História Dream - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Anko Mitarashi, Asuma Sarutobi, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hidan, Hinata Hyuuga, Hizashi Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Kakuzu, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Kin Tsuchi, Kizashi Haruno, Konan, Kurenai Yuuhi, Madara Uchiha, Mei, Nagato, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Pain, Personagens Originais, Rin Nohara, Sai, Sakura Haruno, Samui, Sasori, Sasuke Uchiha, Shino Aburame, Shisui Uchiha, Temari, TenTen Mitsashi, Yahiko
Tags Amizade, Amor, Colegial, Hinata, Ino, Painkonan Ou Yahikonan, Sakura, Sasodei, Temari, Tenten
Exibições 32
Palavras 2.775
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Saga
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Pansexualidade, Transsexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá meu amores.

A capa do capitulo é como ficaram os quartos no final, mas os edredons são diferentes.

Boa leitura

Capítulo 7 - Sétimo capitulo - Como funciona


Fanfic / Fanfiction Dream - Capítulo 7 - Sétimo capitulo - Como funciona

Sétimo capitulo – Como funciona

Escrito por: A. P. Schultz

Cinco garotas acordam, e vão toma o café da manhã.

Hinata conversa com Kurenai animadamente, sobre suas expectativas para o internato. Sakura olhava pela sala de jantar com esperança de que seus pais ao menos ligassem para desejar um bom ano letivo para ela. Tenten conversava com o pai sobre levar Leonardo da Vinci V junto com ela. Temari tomava seu café da manhã sozinha na cozinha em uma tentativa de evitar seu pai e irmãos. Ino conversava com Deidara sobre os planos que tinha como líder de torcida neste anos.

Após algumas horas as cinco falam.

– estou pronta, vamos?

Hinata falou para Kurenai. Sakura para o chofer. Tenten para o pai. Temari infelizmente falou com o pai. Ino acabara de ligar para Sasori.

...

Asuma, o namorado de Kurenai e professor de matemática, deu carona para as duas Yūhi. Inicialmente Hinata achou que seria ruim ter uma tia professora no mesmo internato em que ela iria estudar, mas depois ela começou a pensar em coisas boas como ela sempre terá alguém para conversar e a ajudar a estudar.

Depois de um bom tempo andando de carro pela cidade eles chegam ao Internato, eles passam pela frente do local, e Hinata vê muitas pessoas transitando pelo pátio e isso há assusta um pouco, mas logo Kurenai disse que vários dos que estavam ali eram parentes despedindo-se.

...

Sakura chegou ao internato, e foi direto para os dormitórios a procura do seu quarto, o encontrou e descobriu que dividiria ele com mais duas garotas, analisou o quarto. A esquerda haviam três camas de casais divididas pelo espaço de um criado mudo, ao lado direito ficavam três escrivaninhas com computadores, acima delas haviam prateleiras, na parede da porta ficavam três guarda roupas, assim que Sakura reparou, ela chamou Sasuke para ajuda-la a mover a mobília. 

Sakura olha para o visor do celular, depois de ter feito todas as mudanças que queria e vê que tem tempo, as outras garotas se não são novatas irão conversar com velhos amigos, e se forem novatas serão apresentadas a escola, o que dá um tempo para Sakura decorar a parte do quarto que ela resolveu demarcar como sua, afinal o quarto estava sem decoração nenhuma.

...

Tenten chegou ao internato, despediu-se do pai e foi até a entrada do dormitório feminino, procurou seu nome na chamada para ver qual seria o seu quarto, encontrou o numero do quarto, andou pelos corredores até encontrar o quarto, ela abriu a porta sem bater, entro e viu que já tinham duas malas em cima de uma das camas, mas não tinha ninguém ali.

(a forma como o quarto esta organizada é igual a descrita anteriormente)

Ela deu uma boa olhada pelo quarto e viu que estava igual ao ano passado, jogou suas malas na cama que ficava na parede da janela, olhou no visor do celular viu que em pouco tempo os novatos seriam levados para conhecer a escola, ela como uma boa anfitriã ou quase isso, se misturou com as novatas para conhece-las e talvez fazer uma amiga, naquele lugar que ela não gostava muito.

...

Os novatos foram divididos em quatro grupos, dois de garotos e dois de garotas, a divisão dos grupos foi a seguinte pessoas que provavelmente serão nadas aqui dentro, e pessoas que talvez tenham um futuro na alta hierarquia deste internato.

