História É Complicado... Mas Eu Gosto! - Capítulo 64


Escrita por: ~, ~jxjx123 e ~LeehAzul

Postado
Categorias Turma da Mônica, Turma da Mônica Jovem
Personagens Agnes, Aninha, Carmem, Cascão, Cascuda, Cebola, Chikara Sasaki "Tikara", Comandante Astronauta, Denise, Do Contra, Dorinha, Eduardo "Dudu", Franjinha (Franja), Irene, Jeremias, Keika Takeda, Luca, Magali, Maria Cebolinha, Maria Mello, Marina, Mônica, Nimbus, Penha, Quim, Titi, Toni, Xabéu, Xaveco
Tags Ação, Cascali, Cebonica, Chico Bento, Corrida, Docônica, Magia, Nimgali, Poderes, Revelaçoes, Romance, Sobrenatural, Turma Da Mônica
Exibições 41
Palavras 1.073
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Lírica, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente! Starlet Blue invadindo aqui kkk só vim apresentar a minha mais nova co-autora, Leeh ♡
Agora serão três pessoas para incomodá-los com esses capítulos bobos? Não, não julguem eles por minha burrice ;-;
Enfim, Leeh, é contigo minha gatenhaw xD
Oiieee Aqui é a Leêh com mais um capítulo da fic
Espero que vcs não pulem de alegria (talves pulem so pra me provocar), pois eu to.... leiam NF pra saberem.
Okay chega de lelolelo e bora pro capítulo.
Boa leitura :)

Capítulo 64 - Acabou.



- Cafeeeeeeé!! - puxei-a correndo pelas escadas.

- Eeeeeeé!! Haha!
*

O resto da tarde foi assim: Mônica e eu conversando e brincando como duas criancinhas. Ficamos na frente da TV assistindo filme e comendo pipoca, lógico, não deixamos de fazer a famosa guerrinha de pipocas e almofadas, rs. 


Enquanto isso...
* NA CASA DOS GÊMEOS *

P.O.V Do Contra

- Hm... estou ficando com fome. Vou fazer um café no capricho aqui! - falei comigo mesmo me levantando do sofá. - Ah, que dor nas costas, é isso que dá se jogar no sofá Do Contra, seu baka!

Me alonguei um pouco tentando afastar esse desconforto que percorria toda minhas costas e direcionei-me até a cozinha.

- Será que os dois lá em cima estão com fome também? Bem, não custa ir perguntar. Não, melhor não. Se entrar lá mais uma vez o Nimbus me mata. - pesei melhor. - Melhor ir arrumando as coisas por aqui, depois os chamo. 

Percorri toda a cozinha com os olhos planejando algo para o café. Abri os armários e avistei o que queria.

- Aff! Mamãe guardou a panela lá em cima, poxa! Justo essa que uso pra isso... ah mas eu vou pegá-la. Ah se vou!!

P.O.V Nimbus

Magá e eu já estávamos no quarto por um bom tempo; juntos, abraçados. Tudo bem, confesso que  nos beijamos.
Ainda estávamos juntos quando escutamos um barulho vindo da cozinha. Um barulho de algo caindo, como se um monte de panelas tivesse caído no chão. Junto a esse barulho todo, uma exclamação:

- Ah minha 'nossenhora da bicicletinha!

- DC?? - gritei assustado. 

- EU TÔ 'BENHEEÊ!! - escutamos ele gritando em resposta com aqule jeitão doido.

Magali e eu rimos. Ela olhou para carta e logo após, voltou o olhar à mim.

- O que será que é? - perguntou com seus olhos curiosos. 

- Não sei. Vamos abrir?

- Vamos! 

Magali lentou-se para pegar a carta mas eu a puxei novamente. Lhe roubei um beijo:

- Agora pode ir. - sorri após nos separarmos. 

- Tem gosto de xarope. - ela riu pegando a carta. - Leia! - me entregou a mesma.

- Eu? - não esperava por isso. Com receio, peguei a carta nas mãos e a encarei.

- Sim, você! Leia logo! 

Ainda receoso, abri o envelope com cuidado e corri meus olhos pela carta. Chorei. Isso não pode acontecer! Não pode!!
Olhei nos fundos dos olhos da Magá: não é possivel. Eu não posso fazer isso!

- Nimbus, o que foi? - Magali me olhou aflita. - O que diz a carta?

Voltei o olhar à carta novamente não contendo o choro.

- Nim, fala o que têm nessa carta meu amor. Está me preocupando. - vi a preocupação estampada em sua delicada face, então limpei minhas lágrinas e comei a ler tais palavras que me fizeram chorar.

-  "Minha querida bruxinha Magali,
Tome cuidado! Você não pode me ver, mas estarei sempre te vigiando..."

A olhei novamente e voltei a ler a carta.

