História E agora como sera a minha vida - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Luna Valente, Matteo, Simón
Tags Souluna
Visualizações 136
Palavras 2.583
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoal,tudo bom? Ai vai mais um capítulo para vocês...espero que curtam ,tenham todos uma boa leitura! 😙

Capítulo 30 - Conversas Desagradáveis


Fanfic / Fanfiction E agora como sera a minha vida - Capítulo 30 - Conversas Desagradáveis

     CONVERSAS DESAGRADÁVEIS

Era plena manhã de segunda feira,Todos estavam na escola,tinha acabado de dar a hora do recreio.Ambar e Simon foram pra cantina,e Matteo estava procurando por Luna.Ele ligou pra ela o Domingo todo ,foi na casa dela e ela não estava(ligou pra Ambar e a pedido de Luna que alegou estar chateada com Matteo, a irmã mentiu e disse que ela não estava lá.) Então vasculhou a escola toda procurando por ela,e quando já iria desistir encontrou ela conversando com a Diretora do colégio.

Matteo:Luna...Oque aconteceu que você sumiu o Domingo todo?

Matteo chega falando,já querendo uma resposta ,e Luna finaliza a conversa com a diretora antes de ter que aguentar a conversinha cansativa dele.

Diretora:Tem mais alguma coisa a dizer ,ou é só isso mesmo?

Luna:Era só isso diretora.

Diretora:Tem certeza da sua decisão?porque depois não terá mais volta.

Luna:Tenho sim.

Diretora: Então está decidido.Vou voltar para a minha sala.

Luna:E eu já vou indo,tchau diretora.

Luna fala e vai em direção a Matteo .

Luna:Oque foi?

Matteo:Oque foi?você pergunta oque foi?você sumiu desde o chá de bebê da Nina,eu fui várias vezes na sua casa e você não estava lá,porque não me atendeu quando eu te liguei?

Luna:Matteo,eu não atendi porque precisava ficar sozinha.Mas que merda,será possível que você e minha mãe acham que meu mundo só gira em torno de vocês dois?

Matteo:Na n não.É que você sempre falava as coisas comigo ,e agora você está distante.

Luna:Eu preciso de espaço Matteo,e você vê se para de me procurar igual a um doido na minha casa.Porque depois minha mãe desconta a raiva é em mim,fica me enchendo o saco falando "porque você não tá falando com o Matteo?" ,"você não pode tratar ele assim", "tem que obedecer o seu futuro marido" , "tem que manter as aparências" ...Estou cansada disso,foda-se pras aparências .

Luna fala já saindo de lá apressada...

Matteo:Espera Luna deix..

Matteo fala indo atrás dela querendo se explicar mas ela não deixa ele terminar de falar e já o interrompe.

Luna:Eu vou atrás da Ambar ...e você nem pense em me seguir Matteo...Você gosta de manter as aparências demais,e sinceramente eu não estou afim disso hoje.

Ela diz e sai de lá,deixando Matteo perplexo com a atitude rebelde repentina dela ,e então ele fica lá parado ainda tentando processar na cabeça tudo que ouviu.

_______ / /________

Enquanto isso Ambar e Simon conversavam tranquilamente na lanchonete.

Ambar: Então...eu conversei com a Mônica e ela concorda com o seu avô,ela disse que não vai ser nada fácil pra mim cuidar dos bebês sozinha, ficou bem triste e disse que já se acostumou comigo.Mas ela acaba ficando até tarde no trabalho e também esta com medo de me deixar sozinha,falou que seria bom pra você também,ficar perto dos filhos .

Simon:Ahh..que bacana da parte dela amor,eu sei como ela sente falta de ter um filho ,e é como eu sempre digo, você ilumina tudo por onde passa e tenho certeza que ela vai sentir sua falta,eu já fico com saudades quando não te vejo durante a semana...ela conviveu com você a vida toda , você já é como se fosse filha dela.

Ambar:Sim,e ela vai ser sempre como uma mãe pra mim.Nós duas combinados de eu ficar lá pelo menos até meus 8 meses,quando estiver perto de ganhar eu ia pra sua casa, assim eu não iria ficar sozinha e teria vocês 2 me ajudando.

Simon: Excelente ideia amor,vai ser muito bom te ter lá comigo .

Eles estavam distraídos conversando ,até que Luna chega pra falar com a irmã.

Luna:Oi casal... irmã,posso falar com você?

Ambar:Claro Luna,senta aí .

Simon:Vou pegar uma água,depois eu volto.

Ambar:Tá bom amor..

Eles falam e se despedem com um beijo.

Luna:Eu tenho uma coisa pra te falar irmã,não sei se você vai ficar chateada,mas é algo que eu achei melhor pra mim.

