História E aí, eu conheci você. - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Red Velvet
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Seulgi, Suga, V
Tags J-hope, Seulgi, Suga, Yaoi, Yoonseok
Visualizações 124
Palavras 1.019
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Às vezes sinto como se estivesse escrevendo para mim mesma aqui :v
Boa leitura~~

Capítulo 9 - Um dia com o irritante.


Fanfic / Fanfiction E aí, eu conheci você. - Capítulo 9 - Um dia com o irritante.


Quebra do Tempo
Alguns meses se passaram desde que Hoseok entrou no grupo, todos adoram ele, apesar de ser bem lerdo e irritante... ele se deu bem com os meninos, e é como se ele tivesse ocupado o lugar que Taehyung deixou; claro, não literalmente, pois segundo os meninos, Taehyung é "insubstituível". Mas o clima pareceu ficar melhor com ele por perto. E eu? Simplesmente continuei do jeito de sou, agindo como se estivesse com tédio, sarcástico, mal-humorado e não sorri em nenhum momento. Aliás, naquele dia eu só sorri pra parecer um pouco mais simpático, e para recebe-lo bem. Educação em primeiro lugar, né? É.
Ouço meu celular tocar, após 2 toques, consegui achar ele e ao mesmo tempo atendi.
-Alô? -perguntei, um tanto quanto desinteressado
-Olá, hyung -Era Hoseok. Não conseguia ver mas tenho certeza de que ele estava sorrindo
-Ah, oi Hoseok. O que foi?
-Vamos sair, hyung. Esteja pronto em 20 minutos e me encontre naquela praça perto da casa da Omma Jin
-Não lembro de ter dito que queria sair com você -disse arqueando uma de minhas sobrancelhas 
-Nossa, grosso. 
-Mas você nem viu -disse revirando os olhos
-Que?
-ijo. 
-Aff... -ele parou de falar por uns segundos -AVÊ MARIA, HOMEM!
-Entendeu agora? 
-Tu me respeita, viu.
-Tá, mas o que a gente vai fazer?
-Isso quer dizer que você aceita sair comigo?
-Exatamente.
-Nossa... por essa eu não esperava. -ele disse incrédulo
-Vou me arrumar, tchau. -não esperei sua resposta e logo desliguei. Aí vocês me perguntam... "por que você aceitou?" 1- Eu tô no tédio 2- ele não iria parar de me encher o saco se eu não aceitasse.
Levantei da cama , peguei uma toalha e fui tomar banho. Ao terminar, coloquei uma boxer preta, uma camiseta preta lisa, uma blusa xadrez vermelha e preta, uma jeans clara e um all star vermelho, e em menos de 15 minutos eu estava pronto. Peguei minhas chaves, meu celular, minha carteira e sai de casa. Fui andando mesmo porque aquela pracinha era bem perto da minha casa, nem tanto... mas era perto. Avistei Hoseok em um banco qualquer, ele estava vendo as nuvens. Sentei ao seu lado e quando ele percebeu minha presença olhou para mim, fazendo eu olhar para ele também. 
-Você está... -ele parou de falar olhando seu relógio de pulso, e depois voltando a olhar para mim -7 minutos atrasado. -ele disse numa forma brincalhona
-Eu vim à pé, queria o que? Que eu chegasse na hora? 
-De preferência né -riu -mas tudo bem...
-Você me irrita, sabia? 
-Sério? -ele disse animado -então eu consegui o que eu queria. 
-Mereço... -disse desviando o olhar pra qualquer ponto -Além do mais, por que quis sair comigo?
-Não foi proposital... eu estava no tédio, e comecei a fazer unidunitê nos contatos e caiu em você. Sinceramente, eu nem sabia o que falar, não era pra eu ter te ligado -riu -mas ai eu inventei qualquer coisa na minha mente, e deu certo. -olhei pra ele de novo
-Como consegue ser tão cara de pau?
-Não sou cara de pau, eu apenas não sei mentir. Aliás, pensei isso como uma chance de a gente se aproximar mais
-Pra que isso? -disse arqueando uma sobrancelha
-Eu percebi que você é meio distante, diferente do dia do casamento de sua irmã, meio frio... -se aproximou ficando bem perto de meu rosto e eu realmente fiquei desconfortável com aquilo, tentei desviar o olhar para disfarçar mas só piorou a situação. -O que você tanto pensa? O que tanto esconde? Hum? -o que ele quer dizer com isso? Como ele acha que pode se intrometer na minha vida?
-Y-Yah! -disse me distanciando -isso não te interessa.
-Se não interessasse eu não estaria te perguntando. -ele disse sorrindo de lado. Mas que grandessíssimo filho da puta. 
-Quem tu acha que é pra querer saber coisas íntimas assim? Mal nos conhecemos, aquieta esse fogo! -ele pareceu acalmar, mas continuava sorrindo
-Certo, você venceu... quer tomar sorvete? 
-Aceito. 
-Que sabor? 
-Flocos. 
-Okay, já volto -ele disse se levantando e indo para uma barraquinha que tinha ali. Depois de alguns minutos ele voltou com dois copos médios de sorvete, me entregou um e se sentou novamente ao meu lado. Comecei a tomar aquela maravilha, tinha cobertura de chocolate e algumas nozes ali. Ficamos no silêncio por pouco tempo, até porque ele é realmente um cara falante.
-O dia está realmente quente hoje..
-De fato.
-Hum.. me fale sobre você. 
-Não faça essa pergunta, cara
-Por que? -ele disse rindo levemente
-Nunca sei o que falar quando me perguntam isso... esqueço até meu sobrenome. -ele ri
-Okay, eu faço as perguntas e você responde, okay?
-Okay.
(N/A: Lembrando que esses fatos não são verdadeiros, eu apenas inventei todas essas coisas... tirando a parte das profissões.)
-Comida favorita?
-Frango
-Doce favorito?
-Balas de amora da fini.
-Cor favorita?
-Verde menta.
-Deu pra notar -riu olhando pro meu cabelo -Passatempo favorito? 
-Dormir.
-Música favorita? 
-Habits of my heart do Jaymes Young
-Ooh, você tem bom gosto...
-Sei que tenho. 
-Profissão desejada?
-Rapper. Acabou?
-Sim...
-Me fale sobre você agora.
-Minha comida favorita é kimchi, meu doce favorito é bolo de prestígio, minha cor favorita é azul pastel, música favorita... -ele parou um pouco para pensar -training wheels da melanie martinez e minha profissão desejada... é dançarino profissional.
-Oh, dançarino profissional? Parece uma boa... já fez alguma coreografia?
-Já -diz sorrindo
-Me mostra! 
-O QUE? Tá doido? De jeito nenhum.
-Vai me mostrar sim, porque eu já te mostrei uma música minha.
-Aish, tá! Mas não... aqui. Tá? -ele diz dando ênfase ao "aqui" 
-Okay.
E foi assim que a tarde se passou, falando coisas aleatórias e fazendo brincadeiras. A gente comeu uns lanches também, e quando percebemos já era quase 19:30 da noite. Ao chegar em casa, tomei um banho e deitei em minha cama. Pensei em tudo o que fizemos hoje; apesar de não ter sorrido nenhuma vez, eu realmente me diverti. Hoseok é uma pessoa boa e agradável, eu gosto de sua companhia... acho melhor repensar sobre a ideia de nos aproximarmos.
 


Notas Finais


Então, o motivo pela qual eu não tenho atualizado é: 1- bloqueio criativo 2- eu fiquei doente, do nada
eu ainda não melhorei, então se eu demorar pra atualizar de novo vocês já sabem o motivo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...