História E Então Foi Assim... - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 60
Palavras 609
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Castor: Desculpe...

Capítulo 29 - 28 – Capítulo XXVIII: Fim...


Acordei tard hoje, mas compensou a noite anterior...
Hoje era o dia de buscar o Liam!
Levantei me correndo e fui tomar um banho, depois de alguns minutos desci as escadas e me deparei com Alec apenas de cueca fazendo café.
- Oi Al...
- Oi Jake...
Depois disso o abracei e o beijei, então entre sorrisos e conversas terminamos o café.
- Vamos?
- Calma, vou me trocar...
- Vai logo!
Eu estava ansioso, eu iria buscar meu filho, eu estava radiante.
Então Alec desceu, estava com uma calça jeans preta e uma camisa branca, e com um Allstar preto.
- Tá tentando me conquistar denovo?
- Preciso?
- Claro que não!
Saímos de casa e fomos direto para o orfanato, cada segundo parecia um ano e quando chegamos la e eu vi Liam, meu coração disparou.
- Papai!
Ele correu e pulou no meu colo.
Liam era lindo, e eu o amava.
Eu estava tão ligado a Liam que só percebi o tempo passar quando Alec me chamou para ir embora.
- Vamos tomar sorvete?
Liam era adorável.
Antes de ir paramos numa sorveteria, onde Alec conseguiu sujar a camiseta de sorvete.
Tudo estava bem, e eu troquei de camiseta com ele, para que não ficasse sujo.
- Não precisava...
- Meu namorado não anda sujo!
- Ok senhor...
Liam havia dormido no colo de Alec, então eu fui dirigindo, e enquanto eu dirigia pra casa aconteceu...
Acordei com a cirene do carro de bombeiros chegando e diante dos meus olhos havia apenas dois sacos pretos.
Eu os matei.
Eu matei aqueles que amo.
Me sentei no acostamento e um homem me perguntou se eu estava bem.
E eu ri.
Eu gargalhei em meio as lagrimas que saiam sem a minha permissão e molhavam a camisa manchada de sorvete.
Eu estava razoavelmente bem, considerando a circunstância, eu perdi meu filho e meu marido num único dia...
Isso é incrível!
Como o destino pode ser irônico às vezes, eu estava tão feliz com Liam, e com Alec, e no fim... Eu não tenho mais nada...
Eu queria dar a vocês um fim bonito a essa história, eu poderia ter mentido, poderia ter amenizado esse final é transformado ele em um belo dia de sol...
Mas eu vos devo a verdade...
Andei mais alguns metros e cheguei ao penhasco, era uma grande montanha coberta de grama e de face para o mar agressivo.
Será este meu fim?
Será que eu fui tão ruim a ponto de perder tudo que eu amo?
Era uma tarde nublada, e o vento frio cortava minha pele, da despida dos agasalhos que vestia.
Estava com aquela camisa branca, a mesma que ele derrubou sorvete, a mesma que estava com o cheiro dele...
O cheiro dele...
Minha última lembrança do amor que um dia existiu e que agora só existe em minha memória...
Me sentei na ponta do penhasco.
Peguei meu celular, as fotos estavam ali, os sorrisos deles estavam ali, vivos e vibrantes...
Eu não posso suportar essa tortura...
Sabe quando dizem, que quando você olha muito pro penhasco, ele fala com você?
Eu sinto lhes dizer meus amigos, mas ele falou comigo, ele me mostrou a solução dos meus problemas, me deu a chance de reencontrar os meus amores...
- Eu preciso vê-los novamente...
E depois daquela simples frase, eu cai.
Cai em direção a morte certa.
Cai em direção ao fim.
É então estou aqui, contando essa história pra vocês, nesses poucos segundos em que eu passei caindo, eu lhes mostrei minha história, e agora eu devo me desculpar e despedir...
E com grande pesar vos digo que esse...
Foi o fim.


Notas Finais


Castor: eu amava eles, mas foi necessário. Esse foi o fim da historia e eu nao pude fazer nada... isso esta escrito a uns tres dias e eu nai tive coragem de postar... o Pollux ficou extremamente triste, e começou uma pra ele entai leiam la... enfim, desculpem e... adeus...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...