História Dreaming - Imagine BTS(Hot) - Capítulo 7


Escrita por: ~ e ~Moon_MinAh

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Got7, Hentai, Hot
Visualizações 634
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii Sweeties lindas(os) do meu kokorooooo
Então.... sei que deixei vcs aflitas depois do cap. anterior né.... hehehehe
Mas aqui estou postando mais um capítulo, o capítulo delícia que eu sei que era o que vcs queriam né.... Safadjenhas....
Enfim, espero muito que gostem e se liguem nas notas finais que eu tenho um recadinho bem supimpa pra vcs... uheuehue
Acho que irão gostar hein...

Beijos e boa leitura!!!

Capítulo 7 - Mestre Park "Daddy"


Fanfic / Fanfiction Dreaming - Imagine BTS(Hot) - Capítulo 7 - Mestre Park "Daddy"

Dreamer P.O.V

 

       Ali estava eu, prestes a ser levada para o mais profundo pecado, aquele homem era realmente um fruto proibido, assim como a maçã que eu havia deliciado momentos antes. Ele continua com seus lábios em meu pescoço, lambendo, mordendo e chupando o mesmo, me enchendo de marcas. Ele sobe seus lábios em direção aos meus iniciando um beijo quente e possessivo da parte dele. Ele me beijava como se quisesse reclamar sua posse sobre mim, sua língua explorava a minha numa dança sensual e cheia de desejo.

        Ele vai me puxando mais fundo na água até estarmos completamente submersos. A sensação era deliciosa. Voltando a superfície, ele abaixa o busto do meu vestido, enquanto afasta os panos da saia, deixando o mesmo preso em minha cintura e braços. Começa a trilhar um caminho de beijos molhados em direção aos meus seios, parando e encarando os mesmos com aquele olhar pervertido. Sem aviso ele abocanha meu seio direito com movimentos rápidos e ferozes, mordiscando meu bico rijo e lambendo freneticamente, enquanto massageia o outro com a mão, trocando os lados em seguida.

 

(s/n) – Aaaww... Mestre... – Falo entre gemidos. Ao ouvir isso ele leva uma mão até meus cabelos me forçando pra baixo da água, onde ele segura por alguns segundos e me ergue em seguida, seus olhos queimando os meus.

Jm – Já disse pra você me chamar de Daddy. Aprenda a me obedecer. – Ele diz com um misto de raiva e prazer em sua voz e eu apenas assinto.

 

          Ele volta sua atenção aos meus seios enquanto desce sua mão livre apertando minha bunda. Sinto-o escorregar sua mão até minha intimidade, e a sensação de ser tocada em baixo da água me faz arfar. Logo ele enfia dois dedos em minha intimidade com força, indo fundo e mexendo os mesmos rápido e forte. Começa a estimular meu clitóris com o polegar e sinto meu corpo estremecer em seus braços.

        Parando com seus movimentos, ele me empurra até a borda da banheira, me fazendo sentar ali, e se abaixa, aproximando sua boca da minha intimidade.

 

Jm – Não quero ouvir um gemido se quer seu, seja uma boa menina e me obedeça. – Fala e logo abocanha minha intimidade. Mordo meu lábio inferior tentando conter os gemidos enquanto ele trabalha maravilhosamente com sua língua quente em meu botãozinho. Ele passa sua língua por toda minha intimidade, rodeando minha entradinha que já se encontrava encharcada com o pré-gozo. – Tão deliciosa, estou louco pra sentir seu melzinho em minha boca. – Diz e retorna a me chupar freneticamente. Sinto meu corpo estremecer e ele volta a estocar seus dedos em minha intimidade, mais forte e mais fundo. Meu interior começa a apertar seus dedos, anunciando que meu ápice já iria chegar. Rapidamente ele retira seus dedos e estoca sua língua na minha entrada enquanto me derramo em sua boca. – Que delícia, tão docinha, um verdadeiro mel. Nossa Sighter é tão perfeita.

 

        Já com as pernas bambas, deixo meu corpo escorregar para baixo da água assim que ele se afasta. Vejo ele voltar com uma faixa azul, já sabendo o que ele ia fazer me viro de costas para que ele possa amarrar a faixa em meus olhos.

 

Jm – Que obediente, hein? Assim que eu gosto. – Amarra a fita e desce suas mãos até minha bunda, levantando a mesma e dando dois tapas fortes, me fazendo sentir aquela área esquentar. Com certeza havia ficado vermelho com as marcas de suas mãos. – Agora empina bem essa bundinha, e pode gemer, bem alto, geme bem alto pro Daddy.

 

         Obedeci, me escorando na beira da banheira e deixando minha entrada bem exposta pra ele. Sua mão desce por minha perna direita a erguendo e colocando sobre a borda da banheira, me deixando bem aberta. Sem mais delongas, ele empurra seu membro com força pra dentro da minha bocetinha sedenta, me fazendo gritar com a pressão. Ele vai fundo com estocadas lentas e poderosas, acelerando cada vez mais seus movimentos. Sinto suas mãos em minha cintura, onde ele segura com força, me puxando em direção a ele.

           Uma de suas mãos escorrega em direção ao meu clitóris, estimulando com dois de seus dedos de maneira rápida, me fazendo chegar ao meu segundo orgasmo gritando e gemendo loucamente.

 

(s/n) – Aaaww Daddy... Isso... Não para... – Ele ri satisfeito e se retira de dentro de mim, me virando e erguendo meu quadril, apoiando minha perna esquerda no seu ombro, fazendo com que eu deite as costas na beirada da banheira. Ele volta a me penetrar, dessa vez lentamente, e vai enfiando seu membro grande e grosso até o fundo, encontrando meu ponto frágil fazendo eu gemer mais alto. – Daddy!! Aaaww... Aí, bem aí... Mais rápido, Daddy... – Entendendo o recado, ele começa a me estocar mais rápido e fundo, tocando sem parar em meu ponto frágil 10, 20, 30 vezes, até que alcanço meu terceiro ápice. Mais algumas estocadas e ele também chega ao seu orgasmo, derramando seu líquido quente em meu interior.

Jm – Boa menina. Perfeita. Gostosa. Merece um prêmio. Mas só vai ganhar mais tarde. – Diz isso e ataca meus lábios com força. E de novo, sinto a escuridão tomar conta de mim.

 

“A Autora” P.O.V

 

       O beijo se torna suave enquanto Dreamer mergulha na escuridão. Acariciando os cabelos molhados dela, Mestre Park Jimin transforma aquele beijo, antes tão feroz, em um beijo calmo e cheio de amor e novamente as vestes dela mudam de cor, transformando-se num azul royal. Ainda beijando ela, ele mergulha seus corpos na água, levando Dreamer para mais uma visão.


Notas Finais


Uuffaaa... pensei que não ia sair viva desse... sei que ficou mais curtinho, mas, ao contrário do hot do jeon, esse foi só o hot mesmo, enquanto do jeon foi a apresentação dele junto né....
Espero que tenham gostado...
Bom, é isso pessoinhas lindas que eu amo... Espero que tenham gostado do capítulo e da notícia.... heheheh...
Deixem nos comentários o que acharam

Beijinhos e até o próximo cap. :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...