História Dramione Ódio que virou amor. - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Arthur Weasley, Blásio Zabini, Draco Malfoy, Fílio Flitwick, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Lilá Brown, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Pansy Parkinson, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Ronald Weasley, Severo Snape, Viktor Krum, Vincent Crabbe, Zacharias Smith
Visualizações 276
Palavras 1.520
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Romance e Novela
Avisos: Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Uma suposta traição.


No dia seguinte, Hermione acordou bem cedinho, a mesma teria aula de Erbologia. Rony e Harry se arrumavam para a aula, assim como Hermione, só que os meninos teriam aula de defesa contra as artes das trevas:

_ Estou preocupado. Diz Rony um pouco abatido.

_ Preocupado, com o que ? Pergunta Harry sem entender o motivo.

_ A Gina está estranha, você não notou. Responde o ruivo fazendo outra pergunta.

_ Para mim ela está normal, acho que está vendo coisas Rony. Afirma Harry dando uma leve gargalhada.

A manhã se passou e Hermione foi falar com seu namorado antes de ir se  encontrar com Malfoy:

_ Surpresaaa ! Como está o meu ruivinho lindo ? Pergunta a castanha fazendo um carinho em seu namorado.

_ Tudo bem Mione, e você, por que está tão animada ? Pergunta Rony.

_ Estou feliz Ron, tudo está dando serto, depois de tudo que passamos, agora parece que podemos ter uma vida mais tranquila. Responde a garota soltando um suspiro.

_ Espera, você não tem de ir fazer seu trabalho como monitora ? Pergunta seu namorado novamente.

_ Sim, falando nisso preciso ir, sabem como é o Malfoy. Responde a castanha dando um beijo na bocheca de Rony e acenando tchau para Harry.

Draco não estava tendo um bom dia, e sempre com seu mal humor, o loiro esperava Hermione onde tinham combinado. O mesmo estava entertido com seus pensamentos, e nem sequer percebeu a castanha ao seu lado:

_ Malfoy ? Pergunta a castanha.

_ Aiii que susto Granger, parece um fantasma, eu em. Diz o garoto com seu mal humor.

_ Desculpe, é que não tinha outro jeito de te acordar, você estava no mundo da lua. Diz a garota dando um sorriso.

_ Chega de papo furado, vamos ao que interessa,hoje terminamos esse trabalho. Responde o loiro arrogante.

Eles então pegaram seus materiais e continuaram o trabalho de onde pararam. Ambos mal se olhavam, só em extrema necessidade. O loiro não pode deixar de reparar no lindo sorriso de Hermione, ela estava sempre alegre, ao contrário dele que só sabe reclamar. Um silêncio no ar, quando Malfoy decide quebrar o gelo :

_ Eai Granger, como anda seu namoro com o Weasley ? Pergunta o mesmo tentando ser indiferente.

_ Olha, não viemos aqui falar da minha vida pessoal, se não se importa, eu estou com pressa de terminar logo. Responde a castanha entertida.

_ Nossa, desculpa ai Granger, a super concentrada. Responde Malfoy dando gargalhadas.

Derrepente veio na mente de Draco todo seu plano contra o Weasley, e este era o momento ideal para aprontar algo:

_ Sabe Granger, não pude deixar de notar que você tem um sorriso bonito. Diz Malfoy olhando nos olhos da castanha.

_ Ta legal, qual é a sua agora ? Pergunta a mesma olhando nos olhos de Draco.

_ Que isso Granger, só estava tentando ser gentíl, não pode mais ? Pergunta o loiro fingindo estar decepcionado.

_ Babaca ! Responde a castanha dando um sorriso de lado.

Os dois voltaram a se concentrar no trabalho, que estava quase pronto, só faltava alguns detalhes. Por incrível que pareça, ambos terminaram o trabalho juntos, e sem brigas. Logo que terminaram o trabalho, o loiro percebe Weasley se aproximando da sala, essa era uma boa oportunidade de aprontar. 

Hermione, que até o momento, estava entretida arrumando suas coisas, e o loiro foi se aproximando dela, sentou perto da mesma, que estava confusa com a atitude do garoto.

_ Granger ! Suspira o loiro perto de Hermione.

_ O que foi ? Pergunta a mesma. Quando se da conta que o loiro está bem perto dela. A mesma fica nervosa, e se afasta.

Nessa mesma hora Rony entra na sala.

_ Hermione ? Diz o mesmo surpreso com a cena que acabará de ver.

_ Ron, o que faz aqui ? Pergunta a castanha surpresa.

_ Eu vim para te buscar, iria te levar a um lugar, mas vejo que você está bem avontade. Responde o ruivo chateado.

_ Como assim ? Do que está falando ? Pergunta Hermione.

_ Você ainda pergunta, estava bem proxima do Malfoy. Responde o garoto alterado.

_ Não aconteceu nada Ron. Assegura a castanha nervosa.

_ Acho melhor eu sair, em briga de marido e mulher ninguém mete a colher. Diz o loiro saindo e debochando da situação.

_ Você viu ? Ele só queria te provocar, e pelo que me parece conseguiu. Rony você não confia em mim. Diz a garota decepcionada.