A garota que iria apresentar o internato aos que foram selecionados como futuros nadas, se apresentou.

– sou Konan e irei lhes mostrar um pouco deste lugar.

No grupo que Konan estava mostrando, escondida ali no meio estava Tenten, para ver quem seriam os futuro nadas do internato junto com elas. Konan se afasta do outro grupo.

– fazer parte desse grupo não quer dizer nada, e sinceramente acho essa hierarquia criada aqui dentro muito idiota, em quanto andamos por aqui – diz Konan se referindo ao gramado – irei lhes explicar um pouco sobre essa porcaria de hierarquia, os grupos daqui são divididos em classes sociais, filhos de médicos e advogados, pra lá – Konan aponta em uma direção – filhos de artistas pra cá, e assim vai, mas essa divisão não funciona por muito tempo, nós somos obrigados a participar de uma atividade estra curricular, e ai é definido o seu grupo, quem escolhe algo relacionado a artes, são os novos artistas; a esportes os marombas; a matemática, historia, clube da leitura, os nerds; as lideres de torcidas as rainhas da hierarquia e seus reis são os jogadores da parte masculina, e todos os outros são os empregadinhos particulares delas, já ia esquecendo, e dentro de cada grupo existiram os mais populares isso será definido com a quantidade de dinheiro que os seus pais tem. Alguma duvida sobre a hierarquia? – pergunta Konan se virando para olhar o grupo de garotas que na opinião dela eram garotas maravilhosas, uma garota levanta a mão.

– ninguém pensou em destruir essa hierarquia?

– vários tentaram e todos fracassaram – fala Konan

– e por quê?

– queriam fazer isso pelos motivos errados

 

A garota que iria apresentar a escola as garotas que provavelmente tem um futuro bom na hierarquia do internato, fala.

– sou Samui, e irei mostrar um pouco deste lugar para vocês, antes quero explicar um pouco sobre a nossa hierarquia, ela funciona da seguinte forma, imaginem a pirâmide social, os ricos, são as lideres de torcida e os jogadores da parte masculina, a classe media são formados pelos amigos da classe alta que não são lideres de torcida e nem jogadores, e o restante são os pobres, mas a sua classificação será definida conforme o grupo estra curricular que você entrar, alguma duvida? – ela pergunta.

– e porque esse sistema é usado aqui? – pergunta a garota de olhos cinzas peculiares.

– qual é seu nome? – pergunta Samui.

– Hinata.

– Hinata esse sistema funciona porque eles precisam de rainhas, para ter como exemplo, na moda, na vida, em tudo, não reclame do sistema hierárquico adotado na nossa escola.

Hinata revira os olhos, e permite que a garota termine de falar.

– como não a nenhuma pergunta, vou leva-las primeiro aos dormitórios para que deixem suas malas e depois continuaremos – fala

As garotas são levadas aos dormitórios, aonde Samui apenas as deixa colocar as malas dentro do quarto para continuarem o tour pelo internato.

 

Konan também levou as garotas para ver em qual quarto ficariam, depois disso elas continuaram a andar.

– bom esse corredor é onde ficam os dormitórios, a direita o dos garotos e a esquerda o das garotas, é proibido que garotos venham para cá e vice versa, as luzes dos corredores são apagadas as dez em ponto da noite, o jantar é servido as oito e meia, o café da manha as seis, e almoço ao meio dia, o horário de tomar banho é escolhido por cada uma, mas é permitido apenas um banho por dia, existem dois banheiros que tem chuveiros livres para todas as garotas, é um aqui no andar dos dormitórios, com dez chuveiros, e o outro é um pouco mais longe por isso é menos movimentado que é o perto da sala dos produtos de limpeza no segundo andar lá tem dez chuveiros também, depois eu mostro para vocês aonde fica.

 

Samui mostrava a parte onde fica a piscina, para as garotas.

– aqui fica a parte da natação é uma area bem exigente poucas garotas são aceitas para a equipe, aqui tem três chuveiros para as garotas e três chuveiros para os garotos, participantes desta equipe tem direito a dois banhos, e alguns participantes de outro esportes também o detalhe dos banhos vocês descobrem melhor quando entrarem para suas atividades estra curriculares.

 

Konan termina de mostrar o internato para as garotas e fala.