"...Sei que estás muito feliz com seu namoradinho. E você também, não é Nimbus? Estão feliz com esse conto de fadas que estão vivendo no momento. Mas eu vos digo: se cuidem.
Estou vigiando vocês, cada um de seus movimentos, e estou lhes vigiando nesse exato momento..."

Dei uma pausa e continuei:

"...Terminem esse relacionamento imediatamente! Eu lhes ordeno!..."

A olhei. À essas alturas, ela já estava com lágrimas prestes a cair.

"...É melhor fazer o que lhes pesso. Isso, se você, querida Magali, querer ter seus queridos familiares nessa dimensão.
Caso os dois não colocarem um fim nisso, hoje mesmo o tio da querida bruxinha, pai do Eduardo, ou Dudu como dizem, irá me fazer uma vizitinha. E este ficará aqui; preso para todo o sempre!..."

- Não pode ser... - ela disse chorando. - Nimbus diz que é mentira! Me diz Nim! Fala que é mentira!

-  "...É simples: terminem!
Terminem imediatamente. Se vocês não terminarem com esse relacionamento hoje mesmo, aprisionarei seu titio aqui, e aos poucos todos de sua família. 
Magali, se quiser que sua família fique nessa dimensão ou permaneça viva, já sabe o que fazer..."

A olhei chorando ainda com o papel nas mãos. Eu não queria, mas tinha que terminar de lê-la.

"...ACABEM!!
Caso contrário, seu titio virá morar comigo. Mas... será que ele irá aguentar por muito tempo...?
Decida isso com seu namoradinho..."

- Nim... - escutei-a chorar.

- " Vocês dois saberão o que fazer para sua família continuar viva.
Ps: Uma Grande Surpresa te espera.
Matsuke."

- Não, não pode ser... - ela sussurrava chorando e balançando a cabeça negativamente - Não, Nimbus não!

- Magali. - a abraçei chorando e passando a mão em suas costas. - Ah Magali...

- Não amor, não! - ela disse desfazendo o abraço.

Suas lágrimas não paravam de cair contornando seu belo rosto. Ver aquela pessoa tão doce sofrer dói. Dói ver quem você ama sofrer, machuca muito.

- Matsuke... - sussurrou com raiva. 

- Quem é?

- O mais poderoso de todos até agora. Ele quer me ver derrotada; é isso ou casar-me com o filho dele.

- Filho? - limpei uma lágrima de seu rosto.

- Drake, Drake Matsuke.

- Não temos outra escolha Magali? - perguntei sentindo um aperto imenso no peito. Estava à frente dela, acariciando seu rosto, tendo-a como minha, pela última vez.

- Não - respirou fundo. - Não Nim, não temos...

- P-posso...? - me aproximei mais com lágrimas nos olhos.

- Pela última vez...- ela assentiu chorando.

Fomos nos aproximando aos poucos; aqueles eram os centímetros que mais nos machucavam ao nos separar. Nos aproximamos o suficiente até nossos lábios se tocarem. Se tocarem pela última vez.

Seu toque, seu perfume... isso está me enlouquecendo! Seria difícil ficar longe dela.
Foi um beijo calmo, um beijo bom e cálido, porém, doloroso.

Depois disso, vi Magali levantar o olhar à procura do meu. Ainda chorando e com a mão sobre seus lábios, ela pegou a carta e foi se afastando lentamente.
Fiquei apenas a olhando. Como se algo tivesse arrancado meu coração e tivesse levado embora: Era ela, Magali estava partindo e levando meu coração, já que o mesmo lhe pertencia.

Ela chorou ainda mais quando abriu a porta. Chorei junto à ela. Não poderia fazer nada para impedir.

Me olhando com tristeza, disse antes de sair:

- Acabou Nimbus.

Depois disso, saiu correndo.


Notas Finais


Sei que isso é chato, mas faço isso por uma boa causa! Quero ajudar um amigo meu, por meio desta divulgação. Sua escrita pode até conter alguns erros, mas sei que ele se dedica a isso! Creio que sim, ele dá seu melhor em seus capítulos. É um "guri" (desculpe-me, sou do Sul sim kk) muito inteligente e, sinceramente, ele me impressiona com tão para sua idade!
Enfim, deixarei o link aqui okay? Caso goste, não custa dar um pequeno 'clique nos favoritos não? ;-;

https://spiritfanfics.com/historia/my-life-7955040

Obrigada pela atenção!

Aqui é a Leeh
So pra falar eu to muito triste aqui :´( NA VDD EU TO É ENCHENDO A MINHA CASA DE TANTO QUE EU TO CHORANDO AQUI (talves eu tenha exagerado, mas so um pouquinho)
Nem acredito que essa guria me faz shippar nimgali e de repente pam eles se separam mds que vida injusta.
Okay parei
Obrigado por ler ate aqui fofos.
Até a Próxima bye!! Bjuus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...