História Ela precisa de Amor - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Castiel, Dakota, Debrah, Dimitry, Peggy, Personagens Originais, Rosalya
Visualizações 61
Palavras 843
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem ;).

Capítulo 9 - Visita ao museu!!!


Nath-o que? Claro - ( ligando ). 

(O Nathaniel liga para a polícia e ela chega e leva o homem para a delegacia e me levaram para fazer um boletim de ocorrência, depois eu e castiel fomos para a casa).

Eu -.............................-

C. -........-

Eu - não precisa me levar, você sabe-

C. - para você ser atacada de novo? não! -

Eu-é verdade que amanhã querem nos levar para um museu?-

C. - sim, naquele lugar chato! -

Eu - ah vai! Não é tanto assim!-

C. - você vai?-

Eu - não sei-

C. - se você for eu vou-

Eu - então eu acho que vou!-

C. - era para você dizer que não! -

Eu - kkkkkkkkk -

C. - sua casa é aqui?-

Eu - aham-

( Eu e castiel estávamos olhando um no olho do outro e quase nos beijando).

Pai-daniella! entre-

Eu - hã? claro! Tchau castiel! -( Entrando).

C. - Tchau-

( Eu e meu pai entramos e eu fui direto para o quarto e mandei uma mensagem ao castiel).

~ mensagem~

Eu-desculpe pelo meu pai-

C. - tudo bem-

Eu - amanhã a gente se vê? -

C. - amanhã a gente se vê-

( Eu estava conversando com o castiel quando meu pai entra no quarto e começa a me bater).

Eu - o que está fazendo? -

Pai-para você aprender a ir direto para a casa!-

Eu - ele apenas me trouxe para casa!!-

Pai - NÃO ME INTERESSA! -

Eu- sai daqui! -

Pai-eu vou ir porque eu preciso , depois eu me entendo com você-

( Ele foi embora e eu tranquei a porta e peguei meu celular).

Eu - você pode vim agora?-

C. - para que?-

Eu - pode vim?-

C. - sim-

Eu - vem na terceira janela do quarto andar e me espera-

C. - tá-

( Depois disso eu arrumei minhas roupas em minha mochila e peguei meus cadernos e livros e fui para a janela, até que vi castiel embaixo, eu joguei minhas coisas e ele as colocou no chão).

C. - pula!-

Eu - o que?-

C. - pula que eu te seguro!-

Eu -.........-

C. - confia em mim-

( Eu pulei da janela e fui caindo até sentir um braço me segurar com força).

C. - não disse que te segurava?-

Eu - ainda bem!-

(Ele me colocou no chão e fomos correndo para sua casa, estávamos no meio do caminho).

C. - porque você não saiu pela entrada do prédio? -

Eu - eu não queria que meu pai soubesse que eu estava saindo-

C. - por que ?-

Eu - um dia eu te conto-

C. - tudo bem -

( Chegamos em sua casa e me maravilhei pela beleza da casa).

Eu - que linda!-

C. - esperava o que?-

Eu - ah sei lá, não pensei que fosse tão organizado-

C. - vou ver isso como um elogio-

Eu - posso colocar isso aqui?-

C. - claro-

( Ele sentou no sofá e fez um sinal para que eu me sentasse ali também. Eu me sentei no sofá e assisti ao filme que ele colocou até perceber que ele tinha colocado um braço em volta do meu ombro,  eu me deitei em seu colo e dormi)

~quebra de tempo ~

( Quando acordei vi que estava em um quarto diferente e lembrei que tinha fugido ontem com o castiel.  Eu me levantei e coloquei uma roupa apresentável e desci para a cozinha e me deparei com o castiel fazendo o café da manhã).

Eu - cheiro bom!-

C. - a bela adormecida acordou!-

Eu - o príncipe encantado me viu!-

C. - então, você vai ao museu?-

Eu - claro! -

C. - então eu vou também-

Eu - obrigada! -

( Eu e castiel tomamos o café da manhã e fomos cada um para seu quarto para nos arrumarmos. Eu coloquei um vestido azul com manga e uma bota marrom e sai e esperei castiel sair do quarto para irmos para a escola).

C. - vamos? -

Eu - vamos!-

( Nós fomos para a escola de mãos dadas e quando chegamos na escola vimos um ônibus parado na frente da escola e entramos, apenas Nathaniel e melody estavam no ônibus e castiel me levou para o fundo na janela. Depois de algum tempo todos os alunos já tinham chegado e nós partimos para o museu. O castiel colocou os fone de ouvido e eu estava olhando para fora pela janela . Eu tentei apoiar minha cabeça no ombro do castiel mas em vão,  ele percebeu que eu não estava conseguindo e começou a rir).

C. - senta aqui-( batendo em sua coxa).

Eu - n-não! -

C. - anda logo!-( Me colocando em seu colo).

( Eu fiz cara feia e ele abaixou minha cabeça fazendo eu me apoiar em seu peito, eu dormi).

( Eu estava dormindo quando eu senti castiel me levantando em seus braços).

Eu - hã? M-me solte!-

C. - não!-

( Ele me carregou para fora do ônibus e me colocou no chão e todos estavam me olhando).

Eu - viu o que fez?-*sussurro *

C.- eles não vão te matar! - * sussurro *

( Nós entramos no museu e a diretora disse que nos encontraríamos  ali em uma hora. Eu e castiel fomos para um lugar que mostrava objetos antigos).

Eu - eu adoro coisas antigas! -

C. - vamos lá? -

Eu - sim!-

( Eu e castiel andamos pelo museu inteiro e voltamos para a casa).



Notas Finais


Espero que tenham gostado ;-).


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...