História Elephant - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Kai, Kris Wu, Lu Han, Sehun
Tags Abo, Baekyeol, Chanbaek, Exo, Hunhan, Kray, Xiubaek, Xiuchen
Exibições 892
Palavras 820
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Perdoe os erros e o cap curto!

BOA LEITURA <3

Capítulo 18 - Bitch?


Quarta-feira

– Channie o que você tá fazendo? - perguntou vendo seu tio fazendo algumas caretas em frente ao espelho no banheiro.

– Estou treinando minhas expressões, quero ficar com cara de mal Baek. - disse sério e se sobressaltou quando sentiu ser abraçado por trás pelo menor.

– Channie! Não seja mal, Baekkie gosta de Channie bonzinho. - falou manhoso esfregando seu rosto nas costas largas do maior enquanro ronronava.

– Não se preocupe Baekkie, não vou ser mal contigo. - se virou agachando e abraçando o menor apertado, como um bichinho de pelúcia.

– O que vocês estão fazendo? - Sehun disse desconfiado com o cenho franzido.

– Abraço! - gritou Baekhyun todo animado se jogando novamente nos braços largos de Chanyeol.

– Vocês estão muito grudados ultimamente..- disse desconfiado e se retirou do banheiro.

– Vamos logo para a escola Baekkie, se não vamos chegar atrasados. - disse se levantando e pegando na mãozinha do Byun que saiu pulando feliz.

    ~*~*

– Chan oppa! - disse Tiffany se colocando na frente no caminho do maior, toda animada e saltitante sem reparar na cara emburrada do mais velho.

– Pra você é Chanyeol, Tiffany! - disse sério passando por ela.

– Chany oppa! Não faz assim.. era pra ser uma brincadeira. - sorriu forçada andando atrás dele.

– Uma brincadeira de muito mal gosto Tiffany, por sua culpa eu briguei com o meu sobrinho. Nunca mais apareça na minha frente. - falou com a voz firme olhando-a por cima dos ombros e se virou indo até a entrada da escola ainda de mãos dadas com Baekhyun, que só observava as coisas em silêncio.

– Chan oppa! Não posso fazer isso, não vou conseguir esquecer você! - pulou na frente do maior falando rápido desesperada.

– E por que não? - arqueou uma sobrancelha parando à sua frente.

– Sh.. Baekkie? - Byun olhou ao redor e encontrou Yifan lhe chamando acenando, soltou a mão devagar do Park e saiu de fininho.

– Kris? 

– Desculpa Baekkie por toda aquela confusão.. se eu soubesse que ela bancária a doida, eu mesmo teria entregado a carta. - coçou a nuca enquanto falava sem jeito.

– Tudo bem Kris hyung. - sorriu de leve.

– Podemos passear juntos no sábado? Eu te levo pra tomar soverte.  - afagou os cabelos do ômega enquanto ele assentia corado.

– Claro! 

– Eu te busco na sua casa.. - disse abaixando o tom de voz ao ver o Park se aproximando, o mesmo abraçou Baekhyun por trás e beijou sua bochecha. 

– Vamos? - sussurrou perto de seu ouvido encarando o outro alfa.

– Vamos.. - disse em um suspiro, ficando todo arrepiado.


     ~*~*

No intervalo, Chanyeol já estava quase surtando por causa da ômega, a mesma não parava de falar e choramingar pedindo atenção já que preferia ignora-la. 

– Chan oppa! Fala comigo. - fez bico se deitando na mesa.

– Tiffany, entenda uma coisa ok? - falou vendo-a assentir rápido. – Eu não quero mais saber de você, ok? Agora vaza! 

O refeitório todo ficou em silêncio encarando o "casal" discutindo, o que deixou a ômega irritada. Odiava levar pé na bunda em frente das amigas ou dos outros populares. 

– Chan.. - se calou quando o mesmo se levantou da cadeira quase a derrubando.

– Pra você é Chanyeol, Tiffany! Eu já disse isso! Ah quer saber? Tchau! Não sei porque ainda perco meu tempo e minha saliva falando com você, sua arrombada do caralho! Deve já ter dado a bunda pra tudo mundo, credo! Mas aposto até que o Yifan dar melhor. - se virou rápido a deixando-o sozinha com todos os olhares pesados em cima de si, fazendo a se encolher na cadeira.

~*~* 

– Chanyeol.. o que você vai fazer com ela? - perguntou Jongdae vendo o mesmo fuzilar Tiffany com suas amigas de longe.

– Cadê o Kyungsoo? Preciso dos serviços dele. – sorriu diabólico ao imaginar o que fariam.

– Kyung? Vai tortura-la? 

– Eu ? Não imagina, credo. Não vou gastar mais do meu tempo com aquela bosta. 

– Eu ouvi meu nome! - disse Kyungsoo se juntando aos amigos.

– Kyung, ele quer sacrificar a Tiffany!

– Credo, oferenda ruim até o capeta manda de volta! - reclamou fazendo cara de nojo.

– Mas você consegue pelo o menos brincar um pouco? 

– Claro.. Sorte que ainda não joguei os instrumentos fora, tá tudo no porão.

– Você tem instrumentos de tortura no porão da sua casa? - Chen engoliu em seco assustado com o amigo, já sabia que deveria esperar coisas do tipo vindo deste.

– Tenho uma pá também e uma camisa de força. - sorriu largo monstrando os dentes.

– Satansoo está na área. - disse Chanyeol já adorando a ideia do que iriam fazer.

– Se ela morrer eu não vou carregar o corpo dela não, aquela baleia! - reclamou o baixinho bufando.

– Então como vamos fazer? 

– A gente joga ela num saco preto e amarra no carro, depois joga ela da ponte. Ninguém iria sentir falta dela mesmo. - disse Kyung simplista. – A gente vai estar fazendo um favor ao mundo. 

 


Notas Finais


Krisbaek?


BJUS da OMMA!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...