História Dúvida e Confiança - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bleach
Personagens Byakuya Kuchiki, Hinamori Momo, Ichigo Kurosaki, Isshin Kurosaki, Karin Kurosaki, Kenpachi Zaraki, Orihime Inoue, Rangiku Matsumoto, Renji Abarai, Rukia Kuchiki, Sado Yasutora, Shihouin Yoruichi, Toushirou Hitsugaya, Ukitake, Urahara Kisuke, Uryuu Ishida, Yashiro
Tags Hitsukarin, Ichiruki
Exibições 181
Palavras 1.265
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente
Desculpas
Eu sei que demorei para postar
Mas eu vou explicar
O capítulo estava quase pronto já na quinta
Só faltava o final mesmo
Mas sexta eu acordei muito mal
Estava doente, passei todo o final de semana assim, eu então não estava em condições de terminar, até ontem ainda estava assim
Mais hoje acordei muito bem e consegui agora a pouco terminar o capítulo
Sem mais delongas
Boa leitura

Capítulo 9 - Capítulo 8


Karin abriu os olhos lentamente, ainda sentia um pouco de dores pelo corpo, fitou o teto branco do quarto e começou a pensar em tudo que havia ocorrido no dia anterior, sua luta contra o hollow, e depois sendo salvar por Toushirou, esse era com certeza a fonte de todas as suas dúvidas, sabia que foi ele que a levou até Urahara, mas quando acordou ele  não estava mais lá.
"Não se preocupe Kurosaki-san, ele tinha que resolver alguns assuntos urgentes" Foi o que Urahara lhe disse com um sorriso muito suspeito na sua opinião, mais admitia que ficou curiosa para saber que assunto urgente era esse, já que ele sequer esperou que acordasse, apesar de todos terem garantido que ele só saiu por que sabia que estava bem, fato que a fazia se sentir muito bem, mesmo que não entendesse que sentimento era esse, mas realmente ficou feliz ao saber que ele se preocupou consigo.
- Karin-chan, você tem que se arrumar rapidamente se não iremos nos atrasar - Disse Yuzu aparecendo na porta do quarto já pronta.
- Já estou indo Yuzu, já estou indo - Respondeu enquanto se levantava, não que se importasse em chegar um pouco atrasada na escola, mais sabia que Yuzu era muito pontual para se atrasar para o que quer seja.
Se arrumou a tempo de tomar café com o resto da família.
- Você chegou tarde ontem Karin - Ichigo começou - Onde estava?
- Na casa da Yuna, tínhamos um trabalho para entregar hoje.
- Trabalho de que Karin-chan?
- História - Respondeu rapidamente.
Percebeu que Ichigo ficou desconfiado mais não falou mais nada, mas não é como se tivesse tido a oportunidade, seu pai apareceu e começou com o escândalo de sempre chorando para o pôster da mãe.
Karin foi todo o caminho perdida em pensamentos, sabia que Yuzu estava falando alguma coisa, mas não estava prestando atenção, só concordava quando ela se calava esperando uma resposta sua.
Mas seus pensamentos estavam em um certo albino baixinho, não que pudesse o chama assim agora, pelo que se lembra do seu rápido reencontro, ele parecia mais alto do que se lembra, ele parecia diferente também, estava usando um cachecol turquesa, mas não teve de ver e analisar todas as mudanças da aparência dele, realmente gostaria de ter falado com ele, mas o problema era como achar ele?
Saiu de seus pensamentos quando escutou o alarme, foi quando percebeu que haviam chegado na escola.
- Boa aula Karin-chan - Yuzu falou enquanto se afastava para falar com as amigas que se a chamavam.
- Bom dia Karin-san - Yuna se aproximou sorrindo.
- Bom dia Yuna.
- Está sabendo da novidade?
- Novidade?
- Sim, parece que chegou um aluno novo na escola - Respondeu empolgada.
- Ok. E o que isso tem demais?
- Ele será da nossa sala - Quem respondeu foi Chihiro que se juntou as amigas.
- Como você sabe disso? - Perguntou Yuna.
- Esqueceu? Meu irmão é representante do conselho estudantil - Falou como se fosse óbvio.
Karin riu, apesar de serem bastante diferentes uma da outra, e até diferente de si mesma, eram excelentes amigas.
- Ho é mesmo! Tinha me esquecido que o Hitomi-senpai era seu irmão Chihiro-san.
