História Educated By Daddy - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, Personagens Originais, V
Tags Daddykink, Jimin!bottom, Jungkook!top, Kookmin, Taehyung!top, Vmim
Exibições 158
Palavras 1.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Fluffy, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Slash, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooi ♡
Então só pra esclarecer mais uma vez, que apartir de agora os capítulos serão maiores (1000, 1500 palavras), e atualizarei só aos sábados!
Boa leitura ^-^

Capítulo 7 - Irrefutably Agreement


Capítulo anterior:

[…]

"Jimin, vem aqui agora!" Fazia alguns minutos em que Jeon tentava pegar Jimin, mas o mesmo sempre conseguia ir para o outro lado.

"Última chance!" Bateu a palma aberta na mesa de vidro, fazendo o loiro estremecer pelo susto.

"Se você não vier aqui agora!" Apontou para o o espaço em sua frente.

"Quando eu te pegar, não vou ter dó!"

Agora:

Num movimento calculado, Jeongguk usa uma de suas mãos para dar impulso apoiada na mesa, e consegue passar pro outro lado em um salto.

O loiro tentou correr de novo, mas teve sua cintura agarrada por trás com força.

"G-gukkie para p-porfavor!" O menor tentava sem sucesso escapar mas Jeon é muito mais forte.

"Nã na ni na não!"Jeon levou as mãos a barra da camiseta de Jimin e puxa pra cima mas não consegue tirá-la."Eu te avisei não foi?!"

"N-não! Para!" Sem conseguir novamente ele rasga a camiseta de uma vez.

A pele clara e macia do loiro estava arrepiada, talvez pelo medo, ou talvez pelo clima frio, mas isso de algum jeito excitou o maior ainda mais.

Ao se dar conta que estava quase nu, apenas com a saia, meias e a peça íntima, o menor usa de todas as suas forças para se debater e corre novamente, dessa vez para trás do sofá.

"Ca-alma!" Vendo que o maior ia vir atrás de si, pôs as mãos na frente pedindo com aquele gesto que ele parasse.

"Jimin, você está me irritando muito!" Jeongguk tinha o maxilar travado, fazendo um arrepio passar pela coluna de Jimin.

"E-eu sei, mas, e-eu não quero fazer isso.." praguejou dando passos para trás.

Se Jeongguk estivesse em outra situação ele repensaria o que estava fazendo, mas no momento ele tinha um grande problema no meio das pernas e pra ele, o menor que devia o resolver, afinal ele quem o havia causado.

"Jimin!" O mais novo tinha desviado o olhar quando viu Jeongguk levar as mãos a própria calça.

"Olhe!" Jimin nem sequer deu ouvidos, estava com as bochechas quentes, sem dúvidas estava corado.O mais velho tirou as calças, ficando agora apenas com a boxer.

Aproveitando que o menor estava distraído - numa parede que parecia mais interessante do que nunca - foi até ele e o abraçou pela cintura, fazendo seu membro rijo ter contato com o do mesmo que já começava a dar sinais de vida.

"Vamos nos divertir muito, não se preocupe.."

[Alguns dias antes]

Segunda-feira, seria mais um começo de semana comum, se Jeongguk não tivesse aquela idéia.O mais velho sempre foi apaixonado por Jimin; acho que apaixonado é uma expressão muito clichê para o que Jeongguk sente, digamos que ele acha que Jimin é sua propriedade. Mas nem o próprio sabe disso.Passou a observar o Park todo o tempo, e até a privacidade tirou dele, instalando câmeras em todos os cômodos da casa do mesmo.

De tanto guardar esses "sentimentos", o clichê se tornou mais real ainda, Jeon ficou obsecado pelo loiro, e para tornar o sonho de o possuir - na forma mais suja possível - real, ele começou a mandar mensagens se auto nominando Daddy..

Todo o seu plano estava perfeito, se não fosse por seu irmão mais velho..

