História Duas loucas e cães no DL - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Beatrix, Carla Tsukinami, Christa, Cordelia, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Reiji Sakamaki
Tags Comedia, Loucuras, Romance, Sustos
Exibições 26
Palavras 2.419
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Harem, Hentai, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 23 - Under The Moon


Fanfic / Fanfiction Duas loucas e cães no DL - Capítulo 23 - Under The Moon

Atena on.

Eu acordei em um quarto dourado e branco,olhei em volta,ninguém.

Eu: Onde eu estou ? Perguntei pra mim mesma.

???: Que bom que acordou.

Eu: Kyaa !

Cai da cama,rapidamente senti uma mão sobre meu rosto.

???: Você está bem,se machucou ?

Abri os olhos.

Eu: Sebastian !!!!??

Sebastian: Acho que sim.

Me levantei e correlacionei as coisas.

Eu: AH,você me sequestrou.

Sebastian: Não foi bem ass-

Comecei a tacar qualquer coisa nele.

Eu: Ah,sequestrador,fica longe de mim.

Sebastian: Calma,deixa eu explicar.

Parei mais um momento pra pensar.

Eu: Eu vou sofrer de novo ? - abracei o travesseiro que tava na minha mão e me sentei no chão- eu não quero,não de novo.

Abracei mais forte o travesseiro e comecei a chorar.

Eu: Não de novo,eu não quero.

Sebastian: Hey,calma.

Abrem a porta,Luke entra e olha em volta.

Luke: O que aconteceu aqui,você está bem ?

Eu: Não de novo.

Apenas repetia aquilo pra mim,enquanto as lágrimas caiam,flashback's da minha infância não paravam de passar na minha mente.

Luke: Atena,se acalme.

Ele se aproximou de mim,me afastei,o medo já havia me dominado,assim como as memórias da minha terrível infância.

Eu: Por favor,não - Coloquei minha  mão sobre meu rosto -  Eu não quero isso,não de novo.

Nada mais existia em mim agora,apenas medo,era como se minha alma estivesse sendo destruída,só de lembrar das cenas,e cada vez eu entrava em um abismo mais fundo,o desespero aumentava,sinto uma mão em meu ombro,por reflexo me afasto.

Eu: Ah ! 

Me viro e vejo Artêmis,ela fazia um sinal para que me acalmasse,só ela podia fazer eu me acalmar a qualquer momento,estendi a mão para toca-la mas ela sumiu,como um fantasma,um reflexo na água.

Eu: Não,eu não consigo,não sem você aqui,não sem você...

Falei baixo e logo depois senti minhas forças indo embora,tudo ficou calmo,todo medo se foi,tudo ficou;escuro.

Sonho on

Eu estava em um campo,eu conheço bem,costumava vir aqui,fechei os olhos pra sentir a brisa suave do campo .

???:  Atena,é você ?

Me virei pra ver a mulher que sorria gentilmente pra mim.

Eu: Mãe!

Corri para abraça-la.

Mãe: Você está tão linda minha filha.

Eu: Sinto sua falta mãe.

Mãe: Eu também meu amor.

Eu: Como é ?

Mãe: Como é o que ?

Eu: Morrer ?

Mãe: Pode ser turbulento no começo,mas depois é calmo,não está pensando em se matar não é ?

Eu: Não.

Mãe: Acho bom,não te coloquei no mundo pra você se matar,sabe por que eu coloquei seu nome de Atena ?

Eu: Porque eu sou muito bonita ?

Mãe: ~ri~Também,mas foi porque Atena é a deusa das estratégias de batalha, civilização, sabedoria, artes, justiça, habilidade, inspiração, força e matemática,e você tem tudo isso,menos em matemática e civilização.

Eu: Hey,eu sou ótima em...civilização.

Mãe: Aham,sei.

Eu: Mãe,você consegue ver as coisas,que acontecem na terra.

Mãe: Sim,nas duas.

Eu: A Artêmis tá bem ?

Mãe: Você sente que ela está mal ?

Eu: Não.

Mãe: Então ela está bem,vocês estão conectadas,a amizade de vocês é uma coisa muito forte e pura,nada pode quebrar uma amizade assim,agora você tem que ir.

