História Ela Não É Frágil - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Bakugo Katsuki, Uraraka Ochako
Tags Kacchako, Luta, Romance
Visualizações 55
Palavras 376
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Fantasia, Luta, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


KACCHAKO É UM OTPZAO BICHO.

Boa leitura sz

Capítulo 1 - Capítulo Único


Ela era apenas uma cadela insignificante.

E Bakugou sequer sabia seu nome. Embora ele soubesse que ela é inseparável do idiota do Deku.

Ela era um adicional extra. Sem algo especial que capturasse seu interesse.

Bakugou não entende como Kirishima e Kaminari podem comentar, sem qualquer vergonha, quem eles consideram bonitas.

Enquanto observam as qualidades das garotas da sala 1-A, Bakugou não pode deixar de franzir a testa acentuadamente. Porque, porra, o quão estúpido os dois podem ser dando-se ao luxo de se distrair com este pedaço de conversa absurda?

Ok. A menina tem olhos extremamente grandes, e um sorriso mais brilhante que uma lâmpada de mil watts. Porém continua sendo absolutamente igual a todos.

Fácil demais de quebrar; apesar do seu esforço para ser forte, e Bakugou sempre foi brusco tendendo a quebrar tudo que toca.

Portanto não vale a pena. Nem ela e nem os outros.

Mas então é obrigado a enfrentá-la no festival de esportes. Ele não esperava nada, na verdade. Concluiu que a batalha duraria, no máximo, cinco segundos. E óbvio que sairia vitorioso.

Os olhos alheios fechavam-se antes mesmo da luta começar, com medo do suposto 'massacre'.

No entanto, ela não é o que Bakugou esperava. Não é o que todos esperavam.

Suas íris dóceis escondem um desejo insano e ardente de vencer. Ela não desiste. Não tem medo, e não gosta de impor limites a si mesma.

Toma-o de surpresa quando faz seu coração acelerar-se com a emoção da adrenalina, provando ser uma adversária à altura. E surge um sentimento, quase como uma... Admiração.

Porém a emoção não dura muito. Ela perde. E Bakugou sente um fosso crescente em seu peito vendo-a esmaecer por conta dos machucados.

Não consegue tirá-la da mente a partir daquele dia.

Maldita seja.

Aqueles gestos e olhares delicados enganam os bobos que não veem debaixo disso sua força. Mas Bakugou não era bobo.

Agora ele sabia que ela não era uma cadela insignificante.

Ela é mais do que sorrisos gentis, rosto bonito e doces pequenas mãos; ela é hematomas na pele e olhos que contêm o brilho e o ardor do sol, gritos e punhos de guerra que destroem sua força.

Ela não é frágil.

Ela é Uraraka Ochako.

E Bakugou não esqueceria seu nome. 


Notas Finais


Bem curtinho msm :'v


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...