Taehyung, o primogênito da família Jeon Kim, uma das familias mais ricas e influentes do país, donos de mais da metade dos bancos de Seoul.

Os dois irmãos nunca se deram muito bem, e agora, que os dois estavam "apaixonados" pela mesma pessoa, garanto-lhes, alguém irá se machucar.

Quando descobriu que o irmão mais novo passou a investir em Jimin de maneira anônima, usou isso a seu favor.

No mesmo dia em que Jeongguk mandou mensagens dizendo ser o Daddy, Taehyung passou a perseguir Jimin falando também ser o Daddy. Mas afinal; era só comunicar a polícia local certo? Errado!

O mais velho tinha pensado em tudo minuciosamente, primeiro comprou a casa do lado a do menor, e depois planejou um ''acordo'' irrecusável para a família do loiro, em troca de silêncio sobre suas futuras ações.

"Pois não?" Uma mulher baixinha, de cabelos negros que o recepciona.

"Vim tratar de negócios com os Park, eles estão?"

(…)

"O que quer com meu filho?!" Fazia cerca de uma hora que Taehyung falava sobre o tal acordo, mas a mãe de Jimin estava cada vez mais alterada.

"Isso não lhe diz respeito! O que importa é que se não comprir com sua parte do acordo, os dois vão pra cadeia, então de qualquer jeito vou poder fazer o que quiser com ele!" No começo, estava sendo pacífico, chegou a oferecer uma grande quantia em dinheiro e ações aos Park, mas eles não haviam compreendido ainda, então teve de ser rude.

Taehyung tendo em conta que a família de Jimin possuía uma empresa de investimento em ações, contratou um dos melhores hacker's do país e fez documentos falsos que comprovaram que a empresa Park's havia tramado várias golpes à várias empresas famosas do país, o que acarretaria além da perda da empresa, em longos bons anos de prisão.

(…)

Ao chegar em casa, estava exausto, discutiu por longas duas horas e meia com os Park, mas valeu a pena, agora tinha em mãos, um documento que lhe proporcionava o poder de fazer o que quiser com o Park e ficaria tudo em total sigilo.

"O que você fez com os Park?!" Jeongguk desceu as escadas em passos pesados assustando o que se encontrava sentado - lê jogado - no sofá.

"Isso não 'te interresa!" Respondeu no mesmo tom rude.

"É CLARO QUE INTERRESA! Jimin é meu amigo, e seja lá qual for o acordo que fez que o envolva, eu tenho direito de saber!" Puxou Taehyung pela gola social da camisa lhe encarando com raiva.

"Me diga!" O sacudiu, logo depois o jogando no chão sem se importar com o impacto.

"Ele me pertence agora! Posso fazer o que eu quiser com ele! VOCÊ. NÃO. PODE. ME. IMPEDIR!" Rapidamente tudo se inverteu e quem estava no chão agora era Jeongguk.

Nenhum disse mais nada, estavam caídos do chão um do lado do outro, ofegantes pela - quase - briga.

"Não sei como conseguiu isso!" Jeongguk encara o irmão nos olhos.

"Mas eu quero fazer parte!" Afirmou.

"Por que eu concordaria com isso?" Questiona com as sobrancelhas arqueadas.

"Por que senão conto para nossos pais!" Um sorriso ladino surgiu no mais novo assim que ouviu um resmungo de protesto do loiro, sabia que ele não poderia contestar.

"Certo!" Os dois levantam e apertam as mãos.

"Ele escolhe o melhor!"


Notas Finais


Desculpem não teve
limonada, hauhauauauhau
Mas o próximo capítulo
promete!
Obrigado por ler :v

~Qimini ^-^

Outras fanfic's de minha autoria:

JiKook:
https://spiritfanfics.com/historia/culpado-6509016

VKookMin:
https://spiritfanfics.com/historia/disputa-6618559

VKook:
https://spiritfanfics.com/historia/minha-doenca-e-voce-6312073


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...