Ela colocou a mão sobre meu rosto e fechou meus olhos.

Mãe: Adeus Atena.

Eu: Adeus mãe.

Deixei uma única lágrima rolar pelo meu rosto,tanto de felicidade quanto de tristeza.

Sonho off

Acordei me levantando da cama bruscamente e olhando em volta,vejo Luke sentado na cama ao meu lado e Sebastian em uma poltrona um pouco longe com um bloquinho na mão,me lembrou do Lysandre . #AmorDoce

Luke: Acordou Bela Adormecida ?

Eu: Claro,meu príncipe esqueceu de me despertar.

Luke: Pode deixar que da próxima vez ele não se esquece.

Eu: Haha,vou me certificar de que não haja uma próxima vez.

Me sentei na cama,legal,eu to com um vestido azul e branco,vou nem perguntar quem me vestiu pra não dar merda.

Eu: Onde eu estou ?

Sebastian: Vem cá.

Ele me tirou da cama e me levou até a janela,era possível ver o mar de lá,uma bela visão noturna.

Sebastian: Estamos em uma mansão a beira-mar.

Eu: Que lindo !

Alguém abre a porta.

Alguém: Sebastian,estão te chamando no comando.

Sebastian: Claro,vou ter que ir agora Princesa,nos vemos mais tarde eu espero.

Me deu um beijo na mão e saiu,continuei observando o mar da janela.

Luke: Gostou da vista ?

Eu: Sim,é linda.

Luke: De fato,gostaria de ir lá ?

Eu: Na praia ?

Luke: Onde mais ?

Eu: Seu quarto.   Brinquei.

Luke: Se preferir podemos ir lá .

Eu: Estava brincando.

Luke: Mas eu não,quer ir na praia ?

Eu: Eu adoraria.

Luke: Então vamos.

Eu: Podemos ?

Luke: Até parece que você se importa em quebrar algumas regras.

Sorri divertida e fomos correndo pelos corredores,nos escondendo dos guardas.foi bem divertido.
Chegamos a praia,era perfeita,a lua parecia se juntar com o mar,em perfeita sintonia,criando uma visão que se assemelhava a um sonho,tudo em perfeita harmônia,a brisa fresca,o som das ondas quebrando na praia,a luz da lua e seu reflex da água.
Sinto alguém me abraçando por trás.

Luke: O que achou da vista ?

Eu: É perfeita,mas seria melhor se você me largasse.

Luke: Tudo bem,eu já volto ok ?

Eu: Ok.

Ele foi pra algum lugar,segurei meu vestido e fiquei molhando meus pés na água(imagem do cap)sempre gostei dessa sensação,esse vestido não ajuda muito,ele é bem pesado e está ficando encharcado.
Tirei meu vestido,pra minha surpresa eu estava vestindo um maiô branco de renda,lindo,fiquei sentada na areia observando o mar.

Eu: Just give me a reason

Just a little bit's enough

Just a second we're not broken just bent

And we can learn to love again

It's in the stars

It's been written in the scars on our hearts

We're not broken just bent

And we can learn to love again                                               

---------------------------------------------------------------

Dê-me apenas um motivo

Só um pouquinho já basta

Só um segundo, não estamos quebrados, apenas curvados

E podemos aprender a amar novamente

Está nas estrelas

Foi escrito nas cicatrizes dos nossos corações

Não estamos quebrados, apenas curvados

E podemos aprender a amar novamente

______________________________________________

Me deitei na areia e fiquei observando a lua.

Eu: We can learn to love again - E podemos aprender a amar novamente.

Soltei um riso nasalado.

Eu: Parece que cantar e gravar letras de musicas não é o meu forte mais,essa eu sei.