Ambar: pode falar Luna..

Luna então começa a falar com Ambar meio nervosa e preocupada com a reação dela.

Luna:Eu sai das líderes de torcida... Você vai ficar chateada comigo?

Ambar então começa a rir um pouco da irmã que estáva bem preocupada .

Luna:porque está rindo?

Ambar:Estou rindo de você,KKK desfaz esse rosto de preculpacão Luna, é claro que não vou ficar com raiva de você irmã,ainda mais por causa disso.

Luna então fica surpresa.

Luna: É Sério? Eu pensei que você ia ficar chateada ,já que sempre quis me ver na torcida.

Ambar:Se fosse a um tempo atrás,acho que eu ia dar o meu chilique KKK e te implorar pra ficar .Mas eu estive pensando esses últimos meses no que era realmente prioridade na minha vida,e percebi que a torcida era mais um capricho do que uma necessidade.

Luna:Uauu..minha irmã com maturidade?pensei que nunca iria te ouvir falando isso.

Luna diz e as duas riem.

Ambar:Mas é sério.Você sabe que as coisas mudaram pra mim.E como a mamãe já se intrometeu e falou com os médicos e te contou que vou ter gêmeos, você pode imaginar que não vou ter tempo pra mais nada.

Luna: É,vai ser bem complicado viu,mas eu quero te ajudar no que puder Ambar.

Ambar:Obrigada,mas eu quero que se concentre em você agora irmã,você sempre foi como minha irmã mais velha,sempre tentando me ajudar em tudo ,agora quero que foque em você,e no que precisar eu te ajudo ok?

Luna:Ok irmã,vou achar algo pra me focar...

Ambar:E me desculpa por ter insistido pra você entrar na torcida naquela época.

Luna:Imagina, não tem que me pedir desculpas, até que foi divertido.Mas como você mesmo disse,as nossas vidas mudaram e assim como você descobriu novas prioridades eu também descobri novas coisas pra minha vida.

Ambar:E eu fico muito feliz por isso.

Ambar:Mas agora que Simon não está aqui perto da gente,quero que se abra comigo...eu quero saber porque quis que eu mentisse sobre onde você estava pro Matteo ontem?

Luna então tenta contar um pouco as coisas pra sua irmã,mas sem deixar escapar nada sobre o relacionamento falso.

Luna:Eu pedi que mentisse,porque queria um tempo pra pensar,eu gosto muito dele sabe Ambar.Mas é que é tudo muito diferente pra mim, fazer a transição de amizade pra namoro,eu amo o Matteo,mas às vezes ele fica meio do jeito do pai dele,coisa que ele nunca fazia quando éramos só amigos...e pra completar a minha mãe fica querendo se intrometer no meio da gente ,aí fica difícil nós dois termos privacidade.

Ambar:Nossa, não deve está sendo fácil pra você aguentar a mamãe sozinha.Ela realmente gosta de se intrometer em tudo Mas não deixa seu namoro ficar abalado por causa dela, não dê esse gostinho a ela.. combinado?

Luna:Combinado.

Ambar:Já conversou com o Matteo sobre isso?já falou com ele depois do chá da Nina?

Luna:Mais ou menos,pedi ele alguns dias pra mim pensar um pouco,depois quero falar melhor com ele.

Ambar:Que bom.Não gosto de te ver triste e pelo que eu vi na sala de aula,ele também está triste viu .E essa situação de vocês dois só vocês podem resolver.

Luna:Sim...o difícil vai ser resolver ,minha cabeça está cheia de tanta coisa.

Ambar:eu tive uma ideia pra você se distrair um pouco.Hoje vai ter uma palestra na faculdade municipal,eu e a Nina vamos,vai ser do Amigo dela o Augusto.Vamos com a gente? Ela me mandou mensagem hoje de manhã convidando,vai ser bom passarmos um tempo juntas.

Luna:Acho que vou sim.Preciso ocupar a minha cabeça com alguma coisa e vai ser bom passar a tarde com vocês.

Ambar:Ebaaa...Você vai amar.

Ambar fala feliz e abraça a irmã e Simon chega.

Simon:Desculpa a demora..estava na fila pra beber água..Vamos pra sala meninas?não sei se perceberam mas o sinal bateu a 5 minutos.

Luna:víxii ,nem percebi.

Ambar: É..a conversa estava tão boa que nos distrairmos.Mas agora vamos antes de ficarmos de fora.

_____ / / ______

Depois do intervalo as horas passaram rapido.Chegou o fim das aulas e todos já estavam indo embora.

Simon:Ahh...tem certeza que não quer ir lá pra casa hoje?

Ambar: Não é que eu não queira,é que hoje não é o dia né amor.Como eu disse,vou dividir o meu tempo com a Mônica e com você.

