História Elsword one shots - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~KawaiiNekoNeko

Postado
Categorias Elsword
Personagens Add, Aisha, Ara Haan, Chung, Elesis, Elsword, Eve, Raven, Rena
Tags Elsword
Exibições 40
Palavras 1.254
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


:3 sorry e daqui a pouco eu posto o próximo

Capítulo 2 - Raven x Rena Eu Vou Ficar Mais Forte


Fanfic / Fanfiction Elsword one shots - Capítulo 2 - Raven x Rena Eu Vou Ficar Mais Forte

Raven Pov

Eu não esqueci dela um instante se quer, Seris, mesmo depois de tudo. Quando ela me salvou eu pensei que estava tudo dando certo, eu não podia estar mais erado.

Ser traído por um conhecido era uma coisa, agora se esse conhecido é na verdade o seu melhor amigo a história se complica, e pra piorar a situação foi por um motivo tão bobo que nem acreditar eu estava conseguindo. Eu nunca imaginei que ele tivesse ficado tão bravo só porque eu subi de posição entre o Corvos e nunca iria pensar que ele estivesse apaixonado pela MINHA Seris.

Quando eu vi que ele ia me matar eu só pensei nela, então do nada um borrão loiro e vermelho aparece e quando ela caiu no chão eu me toquei, o amor da minha vida tinha se sacrificado por mim. Eu fui tomado pela fúria, desencadeei um poder que nem sabia que tinha, mas mesmo com ele eu não era capaz de vencer, fugi e acho que o resto da história todo mundo já sabe.

Eu achei que nunca mais amaria ninguém como eu amei ela e de novo eu estava errado, nunca fiquei tão feliz em errar, em um momento ela apareceu junto com um cavaleiro vermelho e uma maga barulhenta, não que eu tenha algo contra a Aisha mas ela não parava quieta quando era mais nova, aquela elfa era tão parecida com a minha amada, mas ao mesmo tempo elas eram tão diferentes. Rena se estressava facilmente e se acalmava mais facilmente ainda, enquanto Seris era difícil se estressar e se acalmar demorava bastante.

Ao longo do tempo acabei-me apaixonando pela elfa doce, mas ela era o meu oposto, enquanto ela se tornou uma Arqueira de Elite dedicada e ajudar e proteger as outras pessoas eu me tornei um Mercenário do Abismo, me motivo não era tão nobre quanto o dela, eu apenas queria poder suficiente para conseguir protegê-la, mas não adiantava, ela ainda se machucava e eu ainda não podia fazer absolutamente nada para impedir.

Raven – Tchau gente – Eu disse já atravessando a porta com uma mochila nas costas.

Não avia mais jeito eu iria arrumar mais poder para conseguir deixa-la a salvo, não deixaria que acontecesse novamente, nem que pra isso eu acabe consumido pelo poder do meu braço.

Els – Para onde você vai? De novo?

Raven – Conseguir mais poder.

Aisha – Mais ainda?

Els – Você já é o mais forte aqui.

Raven – Mas nossos inimigos são ainda mais, não vou demorar, espero.

Rena – Raven antes de você ir eu queria te pedir um favor.

Agora sim eu estava preocupado, se ela me pedisse pra ficar eu não iria conseguir negar. Então eu apenas assenti com a cabeça, ela deu um lindo sorriso e disse:

Rena – Por favor tome muito cuidado, não quero que nada de ruim aconteça com você.

Nesse momento tive a impressão de vê-la corar, mas não acho que foi isso.

Raven – Claro. – E sorri, coisa que eu não faço normalmente, essa garota meche muito comigo.

Eu sai calmo mesmo sabendo que eles iriam fazer muita falta. Eu caminhei por muito tempo, lutei contra muitos monstros, consegui várias conquistas e a melhor delas estava acontecendo, já avia passado quase um ano desde o dia em que eu sai em busca de poder para proteger quem eu amava e finalmente eu estou voltando para casa.

