História Drarry: Um universo alternativo de amor - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alastor Moody, Alvo Dumbledore, Argo Filch, Arthur Weasley, Bellatrix Lestrange, Cedrico Diggory, Cho Chang, Colin Creevey, Cornélio Fudge, Dobby, Dolores Umbridge, Draco Malfoy, Duda Dursley, Fleur Delacour, Fred Weasley, Gilderoy Lockhart, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Lilá Brown, Lord Voldemort, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Minerva Mcgonagall, Ministro Milicent Bagnold, Molly Weasley, Murta Que Geme, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Nymphadora Tonks, Olívio Wood, Padma Patil, Pansy Parkinson, Parvati Patil, Pedro Pettigrew, Percy Weasley, Personagens Originais, Petunia Dursley, Pomona Sprout, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Quirinus Quirrell, Remo Lupin, Ronald Weasley, Rúbeo Hagrid, Ted Lupin, Tiago Potter, Tom Riddle Jr., Tom Riddle Sr.
Tags Draco, Drarry, Gays, Harry, Harry Potter, Hermione, Homossexuais, Rony, Yaoi
Exibições 420
Palavras 444
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Crossover, Ficção, Ficção Científica, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente!

Mais um capítulo dessa fanfic que tenho bastante ideias.

Eu não sei o que vocês estão achando, então comentem se gostaram ou se precisa melhorar. Enfim, agora nos primeiros capítulos, preciso explicar algumas modificações nessa realidade para o desenrolar da história. Dito isso, boa leitura ; )

Capítulo 2 - Zoológico


Fanfic / Fanfiction Drarry: Um universo alternativo de amor - Capítulo 2 - Zoológico

~Visão de Harry~

Era quase 4h da tarde quando Harry e os Dursley estavam chegando ao zoológico. Quando chegaram na parte onde os Leões  estavam, Harry sentiu-se feliz por algum motivo. Duda ao perceber a felicidade de seu primo, não deixou a oportunidade de provoca-lo escapar.

-Leões são tão preguiçosos! Por que não vai dormir junto com eles, já que são seus parentes de preguiça?

H: Pelo menos todos tem medo deles. Isso significaria que você deveria ter medo de mim.

D: Hahahaha, você não dá medo nem em uma mosca.

H: Então, cala a boca.

Depois de verem quase todos os animais, a família chegou na parte onde as cobras ficavam. (Aconteceu então toda aquela cena do filme, onde Harry conversa com a cobra e Duda empurra ele no chão).

Ai, doeu. Como eu queria que VOCÊ estive preso atrás desse vidro. - Pensou Harry.

Como um passe de mágica, Duda e a cobra trocaram de lugar. Mas, misteriosamente a parte onde possuía água ficou mais funda, como se fosse um grande lago fundo. Harry não tinha percebido que tinha ficado fundo a água, pois, a cobra estava agradecendo a ele por ter sido solta. Ao levantar, ele percebeu o que estava acontecendo com seu primo. Ele estava se afogando porque não sabia nadar. Como um instinto, Harry deu com toda força no vidro, que quando quebrou salvou seu primo do afogamento. Ele não poderia deixar seu Duda se afogar mesmo ele merecendo. Quando Duda já estava fora da água e estava no chão salvo, ele  fala a Harry como sussurros:

D: Harry... eu te amo. Se eu não sobreviver, saiba que eu sempre tive uma queda por você.

Ao ouvir o que seu primo falou, Harry ficou em choque, mas, respondeu:

H: Cala a boca, não seja dramático! Você vai ficar bem.

Pouco depois, os tios de Harry voltaram e viram o que tinha acontecido. Os funcionários do zoológico, deram toalhas para que Duda podesse se secar. Ao chegarem em casa, a mãe de Duda levou ele para ao banheiro desesperada. Enquanto isso, Tio Valter levou Harry para "seu quarto" pelos cabelos o xingando. Mas, ele não parava de pensar no que seu primo lhe tinha falado.

Duda me ama? Não pode ser! Ele estava me zuando. Aquele filha da mãe! Nem quando está em condições normais me deixa em paz! Agora, o que foi aquilo? Eu realmente falei com uma cobra? E como a cobra e ele foram trocar de lugar? Eu desejei mas, isso é impossível! Me sinto mal por ter desejado aquilo. E me sinto culpado mesmo não ter feito nada. Acho melhor deixar isso pra lá e esquecer esse ocorrido.


Notas Finais


Putz! E o que foi isso? E por que será que a água ficou funda? Mistérios kkkk.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...