História Doze é de mais? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Bhuta, Drawin, Nouan, Saika, Sasaika
Visualizações 13
Palavras 1.664
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Então gente eu fiz essa one.
Pq eu tava pensando em como o tempo passa rápido. Só fala 4 meses pro ano acabar. Pensando nisso minha mente viajou no natal e eu pensei em fazer uma One pro natal e fiz. Era pra ser postado no natal mais como vai demorar ainda. Decidi postar agora.

Então, eu não sou boa com One's. Mas espero que gostem

Capítulo 1 - Um natal muito louco


Mais um ano se foi e chegou o natal, hora de juntar mais uma vez os amigos. Estou tão feliz. Bruno volta do exterior hoje. Edwin e Drake adotaram mais uma criança. Eu e o Storm vamos fazer 20 anos de casado. Nova está grávida. O natal com certeza será maravilhoso. Sai dos meus pensamentos quando o forno apitou indicando que o peru eatava pronto.

Asaika: Saika, João e Juliano! Não corram na cozinha- eles passaram na frente do forno e foram pra sala. Coloquei o peru em cima da pia pra esfriar

-Maeeeeeee!

Asaika: que foi Alicia?
Alicia: a Raysa e o Rafael esconderam a minha boneca
Raysa/Rafael: mentira mãe
Alicia: verdade
Asaika: gêmeos devolvam a boneca dela!
Raysa: mas mãe ela escondeu meus patins
Asaika: Alicia!
Alicia: ta eu devolvo, mas quero minha boneca- eles saíram da cozinha- Stooooorm! -ele entrou na cozinha com a Sofia no colo- o que aconteceu? -a teste da mesma sangrava um pouco
Storm: caiu de bicicleta- ele pôs ela sobre o balcão- tem espaladrapo? - passei pra ele
Sofia: nunca mais vou andar de bicicleta- ele pôs espaladrapo nela- papai diz que ia me segurar e não segurou
Asaika: Storm! Como você quer ensinar ela andar se nem você sabe?
Storm: ora, eu tava fazendo meu papel de pai
Asaika: tá, agora faça seu papel de esposo e manda o Lucas, Henri, Junior, Ana e Julia pararem de jogar bola aqui dentro
Storm: ta bom- bejei ele
Sofia: Eca! Que nojo!
Storm: continue pensando assim até os 30 anos- ele saiu da cozinha com a cacula no colo e a campainha tocou- Junior, Ana! Parem agora! -ouvi ele gritar no andar de cima
Asaika: eu atendo- assim que atendi a porta
- e ae tia! - dezessete crianças passaram por mim corendo
Cauan: e ae mana
Nova: a falta de educação culpe ao Cauan
Asaika: relaxa são crianças- cumprimentei os dois e eles entraram- CRIANÇAS! Tio Cauan chegou!
- aeeeeeeeeeeee -eles vieram correndo pela escada
Asaika: o que eu disse sobre correr na escada? Cadê o pai de vocês?
Saika: tá brincando de casinha com a Sofia
Asaika: STOOOOORM! - ele desceu a escada cheio de presilhas no cabelo- quer para de brincar e me ajudar?!
Storm: você interrompeu a hora do chá sabia? -ele me fitou- e ae gente
Nova: você tá uma gracinha- ela riu
Storm: obrigado. Tá de quantos meses?
Nova: oito
Cauan: ja estamos indo pro décimo oitavo. Você continua em terceiro lugar
Storm: eu vou mudar essa situação- a campainha tocou e eu fui atender e tinha uma multidão na minha porta- a vizinhança toda veio para Natal - ironizou
Edwin: você tá uma boneca! -Ele zuou
Storm: haha -riu sarcastico
Asaika: entre crianças- elas passaram correndo- adotaram quantos dessa vez?
Drake: sete
Cauan: cara isso não vale. Nosso processo pra ter filho é mais demorado
Storm: Asaika! -Ele fez bico
Asaika: que?
Storm: olha quantos filhos eles tem?
Asaika: o que quer que eu faça?
Storm: quero ter mais filho
Asaika: olha aqui, tá pensando que a minha coisa é de borracha? Quer me matar?
Cauan: Nova se eles forem ter mais filhos eu também quero mais
Edwin: não podem competir com a gente -sorriu convencido
Cauan: é só termos trintagesimos filhos gêmeos
Drake: isso não existe!
Storm: então eu quero cinquentagessimos filhos gêmeos- dei um tapa de leve no braço dele- aí amor
Asaika: tá pensando que sou o que? Egua? Pra parir esse tanto de filho?
Storm: não! Só quero ter mais filho!
Asaika: isso não é competição!
Nova: eles falaram isso porque não sabe como é dolorido por apenas um no mundo
Cauan: não, mas você é forte. Temos dezessete filhos e um ainda pra chegar
Nova: e vamos parar ae
Cauan: o que? -Storm riu da cada dele
Storm: vai ficar em terceiro lugar
Asaika: tá rindo do que? Eu também parei
Storm: o que? -Cauan riu dele
Asaika: se quiser ter mais filho faça como Edwin e o Drake, adote
Drake: pelo visto não podem nos vencer
Nova: isso não é uma disputa!
Asaika: pois é.  Se quiser ter mais filho engravide você
Storm: eu não- a campainha tocou- e ae Bruno- ele entrou na casa- quanto tempo?
Bruno: dez anos
Asaika: já tava na hora de voltar neh
Bruno: sentiram saudades neh- ele e a Thamires entraram na casa com dois bebês no braço
Asaika: que fofo! Você é pai de gêmeos?
Bruno: sim- ele sorriu convencido
Marina: e ae tia
Alex: cole -eles entraram correndo

