História Dramione - Always - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Tags Dramione, Hentai
Exibições 101
Palavras 1.137
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Como prometido, estou aqui e eu queria avisar que.... ESTOU MUITO DECEPCIONADA EU SÓ TIVE CINCO COMENTÁRIOS NO CAPÍTULO ANTERIOR, QUAL É GENTE EU SEI QUE VOCÊS PODEM FAZER MAIS, FAÇAM PELA HISTÓRIA!!!!

Capítulo 17 - Bem-vinda ao lar Emma.


Fanfic / Fanfiction Dramione - Always - Capítulo 17 - Bem-vinda ao lar Emma.

2 dias depois... 

Eu estava ansioso, hoje iríamos levar nossa pequena Emma para casa, Hermione parecia ainda mais ansiosa que eu, ela arrumava as coisinhas da Emma com todo cuidado na bolsa, aproveitei a deixa para abraçá-la por trás. 

- E então mione, preparada para voltar pra casa? 

- sim.. Claro. 

"sim... Claro" OK

Hermione estava estranha, me aproximei dela.

- Você sabe que pode me contar o que esta acontecendo nao é? 

Ela estava evitando o meu olhar.. 

- É que.. -vi ela olhar para Emma onde a pequena dormia tranquilamente- agora que Emma nasceu eu tenho medo por ela draco, tenho medo do que Lucius pode fazer eu.. 

- Hermione, ele não fará nada, ele nem sabe onde estamos,  nos mudamos para aquela casa, justamente para isso, para você e Emma ficar sem segurança, vai dar tudo certo, para de ficar pensando isso tudo bem? -sussurrei olhando em seus olhos castanho e depositei um beijo demorado em sua testa. Levamos um susto quando emma começou a chorar. 

- É... Parece que alguem esta com fome. 

Ela riu e foi ate a Emma. 








Bem longe dali...

POV NARCISA

Ahhhh meu deus!!!! Eu não acreditava no que meus olhos estavam vendo, meu coração estava prestes a sair pela boca, minha neta tinha nascido e eu só soube hoje.

Eu havia recebido uma carta de Draco avisando que Hermione havia dado a luz, ele disse também que sentia muito por não ter me avisado, pois temia de Lucius fazer algo, apesar de estar chateada eu compreendia.

- O que esta lendo ai Narcisa?

A voz grave e fria de Lucius ecoou pelo hall fazendo-me arrepiar de medo, ele normalmente causava isso nas pessoas, apressei-me em esconder a carta que estava em minha mão.

- N-nada meu marido, como pode ver não estou com nada em minhas mãos. - Encarei seu olhar.

Vi Lucius se aproximar de mim com seu olhar arrogante que com o tempo aprendi a não me intimidar, eu não podia ter medo, não agora.

Pulei para trás quando suas mãos agarraram meu rosto me machucando.

- Eu perguntei o que você esta lendo? - Ele falava lentamente mas podia sentir a raiva em sua voz ele sabia que eu estava escondendo algo. O encarei.

- Ja lhe disse meu marido eu....

Foi então que meu corpo teve contato com o chão, fui jogada brutamente pelo tapa que Lucius havia dado em meu rosto, eu ainda sentia sua mão pulsando em meu rosto.

- Olha o que temos aqui.

Mal tinha percebido que com a queda a carta voou de minhas vestes.

- Lucius, não!!! 

Corri até ele tentando inutilmente pegar a carta, mas só acabei me machucando mais, ele havia me jogado no chão mais uma vez. Ele havia abrido a carta.



 POV LUCIUS MALFOY 

Narcisa era tão tola achando que consegueria esconder algo de mim, no momento em que a peguei lendo a carta sabia exatamente de quem se tratava, Draco, peguei a carta que aquela imunda tentava esconder e abri, eu li tudo atentamente para não peder nenhum detalhe, então quer dizer que minha futura herdeira havia nascido. Estava na hora de colocar o plano em ação, amassei a carta, eu já não precisava mais dela.

