História Dragon Ball S.A - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Androide Nº 18, Bills, Bra, Bulma, Champa, Chichi, Freeza, Gohan, Goku, Goku Black, Goten, Hit, Kuririn, Majin Boo, Pan, Piccolo, Trunks, Vados, Vegeta, Videl, Whis, Yamcha
Tags Chichi X Bulma, Dragon Ball, Goten X Trunks, Vegeta X Goku
Visualizações 17
Palavras 1.066
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Sensação nova


Fanfic / Fanfiction Dragon Ball S.A - Capítulo 7 - Sensação nova

*Yako on*

Já se passou 1 ano desde o dia em que me tornei uma Sayajin, eu ainda não virei super Sayajin, pelo simples fato de nunca sentir tamanha raiva. A senhora Bulma e a senhora Chichi estão namorando, assim como a mamãe e o papai, Trunks está estranho, sempre envergonhado perto do Goten. A Pan e a Bra me ajudaram durante esse ano, a Pan me treinando e a Bra me ajudando a me vestir, e eu finalmente tenho 15 Anos, e meu aniversário foi até que legal, todos me deram parabéns e a senhora Bulma fez um grande bolo e uma festa, eu até estava de vestido longo, mas é claro, com vergonha kkkkkk, e a noite, eu tinha lutado contra o papai, foi incrível.

Bem, voltando ao presente, Whis e Bills tinha voltado esses dias, e trouxeram um peixe, todos o chamam de peixe oráculo, o mesmo prevê o futuro, e disse que viria uma ameaça a Terra, um tal de Freeza viria, todos ficaram apavorados, e desde aquele dia, a mamãe é o papai não param de treinar, e eu tbm, sempre peço para Pan me treinar bastante. E quando eu tinha vindo para cá, com 13 anos, eu apareci nas férias de verão, mas é claro, depois que acabou a moleza, eu, a Bra e a Pan começamos a estudar juntas.

Hj é sábado, e Pan estava lutando contra mim, então, me deu um soco no estômago, e com isso, ganhou de mim.

- Vc lutou bem Yako, pena que não conseguiu se transformar em super Sayajin

- Sem problemas

- Bem, melhor pararmos por aqui, oq achas?

- Tudo bem

Então, Bra chega correndo e gritando.

- MENINAS, O FREEZA CHEGOOOOOOU!!!!

- OQ?! - Falamos em coro

- SIM, VAMOS, JA FAZ UM TEMPO QUE ELE CHEGOU

- É mesmo, não tem ninguém em casa, só nós três, mas como ficou sabendo?

- A mamãe Bulma que me ligou pedindo ajuda urgentemente

- Então vamos

Eu e a Pan saímos voando e a Bra saiu conosco com uma moto bem rápida.

Quando chegamos lá, eu fiquei em choque, a mamãe estava todo arrebentado, roupas rasgadas e cheio de machucados, quase desabando no chão, e o papai estava apagado, mas o Gohan estava tentando acorda-lo

- Ainda bem que chegaram, Pan, quero que se transforme em super Sayajin querida - Dizia Chichi, correndo até nós suando frio

-Pode deixar - Então, Pan se transformou em Super Sayajin, enquanto isso, a mamãe foi apagada, o moço que lutava contra o mesmo, era parecido com um lagarto, e ele era dourado

- ESTAMOS SEM SEMENTES DOS DEUSES, NÃO PODE SER!!! - gritava Kuririn

- Droga!!! - Gohan falou

Então, Pan partiu pra cima do tal Freeza, o mesmo estava quase desabando tbm. Os dois lutaram e Pan perdeu, mas deixou o cara mais vulnerável

- VAI YAKO!!! - gritou Bra

- E-Eu?!

- SIM!!!! PENSA EM ALGO QUE TE DEIXE TRISTE, MUITO TRISTE.

