História E se...? - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Armin, Bia, Castiel, Charlotte, Dajan, Dakota, Debrah, Dimitry, Iris, Jade, Kentin, Kim, Leigh, Letícia, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Peggy, Priya, Professor Faraize, Professora Delanay, Rosalya, Senhora Shermansky, Viktor Chavalier
Tags Amor Doce
Exibições 10
Palavras 334
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Hentai, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sci-Fi, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hai
Meus
Kridos

Capítulo 8 - Ridiculous


Fanfic / Fanfiction E se...? - Capítulo 8 - Ridiculous

Pov's Alyssa 

Eu estava morrendo de tédio.

Se morrer de tédio fosse possível eu estaria morta e enterrada, acho que o lema da minha vida é falar "Nossa, que tédio".

Sai rapidamente da enfermaria na primeira chance que tive, ou seja, quando a megera da enfermeira saiu da sala e quase me drogou no processo. Sim, ela queria me dar morfina, deveria estar pensando que eu estava louca, afinal, eu também acho isso...

Vi uma movimentação e um barulho de gente falando merda (deve ser a Ambre), perto do Clube de Jardinagem e fui conferir oque era, vai que é fofoca das fortes.

Me escondi atrás de uma macieira e fiquei ouvindo a conversa.

-AMBRE VOCÊ NÃO DEVERIA TER FEITO ISSO! SE EU NÃO FOSSE SEU IRMÃO TE MANDARIA DIRETO PARA A DIRETORIA!- reconheci a voz do Nathaniel.

-AH NATHANIEL, ME POUPE, EU TENHO AQUELA TIA VELHA NA PALMA DA MÃO E VOCÊ SABE DISSO! Agora com licença irmãozinho que eu tenho que retocar minha maquiagem- assisti enquanto Ambrega pegou a bolsa que havia caído no chão e saiu rebolando igual uma lagartixa.

Nathaniel saiu resmungando algo sobre pais e como ser irmão de uma criatura dessas era difícil.

Saí rapidamente de lá, pena que não tinha nenhuma fofoca..., droga gastei meu tempo a toa. 

Enquanto eu andava mal humorada esbarrei em alguma coisa dura e macia e caí de cara no chão. Antes de mecher qualquer músculo eu suspirei e me levantei, pronta pra encarar qualquer discussão.

-Garota vê se olha pra frente, cega você não é!

Vi um garoto de cabelo vermelho bem bravo, e bem sexy olha esse tanquinho.

Ele viu que eu estava olhando seu tanquinho descoberto e deu um sorriso debochado.

-Eai, tá gostando da paisagem.

-Pra falar a verdade tô sim, mais nessa paisagem existe mais feiura do que beleza.

Ele me olhou carrancudo, se levantou e foi embora, ôôô educação Senhor!

-Veja que também não é educado!- gritei.

Ele olhou pra trás e deu dedo.

-Nossa que ofensa grave! Um dedo! Enfia no cu e roda querido.

Levantei SOZINHA e fui para minha sala, indignada.



Notas Finais


Alyssa
Stou
Sem
Palavras miga


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...