Com o treino que tive eu acabei me tornando um Renegado, não entendi o porquê do nome, mas isso não vem ao caso, outra coisa que eu não entendia era que não importava onde eu estava todo mundo ficava me olhando, era muito estranho isso, as garotas das vilas me olhavam encantadas, mas os homens me olhavam como se eu estivesse cometendo um crime, por que tanta raiva? Que foi que eu fiz?

Nesse tempo que fiquei fora o Elsword continuou com o grupo, pelo que ouvi o grupo de busca cresceu e o Els se tornou um ótimo líder. Eles pareciam estar em casa então eu parei em frente e grite:

Raven – EI CABEÇA DE FOSFORO!!!

Els – QUEM É O DESGRAÇADO SEM AMOR A VIDA QUE TÁ GRITANDO?

Raven – VENHA AQUI E DESCUBRA!

Nisso ele e a Aisha saem de dentro da casa, ele com uma cara de raiva e ela garantindo que ele não fizesse nenhuma besteira, é assim desde que ela se tornou uma Maga Elemental e ele um Cavaleiro Arcano, quando ela ficou mais calma e ele começou a se deixa ir pelas emoções. Agora eles parecem diferentes, claro, afinal ela se tornou uma Mestra Elemental e ele o Cavaleiro Rúnico, não sei por que, mas me deu um pouco de orgulho quando eu vi eles.

Els – Raven?

Raven – Não é o coelhinho da pascoa – Eu disse rindo, quando foi que eu fiquei tão sarcástico?

Els – Desgraçado, você demorou – Ele disse indo me abraçar junto com a Aisha.

Aisha – Você disse que não ia demorar. Você mentiu. – É impressão minha ou ela tá quase chorando?

Raven – Eu disse que esperava não demorar, senti falta de vocês.

Els – Vem você precisa ver o resto do grupo.

Aisha – Não que vá dar muito certo.

Raven – Como assim?

Aisha – A Eve que você conheceu, não adianta falar que não lembra, saiu com o Add, esse você não conheceu, e ainda não voltou. Chung saiu com Ara, essa entrou pouco depois de você sumir. E a Elesis, irmã do Els está treinando com a Lu e o Ciel, eles entraram faz pouco tempo.

Raven – E a Rena? – Eu sentia meu coração palpitar só com a hipótese de que algo aconteceu com ela.

Els – Tá lá dentro no jardim. Você devia falar com ela.

Eu ouvi o Elsword e entrei, que burrice, eu não tenho ideia do que falar pra ela, chegar falando “ oi cheguei, sentiu minha falta? ” Seria estranho demais. Num minuto de coragem eu entrei e fui até o jardim, quando ela me viu ela veio correndo me abraçar, eu a abracei de volta e disse:

Raven – Senti sua falta.

Rena – Também senti sua falta, você está bem? Se machuco? – Ela parecia preocupada.

Raven – Estou sim, melhor agora – Eu deixei a frase escapar se querer, ainda bem, nesse instante ela acabou corando, que fofa.

Rena – Raven, posso te contar uma coisa?

Raven – Claro.

Ela me puxou para um canto do jardim onde avia um banco e assim eu pude ver melhor, a linda Mestra Arqueira que ela se tornou, ela sorriu triste e me pediu pra não rir do que ela iria dizer, eu fiquei muito curioso mas apenas assenti.

Rena – Você não vai rir mesmo certo?

Eu já disse que não vou rir, ela estava bem vermelha, agora além de curioso eu tô ficando preocupado.

Rena – É que a um tempo atrás eu acabei me apaixonando por um cara que um dia resolveu sumir do nada.

Raven – ... – Ok agora eu tô ficando com ciúmes.

Rena – Esse cara passou muito tempo fora e um dia do nada ele volta e eu não sei nem como agir perto dele.

Raven – ... Certo ... E quem seria? – Ok agora eu tô com muito ciúme.

Rena – Raven, eu tô apaixonada por você.

Eu demorei uns três segundos pra entender o que ela disse, e nesses três segundos eu vi ela começar a ficar triste. Odeio ver ela triste, eu segurei o seu rosto e dei um beijo nela.

Raven – Eu também tô apaixonado por você.

E ela sorriu, adoro vê-la sorrindo, e esse foi um dos melhores dias da minha vida.


Notas Finais


:3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...