História Dragon and Tigress - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Angel, Cana Alberona, Charlie, Gajeel Redfox, Gildartz, Happy, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Minerva Orland, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Pantherlily, Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Sting Eucliffe, Wendy Marvell, Yukino Aguria
Tags Minerva, Natsu, Nerva
Exibições 117
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Hentai, Luta, Magia, Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Capitulo 1


Autor POV

Logo quando os grandes jogos mágicos acabaram e assim a guilda mais barulhenta ganhou, a guilda Fairy Tail. O céu ficou escuro, com nuvens carregadas de relâmpagos e chovendo muito. De repente aparece uns cinco dragões. Os dragões era um verde, azul, cinza, branco e um era de fogo. Deixando todos com uma face de espanto, até outros membros de outras guildas. Tais como: Sabertooth, Lamia Scale, Blue Pegasus, Mermaid Heel, Quatro Cerberus. Que estavam juntos, comemorando com a Fairy Tail.  

Natsu: O que é isso, o que está acontecendo aqui.

Sting: O que esses dragões planejam fazer aqui?

Makarov: Algo bom não é.

Logo em seguida chega o Rei de Crocus, onde ocorria os grandes jogos mágicos, e fala.

Rei: Me desculpem pelos dragões, a culpada foi minha filha, que foi enganada por um mago que alegou ter vindo do futuro, falando que milhões de dragões viriam para aniquilar o meu reino e para deter os dragões deveríamos abrir o portão eclipse para disparar nos dragões, obviamente, era mentira e agora os dragões estão vindo atacar o meu reino, por nisso, peço que todos vocês protejam meu reino, até pagarei para cada guilda se for um sucesso, 1.000.000.000,00 de jewels. Vocês aceitam?

Todos: Logico que sim.

E com isso todos vão em direção aos dragões. Chegando perto eles avistam um ser em cima de um dos dragões. Esse ser começa a dar uma risada psicótica assustando alguns, pare de rir e fala.

????: Ora, ora, temos alguns maginhos aqui. Então vou atacar vocês com tudo, se preparem. E com isso o ser some e aparece em frente do rosado.

Natsu: Então você já quer morr...... foi interrupto por um soco no queixo fazendo ele voar alto.

????: Você é muito fraco. – E foi para cima do Natsu o afastando de todos

Natsu POV

Mas que porra de soco foi esse, nem percebi, só percebi depois que fui atingido. Esse cara é muito forte, como ele está atrás de mim agora, se ele estava no chão, ele é bom, agora estou em chamas, ahahhahaha.

Natsu: Quem é você?

????: Me chamo Rogue. – Disse dando um soco no meu rosto, quebrando meu nariz.

Natsu: O Rogue da Saber?

Mirai Rogue: Exatamente, só que sou do futuro, muito melhor que o Rogue dess tempo.

Natsu: Agora mesmo que vou de matar.

E com isso ambos iniciam uma luta mortal.

Com o resto do pessoal

Gildartz: Por que ele quis lutar logo com o Natsu, e ainda o levou para longe.

Rogue: Deve ser porque ele é o mais forte Dragon Slayer, se ele fosse menos inocente.

Laxus: Verdade, com certeza ele me derrotaria se não fosse um bobão.

Makarov: Vamos derrotar esses dragões para poder ir em busca de auxiliar o Natsu.

E assim o grupo se separou sendo guiados pelos Dragon Slayers. O grupo do Laxus foi enfrentar o verde, o grupo do Sting foi enfrentar o cinza, o grupo do Rogue foi enfrentar o azul, o grupo do Gajeel foi enfrenta o branco e o grupo da Wendy com Gildartz foi enfrentar o de fogo.

De volta com o Natsu

Natsu: punho do dragão do fogo. – Disse acertando um potente soco no rosto do Mirai Rogue.

Rogue: punho do dragão da sombra. – Disse acertando um monstruoso soco em Natsu.

E assim ficaram até que eles se cansam um pouco e recuperando um pouco de ar.

Natsu: Por que você está fazendo isso, Rogue?

Mirai Rogue: Estou fazendo porque quero e posso, ninguém pode me parar.

Natsu: ahahahahahahahahahahahahhahah você é engraçado, como você acha que vai destruir tudo se os dragões já foram derrotados. Hahahahahhahahahah.

Mirai Rogue: Mentira, não pode ser verdade como eles perderam para esse merdas de magos. Agora chega de conversa e vamos continuar a festa.

Ambos partem em direção ao outro. Vários socos, rugidos, joelhadas, cotoveladas, cabeçadas e chutes.

Mirai Rogue: Vocês...estão...mortos...mesmo....me....derrotando....ahahaha. – Disse ofegante, devido ao cansaço.

Natsu: Isso....é...o....que......veremos. – Disse ofegante.

Mirai Rogue: O..portão...eclipse...ainda....está...aberto. E...agora...o..que..você..planeja..fazer?

Natsu: Vou..destruir..junto..com..você.

Natsu: Modo Dragon Force. – Com essa forma ele pega e segura pelo pescoço o Mirai Rogue e voa em direção ao portão, o destruindo junto  com o Mirai Rogue, fazendo um tremendo barulho e uma monstruosa explosão.

Droga estou sem poder, pensou caindo de joelhos no chão e ofegante. Do nada apareceu um dragão que provavelmente estava escondido. O dragão começa a vim na minha direção, eu não tenho força para me mexer, fecho os olhos esperando a morte. Mas o filho da puta do dragão não me matou, começou a ficar me batendo com as gigantes patas dele. Começou a rir do meu estado. Fiquei apanhado até ficar quase morto, quando finalmente achei que ia morrer, Gildartz aparece e me salva, eliminando o dragão.

Gildartz: Você está bem, Natsu.

Natsu: Sim, tirando o fato que estou sem poder e cansado estou sim.

Gildartz: ahahahaha, só você mesmo para me fazer ri, nesse estado.

 E assim todo chega e percebe o estado do rosado.

Quebra de tempo de alguns meses, Natsu POV

Sinto que alguns membros, estão me tratando diferente, principalmente, minha equipe. Acho que vou ir para guilda agora. O Happy não está, pois, foi numa missão com a Wendy, Charlie, Romeo, Gajeel, Levy e Lily. Chego na guilda e percebo uns olhares estranhos para mim só que nem liguei, cheguei na mesa do bar e a Mira não estava, pois tinha ido numa missão com Laxus, depois que eles começaram a namorar e eles sempre saem em missões juntos somente eles.

Natsu: Bom-dia, Lissana. – Disse abrindo um grande sorriso para ela, que virou o rosto. Do nada sinto um ataque na minha nuca e começo a ficar tonto.

Natsu: O...que...diabos..é...isso?

Todos: Isso é por que você é um fraco.

Recebo mais golpes dos outros membros da guilda. Sorte deles que o mestre Gildartz e a Cana foram numa missão pelo conselho mágico. E os outros também, se não eles não iam me atacar, com certeza meus agora verdadeiros amigos, não deixariam fazer isso comigo. Recebo mais um ataque e acabo desmaiando.

Autor POV

Mesmo após o Natsu desmaiar, os membros continuam atacando sem parar, até quase o matando e ainda insatisfeito, eles pegam o corpo do rosado e o arremessam usando magia em alguma direção.


Notas Finais


Está ai o primeiro capitulo, espero que vocês gostem. Se tiver sugestões para melhor em alguma coisa, me mandem mensagens.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...