_ Desculpa Mione, eu não quero te perder, e você é tão linda, não gosto que se aproximem de você. Responde o ruivo meio cabisbaixo.

_ Você nunca vai me perder Ron. Diz a castanha dando um beijo em seu namorado. Era um beijo calmo, cheio de desejo, ao mesmo tempo romântico.

Depois daquela discução básica, ambos foram para seus quartos se aprontar. Logo mais a noite era hora do jantar.

Rony estava sozinho no quarto já que Harry estava ainda tomando banho. O mesmo terminava de se arrumar, quando ouviu um barulho de alguém entrando no quarto. Logo depois, o ruivo sente duas mãos tapar seus olhos e uma voz feminina falando com ele:.

_ Advinha quem é ? Pergunta a voz.

O ruivo achava que era Hermione, quem mais poderia fazer uma brincadeira como essa, se não sua namorada. Ele então mesmo sem vê-la, depositou um beijo em seus lábios. Logo depois, Harry que saia do banheiro fica pasmo com a cena que via a sua frente:

_ Rony, o que é isso? Pergunta o mesmo encarando seu amigo e a garota a seu lado.

Quando Rony olha para o lado, fica pasmo, a garota não era Hermione. Trata-se de Lilá Brown.

_ Então eu já vou, nos vemos depois On on. Diz a morena com maior descaramento, saindo do quarto.

Rony tenta  explicar para Harry como as coisas realmente aconteceram. Mas o mesmo estava chateado com a suposta traição de seu amigo.

Harry saiu sem falar nada, deixando Rony sozinho. O ruivo foi para o Salão Comunal. Lá já estavam Gina e Hermione os esperando. Quando eles chegam, cada um senta-se de um lado da mesa, Gina e Hermione estranham a reação dos garotos um para com o outro:

_ Aconteceu alguma coisa ? Pergunta Gina preocupada.

_ Pergunte a ele. Responde Harry ainda chateado.

_ Ron, o que está acontecendo ? Pergunta Hermione tentando entender a situação.

_ Foi tudo um mal entendido. Responde o ruivo tentando se explicar.

_ Não foi o que parecia. Responde Harry chateado encarando seu amigo.

_ Vocês estão me assustando. Diz Gina, querendo saber o que de fato aconteceu.

_ Depois nos falamos, aqui não ê o lugar e nem a hora para esse tipo de conversa. Adverte Harry ainda encarando seu amigo.

Todos começaram o banquete, menos Rony e Harry que ficaram parados se encarando por alguns minutos.

_ Para mim ja chega, ou vão me contar o que está acontecendo ou não falo mais com nenhum dos dois. Adverte a castanha falando baixo.

Assim que terminaram o jantar, alguns dos alunos voltaram para seus dormitórios, outros ficaram por ali mesmo:

_ Muito bem, agora eu quero que vocês me falem o que está acontecendo. Adverte Hermione  um pouco alterada.

_ É que isso é um assunto meio que delicado Mione. Gina vamos tomar um pouco de ar, eles precisam conversar. Espero que conte a verdade a ela, se não eu conto. Adverte Harry puxando Gina, e deixando os dois a sós:

_ Agora me conte Rony, o que aconteceu ? Pergunta a castanha curiosa.

_ Eu estava me arrumando para o jantar, quando ouvi um barulho de alguém entrando. Era uma mulher, ela tapou meus olhos, e por um instante pensei que fosse você. Então eu a beijei. Responde o ruivo sem olhar nos olhos de sua namorada.

_ Ronald Weasley, como você beija uma garota sem ter a certeza de quem é ? podia muito bem ser qualquer outra. Eu quero saber, quem foi que você beijou ? Pergunta a castanha furiosa.

_ Liiiii...laaaá Brown. Responde o ruivo nervoso e assustado.

_ Eu não estou acreditando nisso. Justo a Lilá, que por um acaso foi sua namorada muito antes de você namorar comigo. Diz a garota alterada passando a mão em sua cabeça.

_ Eu não sabia que era ela Mione. Responde o ruivo tentando se explicar.

_ Mas é claro não é. Para você é bem conveniente inventar uma disculpa para se safar. Adverte a castanha com certeza em suas palavras.

_ Está ensinuando que eu a beijei por vontade própia ? Pergunta o ruivo indignado.

_ Não estou ensinuando, e sim afirmando. Adverte a castanha.

_ Está sendo injusta comigo. Quando eu peguei você com o Malfoy naquele dia, você me contou como as coisas aconteceram, e eu acreditei. E agora você não acredita em mim. Adverte o ruivo decepcionado.

_ Só que eu e Malfoy estavamos fazendo trabalho dos monitores, e além do mais eu nunca tive nada com ele. Já você pelo contrário. Afirma Hermione.

_ Para mim já chega. Responde o ruivo deixando a castanha ali sozinha.

Hermione estava no meio do Salão Comunal, havia algumas pessoas ali. Que acabará de observar sua discução com Ronald Weasley. A garota era forte, mas não a ponto de suportar uma tição. A mesma saiu daquele lugar e foi para seu quarto chorar suas tristezas.

Draco havia observado toda a discução, e esse seria o momento ideal para a fase dois de seu plano.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...