Demons

When the days are cold

And the cards all fold

And the saints we see

Are all made of gold

 

When your dreams all fail

And the ones we hail

Are the worst of all

And the blood's run stale

 

I want to hide the truth

I want to shelter you

But with the beast inside

There's nowhere we can hide

 

No matter what we breed

We still are made of greed

This is my kingdom come

This is my kingdom come

 

When you feel my heat

Look into my eyes

It's where my demons hide

It's where my demons hide

Don't get too close

It's dark inside

It's where my demons hide

It's where my demons hide

 

When the curtain's call

Is the last of all

When the lights fade out

All the sinners crawl

 

So they dug your grave

And the masquerade

Will come calling out

At the mess you made

 

Don't want to let you down

But I am hell bound

Though this is all for you

Don't wanna hide the truth

 

No matter what we breed

We still are made of greed

This is my kingdom come

This is my kingdom come

 

When you feel my heat

Look into my eyes

It's where my demons hide

It's where my demons hide

Don't get too close

It's dark inside

It's where my demons hide

It's where my demons hide

 

They say it's what you make

I say it's up to fate

It's woven in my soul

I need to let you go

Your eyes, they shine so bright

I want to save their light

I can't escape this now

Unless you show me how

 

When you feel my heat

Look into my eyes

It's where my demons hide

It's where my demons hide

Don't get too close

It's dark inside

It's where my demons hide

It's where my demons hide

Demônios

Quando os dias são frios

E as cartas todas se abaixam

E os santos que vemos

São todos feitos de ouro

 

Quando todos os seus sonhos falham

E aqueles que saudamos

São os piores de todos

E o sangue fica seco

 

Quero esconder a verdade

Quero abrigar você

Mas com a fera dentro

Não há onde nos escondermos

 

Não importa o que criamos

Ainda somos feitos de ganância

Este é o meu fim

Este é o meu fim

 

Quando você sentir o meu calor

Olhe nos meu olhos

É onde meus demônios se escondem

É onde meus demônios se escondem

Não se aproxime muito

É escuro aqui dentro

É onde meus demônios se escondem

É onde meus demônios se escondem

 

Quando as cortinas se fecharem

Vai ser pela última vez

Quando as luzes se apagarem

Todos os pecadores vão rastejar

 

Então eles cavaram a sua sepultura

E o baile de máscaras

Chegará anunciando

A bagunça que você fez

 

Não quero decepcionar você

Mas meu destino é o inferno

Embora tudo isso seja para você

Não quero esconder a verdade

 

Não importa o que criamos

Ainda somos feitos de ganância

Este é o meu fim

Este é o meu fim

 

Quando você sentir o meu calor

Olhe nos meu olhos

É onde meus demônios se escondem

É onde meus demônios se escondem

Não se aproxime muito

É escuro aqui dentro

É onde meus demônios se escondem

É onde meus demônios se escondem

 

Dizem que é o que você faz

Eu digo que depende da fé

Está enrolada na minha alma

Tenho que deixar você ir

Seus olhos, eles brilham tanto

Quero guardar a luz deles

Não posso fugir agora

A menos que você me mostre como

 

Quando você sentir o meu calor

Olhe nos meu olhos

É onde meus demônios se escondem

É onde meus demônios se escondem

Não se aproxime muito

É escuro aqui dentro

É onde meus demônios se escondem

É onde meus demônios se escondem

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Até que não foi tão ruim,me levantei e entrei na água,perfeita,a água n eu,quer dizer,eu tbm sou perfeita mas,aff,cês entenderam.
Sai da água balançando o cabelo artisticamente,fiquei pulando as pequenas ondas que quebravam na costa,e rindo como uma otária.
Depois eu voltei pra areia,me deitei e fiquei apreciando o silêncio,até que um poema me veio a mente.

Eu: É na voz do silêncio que eu te escuto

Quando ele está assim tão caladinho

Não é do silêncio que eu tenho medo

Medo eu tenho quando há tanto burburinho

 

No silêncio eu escuto a tua alma

Que sei me fala dos teus lamentos

E é na quietação que tu me falas

Que deixas fluir os teus tormentos.

 

E escuto os sonhos que te sustentam

Em abismos de calemas encobertas

E são esses desvarios que te aguentam

Ilusões das tuas horas tão incertas

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Aqui é tão perfeito,mds !!!! -me levantei rapidamente - Será que eu morri ?

Eu acho que ouvi alguém rindo,olhei em volta,minha atenção parou em um homem alto,escondido nas sombras,perto de uma caverna.
Me levantei e fiquei pensando se eu ia lá pra ver quem era,ficava aqui e fingia que não vi nada,ou,fugia discretamente,perai,a quanto tempo eu tô andando ?