– qualquer duvida que vocês tem a respeito das regras falem comigo, se precisarem de algo falem comigo, nunca pesam nada para Samui se você não fizer parte da alta hierarquia, pesam para mim, tchau e tenham um bom ano letivo – diz Konan se virando

Ela percebe que esta sendo seguida e olha para trás e vê Tenten.

– você foi incrível – diz Tenten

– obrigada, eu estava meio nervosa, conheceu alguém interessante entre as garotas?

– todas elas parecia tristes por provavelmente não fazerem parte daquele grupo de vadias – diz Tenten

– você é uma das poucas pessoas que detesta isso Tenten, será difícil encontrar alguém, mas você vai encontrar.

– é meu segundo ano aqui e não encontrei ninguém – fala ela

– eu não sou ninguém – fala Konan fingindo estar magoada

– você me entendeu

...

Temari entra no quarto após horas, sentada em um banco pelo internato ela resolveu finalmente ir a procura de seu quarto, quando ela abre a porta e olha para a direita leva um susto parecia que um unicórnio havia vomitado no quarto, depois olha para a esquerda, aonde o local estava mais agradável, sem todos aqueles arco-íris, Temari vê que a cama na parede da porta já havia sido ocupada pois tinham malas em cima dela, restou para a loira a cama da parede da janela.

A loira jogou um de suas malas no canto do quarto e a outra ela abriu, mostrando a decoração para o quarto, ela retira o edredom bege e coloca um preto com bolinhas brancas, coloca mais um travesseiro na cama, e coloca fronhas pretas com bolinhas brancas, joga duas almofadas em cima da cama, retirou um despertador da mala e o colocou no criado mudo, ela tinha dois discos de vinil, ela os coloca presos na parede com a ajuda de uma fita dupla face, junto com o despertador ela coloca um abajur que tinha trazido em uma caixa, dá um passo para trás e olha pra o seus espaço, e depois para a direita, onde retira logo o olhar.  

Ela pegou um livro que havia trazido na mochila para ler em quanto não conhecia a dona do arco íris e a dona das malas em cima daquela outra cama.

...

Ino olha pelo quarto, uma cama já esta arrumada e na cabeça dela deve ser de uma pessoa muito certinha ou de alguém que estava com preguiça de decorar, como a parede da janela já havia sido escolhida, e a da porta não chamava muito a atenção da loira, ela foi para a direita, Ino colocou três de suas malas em um canto, e pega uma quarta mala, a abre e olha para sua decoração começa a organizar as coisas. Quando a porta é aberta, a loira olha para ver quem é.

– oi sou sua colega de quarto, Tenten – diz uma garota de cabelos castanhos

– oi sou Ino, é a sua cama? – pergunta Ino

– é, ano passado pixei a parede do meu quaro e consequência foi deixar a governanta lá de casa escolher a decoração do quarto para esse ano

– ficou legal – diz Ino tentado a animar

– vou sobreviver eu acho – diz Tenten

– você estudava aqui ano passado não me lembro de você? – pede Ino

– sim, as pessoas não me notam muito, sou da equipe de esportes, porem da parte feminina, mas isso eu acho que deu para perceber – diz Tenten se referindo a parte de ser da equipe feminina

– ah, mil desculpas

– eu sei quem você é, garota do pompom – diz Tenten

– espero que possamos ser amigas, eu acho essa hierarquia uma bobagem, eu honestamente gosto de animar os jogos – fala a loira

– tudo bem, sem julgamentos vindos da minha parte – diz Tenten colocando as mãos para cima, mas era uma mentira a castanha já havia julgado a loira desde o ano passado, e primeiras impressões ruins são difíceis de mudar.

Ino dá uma risada, ela simplesmente adorou Tenten.

...

 Hinata acabara de chegar no quarto, finalmente pode olha-lo direito, olhou para a direita e então um comentário escapou.

– parece que um unicórnio acabou de vomitar  aqui.

– concordo – diz alguém

Hinata se vira e olha para a outra cama, que era o oposto da cama que ela acabara de olhar, lá estava uma loira, sentada na cama lendo um livro.