Corri até meu aposento e apressei-me em avisar a minha mais noca aliada Pansy Parkison da notícia, ela iria adorar. 

Eu iria encontrar minha herdeira de qualquer jeito.






POV DRACO MALFOY

Eu e Hermione havíamos voltado para casa onde nos mantinhamos escondidos das garras de meu pai, mais cedo no hospital eu tentei acalmar Hermione sobre meu pai ir atrás de Emma e disse que isso não iria acontecer, mas a verdade é que nem eu acreditava nisso, eu sabia que uma hora ou outra ele viria atrás de nós e tínhamos que manter nossa filha em segurança.

Draco

- Draco!!!! - Hermione me chamou.

- Han? 

- Eu estou te chamando a horas, qual era a surpresa que você ia me mostrar??? 

Ela estava inquieta desde que eu disse que tinha uma coisa para ela, bem não era exatamente para ela, mas sim para Emma, não consegui deixar de rir com isso.

- Se você ficar parada talvez eu possa te mostrar Hermione.

Ela fez bico.

- Isso não é justo, você está me enrolando a horas. - Não pude deixar de revirar os olhos para aquilo, mas me fiz por vencido.

- tudo bem, você venceu, vou mostrar. 

- ahhhhh viu só Emma, seu papai vai mostrar a surpresa pra gente

- Hermione para de balançar a menina assim!!! 

Ela riu.

- desculpa!

Sorri para ela e segurei sua mão, levei ela para cima e parei em frente a um porta.

- Tudo bem.. Agora eu preciso que feche os olhos. 

Ela obdeceu, mas logo deu uma espiada.

- GRANGER!!!!!!

- Ahhhh eu estou nervosa. - E assim voltou a fechar os olhos.

Esperei mais um pouco para ver se ela iria espionar, mas ate que ela se comportou direitinho.

- No três. Um, dois e... Três!!! 

E assim abri a porta para um grande cômodo onde eu havia preparado para ser o quarto da Emma.




POV HERMIONE GRANGER

assim que abri os olhos me deparei com a coisa mais fofa de todas. Draco havia preparado um quarto para Emma e meu deus, como era perfeito ele pensou em cada detalhe.

As paredes pintadas de branco e logo atrás um papel de parede delicado com a cor rosa, no teto um lustre que deixava o lugar ainda mais maravilhoso, no berço havia um tipo de cortina que deixava tudo tão perfeitinho (N//A: não sei o nome disso, é o que esta na imagem do capitulo) ao lado do berço havia uma prateleira que eu com certeza encheria de livros infantis para ler para ela e acho que colocaria alguns ursinhos também, pude ver alguns brinquedos e uma cadeira para poder amamenta-la. Eu amava draco com todas as minhas forças.

- E então? 

Vi como ele estava nervoso com medo de eu não  ter gostado de nada. 

- Meu amooooor - me virei para ele sorrindo. - Me diga eu estou sonhando? Eu estou não é? Ahhhh Draco, esta tudo tão perfeito!!! Eu não tenho nem palavras para descrever, esta perfeito amor. 

Ele se aproximou de mim sorrindo e depositou um beijo demorado na cabeça de Emma que dormia tranquilamente provavelmente sem saber o que estava acontecendo. 

- Eu só pensei no melhor para minha família. 

E assim ele me beijou, mas logo fomos interrompidos pelo choro de Emma.

- estraga prazeres. - Draco disse olhando ela,  mas só pareceu piorar as coisas pois Emma começou a chorar mais alto.

- Fuinha!!

Ele viu que eu estava o encarando  e logo tentou consertar as coisas meio atrapalhado, mas tentou. 

- n-nao filha,  nao chora não se não quer que a mamãe brigue com o papai. 

Emma logo parou de chorar e ficou encarando a figura loira vulgo seu pai em sua frente e logo voltou a chorar. 

- Eu desisto Hermione. 

Dito isso eu cai na risada. 
















Notas Finais


Helloooo, eu disse que ia demorar a postar, mas está ai, por favor gente, tenta comentar mais, qualquer coisa me sigam no twitter: @iknowstylws


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...