Eu: Oh,f*ck.

Olhei pra frente e lá estava ele,qual é o meu problema,mano que medo,esse cara é enorme,ele deve ter uns dois metros,mano eu conheço esse cara,é do DL,eu acho que é o.

Eu: Shin Tsukinami.

Shin: Como sabe o meu nome ?

Eu: Eu,é que ,eu ahmm.........,eu não sei seu nome. Neguei com a cabeça.

Shin: Sabe sim,você acabou de falar.

Eu: Eu ?,não,você deve estar ouvindo cisas Shin.

Burra,idiota,vc acabou de falar o nome dele,droga,sua trouxa,continuei me xingando mentalmente.

Shin: Vou perguntar mais uma vez,Como você sabe o meu nome ?

Eu:  Eu-e....

Ele aproximou seu rosto do meu.

Shin: Diga a verdade,não teste minha paciência,não gostará de me ver estressado.

Comecei a me lembrar do que a Mis me falou sobre os Tsukinamis.

Eu: Idade 17 anos

Shin Tsukinami é o irmão mais novo dos fundadores. Ele é o segundo filho de Krone e Giesbach, o ex-Primeiro rei de sangue.

Porque ele possui um orgulho alta como fundador, ele olha para baixo em cima das outras linhagens. "Beautiful sangue" é a sua preferência e frequentemente profere declarações narcisistas. Normalmente, seu discurso é educado, mas quando ele perde a paciência suas palavras se tornar violenta e muitas vezes contêm observações pejorativas ou insensíveis.

Shin Tsukinami é um personagem muito sádico. Ele tem prazer em outros miséria e dor. Ele olha para baixo em cima de todo mundo além de seu irmão. Shin gosta de torturar ou humilhar a heroína. Ele também gosta de fazê-la sentir-se envergonhado.

Shin geralmente segue as ordens de seu irmão mais velho Carla que ele teme e respeita, no entanto, ele é muitas vezes demasiado impetuoso e corre para a ação, enquanto o seu irmão prefere pensar antes de agir. Shin muitas vezes subestimar os seus adversários, olhando para eles, o que por vezes recebe-lo em problemas graves,oh droga,porque eu falei isso ?

Shin: Como você-

Eu: Esqueça tudo que eu falei,nossa,está tarde,eu tenho que ir,boa noite.

Me virei e andei um pouco rápido,só pra não correr,adivinha quem apareceu na minha frente ?

Shin: Você não vai embora antes de me contar como descobriu tudo isso,que bom que já sabe o que acontece com quem me irrita.

Eu: Mas eu não sei de nada,por favor me deixa ir.

Ele segurou meu braço

Shin: Você não vai sair daqui até me contar a verdade.

Agora parece que me deram um tiro de idiotice,pq eu não consigo parar de olhar pra ele,seus traços,tudo sobre a lua parece mais atraente,nossa,como eu só percebi agora que ele é lindo.

Shin: Por que está me olhando assim ?

Com mais um tiro de idiotice e uma flecha do cupido idiota,eu o-beijei,aquilo parecia,tão certo,tão errado e tão idiota,e,tão perfeito,é eu morri,ou estou perto de morrer.
O estranho é que ele não tentou se afastar,apenas correspondeu ao beijo,que foi calmo e doce,me afastei e olhei nos olhos dele.

Eu: Tá aí a sua verdade,bom proveito. Falei sarcástica.

Me virei e saí dali,onde o Luke se  meteu ?
Voltei pro "meu" quarto tomei um banho,troquei de roupa e fui dormir,eu acho que eu nunca fiz ou falei tantas coisas idiotas em um dia só.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Continua,espero que tenham gostado.


Notas Finais


Maiô Atena: https://scontent.cdninstagram.com/t51.2885-15/s640x640/sh0.08/e35/12568791_993074344097216_1624777874_n.jpg?ig_cache_key=MTE4MjgxNTc5NjE2NDc0Nzg4Mg%3D%3D.2.lv
Você shippam : MikeMis ou Arteryan.
Lukena ou Ateniam
Péssimos Shipps mas cês entenderam.
Mais alguém aqui AMA Nightcore ?
Coloquem aí nos comentários.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...