- Certo - comecei a pensar em minha antiga vida, o meu antigo pai, minha antiga mãe, madrasta e .......padrasto...., em se Freeza ganhasse a luta, mataria todos que amo.

Logo, começo a sentir uma sensação estranha, queria atacar qualquer um pela frente.

- Seu........seu..... - Todos me olhavam, até o tal de Freeza

- Seu oq? - Dizia o inimigo

- SEU VERMEEEEEEEEEEEEEEEE - Eu comecei a gritar, e logo, meus cabelos ficaram loiros, meu olhos azuis e me senti mais forte, ou seja, me transformei em Super Sayajin pela primeira vez.

- Não pode ser, ela se transformou em Super Sayajin 2?! - Dizia Piccolo assustado - Mas já?! Como?!

Logo, parti pra cima do Freeza, lutavamos freneticamente, até que, o mesmo me soca no estômago e cuspo sangue.

- J-Ja me cansei disso - Então, pego a cabeça dele é bato 2 vezes no meu joelho com força, o mesmo se transforma em um lagarto branco com roxo enquanto o batia, acho que diminuiu seu poder. Em seguida, lhe dei um soco no estômago, devolvendo na mesma moeda, lhe chuto para longe.

- Vc volta AQUIIIIII!!!!!!! - No ar, eu giro com os braços abertos e atraío seu pescoço até minha mão direita, que estava virada para o mesmo, então, o taco no chão com força. Oq será que foi isso? Todos se apavoraram comigo.

Logo, desço e encosto meus pés no chão, o mesmo estava todo acabado

- Não acabou ainda - Falei baixo, então, o peguei pela perna e voei em uma altura rasuavel, logo, com o joelho, quebrei seu tornozelo e o taquei pra longe, então, voei até ele e o soquei em direção ao chão, e o mesmo rachou e quebrou com o impacto do corpo do Freeza.

Logo, desço bem em sua frente e o olho nos olhos.

- Seu....verme idiota..... - Falei baixo

- H-Hehe....... M-Mais uma S-Sayajin i-idiota - O mesmo cuspia sangue enquanto falava

- M-MATE-O YAKO!! - Após acordar, a mamãe disse essas palavras.

Então, o papai tbm acorda com dificuldade

- Ouça o Vegeta, mate o Freeza filha

- M-Me mate v-verme insolente... - Dizia com um sorriso no rosto

Não só eles, mas todos diziam isso, todos queriam Freeza morto, logo, olho para meus pais, os dois estavam me olhando sério, e em seguida, olho nos olhos de Freeza, por mais que não pareça, estava apavorado, não queria morrer novamente. Naquele momento, queria chorar, dizer que não podia matar alguém, que não queria.

Então, me preparei para soca-lo, o mesmo fechou os olhos e virou o rosto para o lado.

*Yako off*

*Freeza on*

Droga, morrerei novamente! MAIS QUE SAYAJINS INSOLENTES!!!!!

Então, vejo a garotinha, que por sinal, se chama Yako, se preparar para me socar, então, fecho os olhos e viro minha cara para o lado, já que estava tão fraco, um soco poderia me apagar, ou, dependendo da força, poderia me matar.

Depois de alguns segundos, não sinto nada, logo, abro os olhos e olho para a menina, NÃO PODE SER, ela estava me dando a mão para me ajudar a levantar.......... fiquei perplexo com o ato da garota, não só eu, como todos que estavam ali.

Então, desconfiado, pego a mão dela com dificuldade e me levanto. HAHAHA, TOLA!!! Logo, tento dar-lhe um soco, mas me apoio no pé errado, MAIS QUE DROGA, meu pé estava quebrado, então, com tamanha dor, Caio em cima da Sayajin, e ela me segura, MAS PQ?!

A mesma me apertou um pouco, me segurando com firmeza, então, disse em meu ouvido...

- Sei que iria me atacar, mas eu te perdôo, cuidarei de vc - Depois que falou isso, ela me olha nos olhos

*Freeza off*



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...