Cauan: então você tem quatro? -assentiu- então perdeu- sentamos na mesa pra da sala de jantar pra conversar enquanto as crianças foram brincar e os bebês da Thamires dormiam no meu quarto
Thamires: perdeu o que?
Edwin: existe uma disputa aqui de quem tem mais filho
Bruno: então eu ganhei, porque quando eu sai do país, Asaika, tinha somente a Saika, Henri e Junior e vocês a Amanda e o Cauan o Luccas
Asaika: as coisas mudaram bastante
Bruno: porque quantos filhos vocês tem agora?
Sasaika: 12 filhos
Nouan: 17 filhos e estamos esperando mais um
Thamires: o que? Como conseguiram?
Bruno: e vocês quantos tem?
Drawin: 42 filhos
Bruno/Thamires: O QUE? -Bruno caiu da cadeira
Thamires: qua...qua...qua...quarenta?
Edwin: e dois
Bruno: vocês não tiveram filhos, vocês tiveram um exército
Thamires: juntos vocês tem uma nação- nós rimos
Saika: maeeeeeeeee! Paiiiiiiiiiiiiii!
Sasaika: que foi?
Saika: tira o Luccas do meu quarto
Nouan: Luccas! Deixa a sua prima em paz
Amanda: eu vou matar o Alex!
Bhuta: Aleeex!
Rafael: Amanda! Me devolve!
Drawin: Amanda!
Cauan: vai ser um natal animado! -corremos lá em cima
Storm: Rayssa! Raquel! Parem de andar de patins aqui dentro!
Asaika: Sofia larga o cabelo da Marina!
Cauan: Luccas! Não joga terra na cama da Saika!
Nova: Luna! Não pode chutar as partes baixo do seu irmão!
Edwin: Amanda não pode colocar a cabeça do Alex na privada!
Bruno: Marina, você quebrou o dente do sei lá quem!
Drake: não podem fazer guerra de travesseiro dentro do banheiro!
Storm: João e Juliano não andem de bicicleta dentro de casa!

...


Toda aquela bagunça acabou com duas crianças banguela, um espelho quebrado, a casa suja de barro, banheiro cheio de pena, duas meninas com dor de cabeça, um com dor no saco e por ae vai...

Agora estamos em frente a nossa casa do lado de fora. Conseguimos montar a mesa e as árvores no jardim. Com tanto presente, precisamos de mais de uma árvore.