– sou Hinata

– Temari, sabe quem é a dona dos restos de unicórnio? – pergunta a loira

– não faço ideia

– você quer ajuda para organizar as suas coisas? – pergunta Temari

– por favor, mas é claro se não for lhe incomodar – diz Hinata

– preciso me ocupar – comenta Temari

Hinata tinha três malas, uma com a decoração, uma com roupas e a outra cheia de livros, ela e Temari estenderam o edredom lilás sob a cama, trocaram as fronhas brancas por fronhas lilás, depois colocaram as seis almofadas da morena na cama, deram um jeito de colocar as luzinhas que ela trouxera, Temari emprestou sua fita dupla face para sua mais nova companheira de quarto conseguir pendurar o quadro que trouxe, a loira depois disso se joga na cama e a garota dos olhos cinzas terminou quando colocou seu despertador e uma câmera velha no criado mudo.

– achou que vou comprar um vaso de flores para colocar aqui – diz Hinata mais para si do que para Temari

– acho que você poderia comprar um abajur – fala Temari

– boa ideia – concorda ela

...

Depois de terminar de arrumar seu quarto Sakura foi falar com Sasuke, mas foi impedida por um professor de entrar na área masculina do dormitórios, então a rosada não tendo nenhuma outra ideia, mandou uma mensagem para Shisui a acompanhar e para ele passar buscar o primo antes, após um tempo esperando, os dois Uchihas estavam a sua frente.

Eles três foram caminhando e conversando durante o caminho, Sasuke contou que dividia um quarto com Gaara e Neji. Ao chegar no destino Sakura abriu aporta e se assustou um pouco com a mudança no ambiente, ela parou por um instante e escutou.

– não é proibida a entrada de garoto no dormitório feminino!?

A rosada não soube dizer se aquilo era um pergunta ou uma afirmação, o que morena acabara de falar.

– é, mas não com a presença de um professor – fala Shisui entrando no quarto

– e temos a certinha – diz a loira olhando para a morena

– não sei se essa seria a palavra certa para me descrever, apenas gostaria de não ser expulsa no primeiro dia – fala a morena que estava mexendo em uma mala no cão perto da cama, que a rosada deduziu ser da mesma

– e no segundo pode ser? – pergunta a loira

A morena pega uma almofada e jogou na direção de Temari, que pegou a almofada antes que tal a atingisse.

– sou Sakura, só quis mostrar meu quarto para meu melhor amigo – fala a rosada

– desculpe – fala a morena

– não peça desculpa quando você esta certa – diz a loira jogando a almofada de volta para a outra

Então Sakura e os seus acompanhantes entram no quarto.

– parece que um unicórnio passo pela sua parte do quarto – diz Shisui

– eu achei que estava muito triste quis animar um pouco o lugar – fala a rosada

Sakura se senta em sua cama e olho para Sasuke e Shisui depois deu uma analisada na parte de suas colegas, a louca do preta, e louca por lilás ou roxo. Aporta do quarto é aberta todos olha para lá, e a rosada juntou as sobrancelhas quando viu a professora Kurenai.

– como você esta? – pergunta Hinata

– ficou legal, mas achei que ia faltar uma coisa então eu trouxe algo para você, ASUMA

Asuma entra no quarto com uma caixas. Ele entrega a caixa para a garota, ela abre a caixa que foi entregue em suas mãos, retira um abajur.

– eu e Temari comentamos agora que eu precisava de um – diz a morena indo colocar junto com o seu despertador.

– sou melhor do que vidente – fala Kurenai – vou dizer que tenho algo importante para fazer e sair daqui, porque parece que todo mundo ficou quieto quando entrei, eu não sou uma professora vaca – diz Kurenai alto para que Sakura escutasse – nossa tenho um compromisso muito importante, tchau docinho

Temari dá risada quando Kurenai sai do quarto.

– adoro ela – diz a loira

– eu também – fala a morena

– afinal de contas o que acharam? – pede Sakura cutucando os Uchihas que estavam olhando para a decoração com uma cara

– acho que tá legal, eu não sei Sakura, você deveria perguntar para Ino isso, na minha opinião bem sincera, parece o quarto de uma garota, é tudo o que tenho a dizer – diz Sasuke

– e eu não faço ideia, mas parece mesmo que um unicórnio passou aqui – fala Shisui.

– seus inúteis, pra fora – diz Sakura em tom de brincadeira

– tchau algodão doce – diz Shisui

– tchau – diz Sakura

– cuidado que o unicórnio pode voltar e te comer – diz Sasuke saindo do quarto e fechando a porta atrás e si.

Sakura olha para seu criado mudo, então escuta.

– sou Hinata – diz a morena

– sou Temari – fala a loira  

...

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...