Karin revirou os olhos, Hitomi era o irmão mais velho de Chihiro e era também representante do conselho estudantil, era bastante parecido com a irmã, era gentil e agradável com todos.
- Você não está interessada em conhecer o aluno novo, Karin? - Chihiro perguntou.
- Não, além do mais se ele será da nossa turma, eventualmente iremos o conhecer, não é mesmo? - Respondeu de forma entendiada.
- Não está mesmo nenhum pouquinho curiosa? Quem sabe ele é bonito? - Perguntou Yuna.
- Quem sabe ele não seja um idiota? Como a maioria dos garotos da escola - Rebateu Chihiro.
- Do que adianta ficar especulando? Ninguém conhece esse garoto, se é que é um garoto, pode ser uma garota, afinal a única coisa que todos sabem é que tem um aluno novo - Karin falou encerrando o assunto - Vamos entrar que logo a professora irá chegar.
Entraram na sala e se dirigiram as suas mesas, Karin se sentou e observou as amigas discutindo sobre uma atividade que era ou não para ser entregue hoje, revirou os olhos novamente.
Apesar de demonstrar tédio ou desinteresse para quase tudo, as vezes gostaria de ser como elas, as únicas coisas que realmente se preocupavam, era com a lição de casa ou o que faz no fim de semana, suspirou e começou a rabiscar o caderno, nunca quis ser capaz de enxergar fantasmas, monstros ou qualquer outra coisa sobrenatural, algumas pessoas achavam que era louca ou até mesmo uma adolescente problemática, sem os seus poderes sua vida com certeza seria mais fácil.
- Bom dia turma - Falou a professora que havia acabado de entra na sala chamando a atenção dos alunos - Bem antes de começarmos a aula, quero apresenta um aluno novo que foi transferido para nossa escola recentemente. Pode entrar - Falou para alguém do lado de fora da sala.
Quando a pessoa entrou Karin arregalou os olhos e ficou muda, não conseguia crer no que seus olhos viam, ainda bem que toda a turma estava olhando para o garoto que havia acabado de entra na sala para poderem ver a sua reação.
Na frente de todos os seus colegas de classe e ao lado da professora estava um garoto de cabelos brancos, olhos turquesas e vestia o uniforme da escola, mas o que realmente chamou atenção foi a sua expressão, a de que ia matar alguém.
Na sua frente estava ninguém mais do que Toushirou.
As reações eram as mais diversas, algumas garotas se derretiam e lançavam sorrisos bobos, que eram prontamente ignorados pelo albino, os garotos eram os mais divididos, alguns o olhavam assustados, afinal não era todo dia que viam alguém com cabelos daquela cor, outros o encaravam com raiva, tentando amendontra-lo, mas Toushirou olhava para a turma como se procurasse algo, ou mais especificamente alguém, assim que seus olhos pousaram em Karin, focaram nela e não desviaram uma única vez. Karin por sua vez também o encarava, mas não tinha o olhar sério como o do capitão, ainda estava surpresa demais para simplesmente não o olhar de forma chocada.
- Por que não se diz o seu nome para todos?
- Hitsugaya Toushirou - Disse ainda a encarando, a voz grossa e imponente fez as garotas se derreterem ainda mais e os garotos o olharem assustados.
- Pode e se sentar é só escolher um lugar de seu agrado - A professora falou olhando para Toushirou.
Hitsugaya olhou mais uma vez para a turma antes de se dirigir para o local que já havia escolhido e se dirigiu para a mesa ao lado de Karin, era a antepenúltima da fila no meio da classe.
- O que faz aqui? - Karin perguntou se virando para o garoto ao seu lado.
- Estudando, o que mais se faz em uma escola? - Toushirou falou como se fosse óbvio, ganhando um olhar de poucos amigos da morena, suspirou, sabia que teria dar uma explicação para ela - Acho que aqui não é o lugar ideal para se discutir isso.
Karin olhou ao redor e viu que todos os encaravam, inclusive suas amigas a olhavam de forma curiosa, suspirou, teria que esperar, virou para frente e encarou o nada.
Toushirou avaliou a situação em que estava, e nesse momento teve certeza de uma coisa, iria matar Urahara Kisuke.


Notas Finais


Me digam o que acharam sim?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...