Asaika: se continuar assim, ano que vem vamos fazer o natal na rua
Storm: iríamos fechar a rua só pro nosso natal
Bruno: se o Edwin adotar mais criança, daqui a pouco vocês vão ter que fechar o estado
Drake: não exagere tanto
Thamires: vocês pretendem parar neh?
Edwin: sim, algum dia -nos sentamos todos na mesa para comer
Bruno: uma mesa com 20 perus de natal -ele riu
Amanda: eu tô faminta
Junior: vamos atacar!
Asaika: calma ae! Cadê a educação?
Junior: ficou em casa junto com o meu dente quebrado
Marina: a culpa não é minha
Asaika: enfim, comam devagar porque a comida não vai correr- depois que todos comeram as crianças foram abrindo os presentes- eles crescem tão rápido- abracei o Storm- Vou sentir saudades deles pequeno
Storm: neh, por isso devíamos ter mais filhos
Asaika: ficou louco! -me afastei dele- se quiser ter mais filho, vamos adotar. Porque dessa amiguinha aqui não passa mais nenhuma cabeça
Nova: da minha também. Depois dessa criança, não vai sai mais nada
Cauan: só entrar- ele sorriu malicioso
Edwin: acho que eu ganhei então essa questão de ter mais filhos
Nova: só porque você não passa uma criança pela sua intimidade
Bruno: isso doeu só de imaginar
Cauan: eu e o Storm ainda temos chance de vencer
Storm: Onde quer chegar Cauan?
Cauan: amor você gostaria de adotar uma criança pra a gente poder amar e criar?
Nova: claro. Amor é o que não falta pra dar
Cauan: então eu já volto
Nova: a onde vai?
Cauan: no orfanato- ele saiu correndo
Storm: amor!
Asaika: okay. Pode adotar...-ele não esperou eu terminar de falar e saiu correndo
Storm: eu vou adotar um orfanato
Edwin: que foi? -Drake encarava ele
Drake: ainda tenho muito amor pra dar
Edwin: eu também- os dois sorriram e saíram correndo também
Asaika: meu Deus!
Nova: eles vão trazer todas as crianças que encontraram pelo caminho
Thamires: amor, eu também quero mais filho. Uai cadê o Bruno?
Nova: ele já foi

#Storm#


Cheguei no orfanato e fui até as irmãs que cuidam das crianças.

-o que deseja?
Storm: eu vim adotar as crianças?
-quantas crianças quer adotar?
Storm: todas
- ah claro...O QUE?

#Cauan#


- vai mesmo adotar todos?
Cauan: claro. Venham pro papai crianças!
-isso é um milagre?

#Bruno#


-mais moço, o senhor não vai querer conhecer as crianças pra saber se quer adotar?
Bruno: elas são crianças que precisam de amor, família e cuidado. Elas querem ser amadas e eu quero dar amor. Então não preciso conhecer las pra adotar, vou adotar e conhece las
- mas senhor...
Bruno: vocês querem um lar crianças?
-SIIIIIIIIIIM!

No dia seguinte, saiu no jornal que três famílias adotaram mais de 300 crianças numa só noite. Por toda a repercussão da história. O governo doou uma casa casa maior pra essas crianças. Apesar dos pais serem ricos e terem condições de cuidar das crianças.

No ano novo, novamente a família se reuniu.

Asaika: daqui uma hora vai começar a contagem regressiva
Storm: ta com a lista ae? -assentiu- então vamos começar fazer chamada
Bruno: Storm, Cauan! Tô no meio da terceira guerra mundial  aqui! Socorro!
Storm/Cauan: CRIANÇAS NÃO BRIGUEM!

No ano novo, Storm, Cauan, Edwin e Bruno quiseram adotar mais filhos. Mais foram impedidos por Asaika, Nova, Drake e Thamires.

E assim cada casal tem hoje:

Sasaika: 112 filhos
Nouan: 118 filhos
Drawin: 142 filhos
Bhuta: 102 filhos

Totalizando uma família de 474 filhos.

Agora vocês me dizem, doze é de mais?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...