Simon:Ok...Eu já vou ,tenho que trabalhar mas vou ficar com muita saudade.

Ambar:Eu também.

Ela fala e eles se beijam apaixonadamente.

Simon:Até mais amor...te amo.

Ambar: Até mais... também te amo amor...

Então eles se despedem e cada um segue o seu destino.

E Luna já estava indo embora também,mas Matteo que ficou um pouco mexido com a breve conversa que tiveram mais cedo,resolveu falar com Luna antes de ir,e então parou ela para conversarem .

Matteo:Luna...Luna...espera um pouco.

Luna:oque é dessa vez Matteo?

Matteo: Não vou tomar muito do seu tempo.

Luna:Pode falar.

Matteo:Olha...me desculpa se eu estou te sufocando, é que está tudo bem confuso pra mim e as vezes eu não te entendo e também não me entendo ,então muitas vezes não sei como agir direito ...E não se preocupe que não vou mais na sua casa sem te avisar antes.Se você quer um tempo e o seu espaço tudo bem ,vou me afastar .

Luna:Ok, acho que vai ser bom pra nós dois.

Matteo então fala meio chateado com a situação.

Matteo:Já que nós não vamos nos ver fora da escola,podemos pelo menos andar juntos aqui no colégio? Sei que você me disse que está cansada de fingimento,mas se andarmos juntos aqui, nossos colegas não vão ficar fazendo perguntas,mas se andarmos afastados eles

Irão encher o saco perguntado o que tá acontecendo no nosso tal "relacionamento".

Luna:Tem razão....ok,aqui nós podemos andar juntos,oque eu menos preciso nesse momento é de algum idiota dessa escola me perguntando como está a minha vida amorosa.

Matteo:Combinado então.Ja vou indo, tenho que almoçar com meu pai e não quero te encomodar mais... até amanhã na escola.

Matteo se despede sem graça.

Luna:Também já vou,tenho que ir mais tarde em uma palestra com a Nina e a Ambar do amigo dela Augusto.Então até mais!

Luna também se despede um pouco sem graça.

Luna estava com raiva e triste pelas atitudes dele e ele com raiva e triste por ela está tão distante e indiferente.

______ / /_______

Já era de tarde em Buenos Aires e Simon estava trabalhando tranquilamente na oficina.Ricardo foi comprar suprimentos pra oficina e Simon estava sozinho.Até que um amigo chega.

Simon:Matteo? Oque faz aqui na oficina ?KKK gostou de trabalhar como meu ajudante e quer uma vaga de emprego né..?KKK

Simon fala rindo de Matteo.

Matteo:Hahaha,muito engraçado...Mas não é isso,eu precisava conversar com alguém , então pensei no cara mais apaixonado de Buenos Aires para me dar uns conselhos.

Simon:Então o assunto é Mulher?

Matteo: É sim...A senhorita Luna Benson está complicando a minha cabeça.

Simon:Me fala aí,oque está acontecendo com ela?

Matteo:A Luna mudou demais de uns tempos pra cá.Antes ela era mais tranquila e conversavamos numa boa,agora ela fica fugindo diz que eu a sufoco.

Simon:Mas talvez ela queria o tempo dela Matteo,todas essas complicações que vocês passam talvez não seja tão fácil pra ela ,quanto é pra você.

Matteo:Mas também não é fácil pra mim.Eu só me acostumei com a situação, é diferente.

Simon:Talvez seja esse o problema.

Matteo:Como assim? não entendi..

Simon: Você se acostumou com todos te dizendo oque fazer ,que agora nem vontade própria você tem mais.

Matteo:Mas eu tenho vontade própria.

Simon: Não ,você pensa que tem,mas não tem.Você está tão controlado que vai acabar perdendo a Luna ,isso se já não perdeu.

Matteo:Mas eu não entendo oque estou fazendo de errado.

Simon: Você está muito preso às regras que eles colocaram pra vocês Matteo,ao invés de você agir com a Luna normalmente,como um cara bacana e um bom amigo que você sempre foi pra ela,você Caga em tudo ,e a todo tempo fica enchendo a cabeça da menina com bobagens do tipo "Vamos nos abraçar ,eles estão nos olhando" ,vamos fingir bem "...isso é muito chato cara.Ela não é um robô , é tua melhor amiga.

Matteo ouviu o conselho misturado com sermão de Simon ,e então ficou com cara de tacho .Não sabia oque responder.

Simon: Não fica com essa cara Matteo.Só te falei isso porque sou seu amigo e amigo dela também.Então quero o melhor para os dois.

Simon:Porque você não liga pra ela agora,e marca de conversarem...sem rodeios e sem discussões, só uma conversa franca de amigos .

