• >
  • E que minhas palavras a toquem onde minhas mãos não alcançam

História E que minhas palavras a toquem onde minhas mãos não alcançam


Escrita por: ~


Sinopse:
Eu queria que minhas palavras tocassem Yixiao em lugares que minhas mãos não alcançam.
Eu queria que houvesse uma maneira de poder amá-la ainda mais.

{fem!sooxing | slight angst | fluffy}
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Categorias EXO
Personagens D.O, Lay
Tags Fem!laysoo, Fem!sooxing, Fluffy, Slight Angst
Exibições 64
Comentários 4
Palavras 1.121
Terminada Sim

Fanfic / Fanfiction E que minhas palavras a toquem onde minhas mãos não alcançam
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), FemmeSlash, Fluffy, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Eu queria preencher o vazio que é tão cheio dentro dela.
4
64
1.121

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por ~hoseuke
Capítulo 1 - Eu queria preencher o vazio que é tão cheio dentro dela.
Usuário: ~hoseuke
Usuário
que coisa mais linda :(
Postado por ~KencyPorta
Capítulo 1 - Eu queria preencher o vazio que é tão cheio dentro dela.
Usuário: ~KencyPorta
Usuário
Oi te amo, tô com inveja.

Me amem também, adicionem esse Jongineo na vida de vcs.
Postado por ~yixngay
Capítulo 1 - Eu queria preencher o vazio que é tão cheio dentro dela.
Usuário: ~yixngay
Usuário
Raquel, mais linda do que ti, somente tua escrita. E, mais bela que suas palavras, só sua própria existência.

Acho que o destino adora ver a gente juntinhas, porque, assim que eu abri o SS, veio a notificação dessa fanfic. Passei mal de leve apenas por ver que era coisa sua. Mais mal ainda por fem!Sooxing, piorei com as novas finais.

Me sinto muito boba agora, com um sorriso pateta na cara, com os dedos meio trêmulos e tentando controlar o choro, mas isso e, controlar toda essa avalanche de sentimentos que tenho por ti, é impossível.

É mais do que difícil, acordar todo dia, fingir e mascarar-me com algo que não é real. Poderia, quem sabe, concorrer ao Oscar de melhor atuação, um dia, dizer que estou bem quando não estou mais aguentando nada, é praticamente uma frase de um roteiro macabro. É tão maldoso, tão cruel, que me pergunto todos os dias, se nasci pra viver assim, se a vida é assim com todos, se isso que chamamos de coração, esteja destinado à sempre estar vazio.

E então, acabei conhecendo alguém tão cheia de tudo, tão bagunçada quanto eu. E foi aqui mesmo, nesses comentários, nessa tml, que pude encontrar uma pessoa esplêndida. Não falo por falar, por querer te elogiar, mesmo que amaciar seu ego seja um dos meus passatempos favoritos, mas é porque, Raquel, ti é a pessoa mais maravilhosa que conheci em anos.

Nos últimos dias mesmo, cansei. Na verdade, os sentimentos é que me cansam e que machucam. Seria muito, mas muito mais fácil, ser uma pedrinha. E sei que não sou a única aqui que está assim. Que atua, que suporta, que esconde-se, que foge.

Seria você, um anjo?

Já te disse, não sou religiosa, sequer consigo acreditar em deus. Mas, ti, não pode ser algo real e, só acredito que seja, porque uma mera entidade não conseguiria ser tão incrível como ti.

E também já disse, meu coração dói quando leio algo seu, daquele jeito bom, daquele jeito que me faz querer imprimir, colar na testa, ler toda hora. E sabe o que faço quando estou mal? Leio tudo o que ti já me mandou. Cada fic aqui do SS, cara plot jogado no wpp, cada turno de RPG, tudo, porque isso me faz bem, me deixa feliz e porra, da aquela sensação maravilhosa de proximidade.

Mesmo não estando ao seu lado fisicamente, estou te abraçando apertado, te enchendo de beijinhos e sussurrando o quão especial para mim ti é. É aquele misto de querer te proteger e ser protegida por ti, de querer te mimar muito e ser mimada, de querer dar carinho e receber, de te fazer sorrir e rir por te achar linda.

To escrevendo isso agora, ainda chorando, porque tem certas coisas que preciso dizer e falar para ti. Que todas as vezes que tentarem te ferir, vou estar aqui te cuidando, te curando. Porque a reciprocidade aqui é o que vale, não é mesmo?

E continuo a me perguntar, COMO ti consegue ser tão maravilhosa?? Raquel, não consigo nem encontrar uma palavra decente para descrever você, sua existência e tudo o que te envolve. Fico embasbacada mesmo, é quase surreal! E tenho tanto medo de te perder, que é estranho até demais.

E dizer que te amo, como já disse no outro comentário de hoje, parece ser minúsculo comparado ao que realmente quero dizer.

E o Kyungsoo sempre vai ser o melhor, o remédio, o amor e tudo do meu Yixing.

Falar que ti merece o mundo é pouco. Merece o universo, cada estrela, cada planeta, cada partícula, cada átomo. E quero poder, mesmo que não consiga proporções tão grandiosas, dar-lhe tudo o que tenho.

Te amo muito, Raquel e obrigado, por não me deixar sozinha, por estar comigo e por ser alguém tão extraordinária.