História Dream by Dream - Capítulo 8


Escrita por: ~

Visualizações 23
Palavras 762
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ou amorecos voltei com mais um capitulo espero que gostem!!

Participem da campanha comentem e facam uma autora feliz♡

Prometo responder todos os comentarios!!

Beijos e boa leitura!!

Capítulo 8 - Seven Route


Fanfic / Fanfiction Dream by Dream - Capítulo 8 - Seven Route

Esperei quase a noite toda e no final ele não veio. Acabei dormindo no sofá o que rendeu um torcicolo monstruoso.

-Bom dia... an cafe?

-Achei que não viria...

-Eu tambem mas não consegui te ignorar..

-Então... tomamos café e depois conversamos?

-Pode ser...

Tomamos café em silêncio, café puro para acordar, o amargo percorreu minha garganta que estava ansiosa para desabafar.

-Seven...

-Diga.

-Porque eu estou aqui?

-Como assim?

-Eu quero dizer que ontem estava em minha casa sossegada, comendo filé de frango e hoje estou nesse apartamento onde tem uma bomba, um tal de saeran que vai tentar me sequestrar e... Um bonus de ficar presa como se fosse presidiaria.. então o que tem a dizer?

A cara de desentendido que ele fez parecia forçada.. ele está escondendo algo. Seven colocou o copo de cafe para viagem na mesa e me encarou sério...

-Não sei como sabe sobre o Saeran, e nem tão pouco sobre a bomba mas... Eu não tenho a resposta para sua duvida.

-Ótimo... Agora eu vou ter que ficar aqui presa até quando?

-Até o dia da festa, e depois o V vai..

-Não ele não vai... Eu vou continuar presa...

-Como sabe?

-Não é a primeira vez que isso acontece... Quero dizer eu já sei o final da história.

-Cada vez eu te entendo menos.

-Não acredita em mim?

-Não que eu não acredite... Mas é só que essa história... Parece meio absurda.

-Eu sei que você sabe de algo..Saeyoung.

-Como você..

-Eu só respondo se você me responder..

-Ta legal.. fui eu ta legal.

-An? Como assim??

Ele cruzou os braços e ficou de costas.

-Eu só achei que se divertiria comigo.

-Como você fez pra...

-Eu rackeei o sistema da cheritz.. para que seu celular emitisse ondas eletromagneticas modificadas para transformar você em particulas onde o app leria como dados de programação.

-Ou seja... Eu sou um personagem agora.

-Exato!

-Mas por que?

-Eu queria te conhecer de verdade, saber como você era.. mesmo sem saber se me escolheria no final.

-Eu..

-Bom decidi a partir das estatisticas do jogo onde você passou 10 vezes tentando ter um final feliz comigo.

-Tentei não é? mas não obtive sucesso, digamos que você se faz de dificil.

-Não é meu objetivo ter uma namorada.

-Ah não? Aposto que está caidinho por mim.

-Eu aposto que não.

-Você me traz para dentro do jogo e quer que eu acredite nisso?

-Bo..bom não tem nada a ver..

-Você é tão... idiota.

-Eu só queria que você me visse como eu sou não como eu sou entende?

-O que?

De repente meu celular toca.

-Alô.. Yoosung?

-Oi Nini bom dia, hun tudo bem?

-Sim estou... arg Seven me da meu celular...-"Não vou dar" ouve se ao fundo na ligação...

-Tu..tu..tu

-Idiota quebrou meu celular.

-Te trago aqui pra me ajudar e você me trata como se não fosse ninguem, Aish você é igual as outras.

-Ta me chamando de uma qualquer?

-Se a carapuça serviu.

Dei lhe um belo tapa na bochecha, ele me olhou indignado e desabei após, então estou na droga de um apartamento presa pra sempre e sou comparada a uma qualquer? O que eu devo fazer eu gostaria de ir pra casa. As lágrimas vieram de duzias, minhas pernas bambearam e caí de joelhos.

-Por favor...vá embora...

Coloquei as mãos sob o rosto e ouvi a porta se fechar, fiquei no chão por mais alguns minutos e resolvi me acalmar, foi quando vi uma carta sob a mesa de centro.

"Querida Nini.

Eu sei o quanto fui egoista em pensar apenas e unicamente em mim, lhe coloquei em risco e presa nesse apartamento apenas para me sentir alguem. Eu não sei se já se apaixonou, mas eu por outro lado.. nunca havia ocorrido antes de você, não á conheço direito pois sempre brigamos e tudo por meu enorme ego. Deve estar com muita raiva, entendo, mas saiba que fiz tudo que fiz para ver seu sorriso de perto, tocar seus cabelos e deitar em seu colo vendo um filme qualquer com a esperança de preencher todo o vazio que sinto. Como se o mundo me excluisse de seu interior e me empurrasse para um buraco negro. Me sinto vazio, mas algo em você me diz que deveria tentar, deveria lutar. Eu sei que deve amar o Yoosung, afinal ele te faz sorrir, e o que eu faço? Eu encomodo as pessoas, não sei como me portar com elas, eu não sei como arriscar sentir coisas que nunca senti ou dizer coisas que não sei se viriam a calhar. Eu só sei de uma coisa, Eu Amo você, e se você gosta de mim apenas um pouco tente me entender, eu sempre tenho problemas, os piores possíveis e pela primeira vez achei minha Heroina. Obrigado por ler até aqui... Seven Zero Seven se retira

Pense bem antes de me procurar..

 YO~LO~LON~ "


Notas Finais


o que será que ela fará agora? Haha veremos no próximo!!
Comentem o que acharam^-^ Seokisses e até o próximo Capitulo ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...