Matteo:Agora não dá,Luna quer um espaço pra ela, e eu prometi me afastar uns dias.E além disso ,agora a tarde ela vai a uma palestra de um Tal Augusto com a Nina e a Ambar,então não posso chegar querendo que ela desmarque oque combinou só pra conversar comigo.

Simon estava tranquilo conversando com Matteo,mas quando ouviu que a Ambar ia a um evento do tal Augusto,rapidinho ele já mudou a cara.

Simon:Ahhhh...se a Ambar acha mesmo que vai nesse negócio,ela tá muito enganada,ela não vai de jeito nenhum.

Simon fala pegando o celular para ligar pra Ambar.

Matteo:Calma cara, é só uma palestra.E as meninas vão junto com ela.

Simon:As meninas podem ir,mas a Ambar deve está sonhando se acha que vou deixar ela ir.

Então Simon disca pra ela, fica aguardando na linha,e então Ambar atende o celular.

Ambar:Oi Amoor, boa tarde ..que bom que ligou ,já estava com saudades.

Simon:Que história é essa de que você vai numa palestra com esse Augusto?

Simon fala com ciúme e Ambar já respira fundo pra tentar explicar ele.

Ambar:Nossa,que raiva toda é essa Simon,a Nina me chamou pra ir na palestra do Augusto,vou com ela e a Luna.

Simon:E porque não me disse nada?

Ambar:Porque não é nada demais, é só uma palestra.Porque está falando assim com tanta raiva amor?mais cedo nós estávamos bem.

Simon:Porque não gosto desse Augusto e não quero te ver perto dele.

Ambar:Mas ele é um amigo,eu só vou na palestra e venho embora.

Simon:Você não precisa de amigo Homem Ambar.E está muito enganada se está achando que eu vou te deixar ir, você não vai.

Ambar :Mas você não tem que me deixar ir Simon.Você é meu namorado, não meu dono.

Simon:Eu não sou seu dono,mas você é minha ,minha namorada,e não te quero perto de homem nenhum Ambar.

Ambar:Pra que esse ciúme todo?eu não vou fazer nada de errado .

Simon:Já te disse,não te quero perto dele e

Nem de nenhum outro homem.

Ambar:Amoor,eu te amo,mas quando você fica com esse ciúme besta ,você fica muito possessivo ,e isso não é legal.

Simon:E eu também te amo,e por isso não quero que vá e você não vai.

Ambar: Ahhhh ... Vou desligar...já é a terceira vez que você fica com esse ciúme bobo e eu não gosto disso.

Simon:Ambar ... não desliga Am...

E Ambar não esperou ele terminar de falar e desligou o telefone.Simon era uma ótima pessoa,mas tinha um pequeno defeito,era meio ciumento demais.

Luna:Oque aconteceu?vocês brigaram?

Ambar: É o Simon implicando ,ficou sabendo que vou na palestra e não gostou nada .

Luna:Sério?ele me parece ser tão tranquilo.

Ambar:E ele é,gentil e um amor de pessoa, só que ele arruma um ciúme comigo do nada...eu não gosto disso.

Luna:Nossa...aí é complicado.Mas e você,vai na palestra?

Ambar:Claro que vou.Ele é meu namorado mas tem que entender que eu tenho amigos ,não vou me afastar das pessoas só por causa dele.Eu amo o Simon mais que tudo, só que ele precisa se controlar.

Luna:Então vamos ,porque a palestra vai começar daqui a pouco.

_______ / / ______

Naquela mesma hora Simon estava olhando para o celular ,ainda surpreso por Ambar ter desligado na cara dele.

Simon:Ela desligou na minha cara ,acredita?

Matteo: Acredito...E ela teve razão em desligar na sua cara. Você estava de boa aqui, e quando eu te falei que ela ia sair você mudou de repente,eu ouvi as coisas que você falou pra ela no telefone,e foi bem pesado Simon,relaxa cara, é só uma palestra.

Simon:Mulher minha não sai assim sem avisar.E eu espero que ela não tenha ido.Não gosto desse cara e também não quero Ambar perto de homem nenhum, só de mim.    Matteo:Que exagero Simon.Conheço Ambar e sei que ela não faria nada de errado ,calma cara ,ficar nervoso e com esse ciúme exagerado não vai adiantar nada , só vai te deixar mais estressado .Talvez devesse ouvir seus próprios conselhos,esse negócio de ciúme é muito chato ,e Ambar também não é um robô que você pode ficar controlando ,ela é a mulher que você ama.

Continua...


Notas Finais


Mais um capítulo finalizado..tomara que tenham gostado,tenham todos uma ótima noite e até o próximo capítulo.. beijoooooos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...