seus amigos, mas não se recorda do seu nome. 

 Pude sentir algumas lágrimas descerem o meu rosto instantaneamente... Ele se esqueceu de mim? Esqueceu do nosso namoro?... Porque ele não se lembraria?.... AFINAL, QUE BLOQUEIO ERA ESSE?! PORQUE NADA PODE DAR CERTO PRA GENTE?! O MUNDO REALMENTE QUE QUE NOSSA RELAÇÃO NÃO DÊ CERTO...? Não pode ser.... 

 ''Mantenha sua confiança.''  ~~LEIAM AS NOTAS FINAIS, É URGENTE.'~~ 


Notas Finais


Oi gente... enfim... eu tenho uma notícia ruim...
Minha mãe descobriu sobre os lemons que eu
escrevi nessa fanfic, então ela disse para eu parar de escrever mais...
Enfim, não quer dizer que vá deixar de rolar alguns romancinhos e beijinhos, não?
Espero que se conformem com isso... Quem sabe eu escreva um? Só que nada explícito.

ESPERO QUE TENHAM CHORAD--- GOSTADO DO CAPÍTULO! ATÉ O PRÓXIMO. FUIIIII


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...