História Em busca de um sonho - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Knightwalker, Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel, Personagens Originais
Tags Elfgreen, Gale, Gruvia, Jerza, Lislow, Lyju, Nali, Nalu, Rokagu, Rovy, Stinlu, Stinyu
Exibições 356
Palavras 1.728
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yoo minna, antes de tudo eu queria dizer para vocês que muitas pessoas estão lendo a fic e parando no meio do caminho, poxa eu estou dando um duro danado para escrever ela, e outra nem tudo é bom no começo, esperem e veram que vai valer a pena continuar lendo. Bom agora, estou aqui trazendo para vocês mais um capitulo dessa fic. O capitulo de hoje foi em homenagem aos jogadores da Chapecoense, o Brasil inteiro esta de luto por vocês bravos guerreiros, e meus pesames as familias e amigos dos mesmos.
não tenho nada mais a falar, então
BOA LEITURA!!

Capítulo 6 - Desculpas e o passado de Gray


POV NATSU

-E-Eu sou amigo da Lucy senhor

-Amigo da minha filha- ele diz com cara de desconfiado

-S-sim, estamos apenas fazendo um trabalho- Engulo seco

-Trabalho ? e como assim “apenas” ? você tem outras intenções com a minha filha ? – tantas perguntas

-Imagina senhor, eu só sou amigo dela- Nesse momento eu quase me mijo de medo, o pai dela era assustador

-Hmm- Murmura- Só não a magoe- diz o senhor antes de entrar em uma das portas daquele corredor

Meu amigo já tinha sossegado, também, depois de tomar um susto desses.

Resolvo voltar ao quarto de Lucy, parei na porta da mesma e tomei coragem para entrar e encarar ela pelo que aconteceu a poucos minutos

-Com licença- Falo antes de abrir... péssima idéia- D-desculpe- fecho a porta novamente. Ela estava apenas com roupas intimas, e meu Deus, que corpo

-N-N-Natsu- ouço ela me chamar atrás da porta- Pode deixar que eu faço o trabalho sozinha

-Mas eu preci...

-não se preocupe, eu coloco seu nome nele- fui interrompido

-Tem certeza ? – pergunto

-H-hai – Ela responde

-Então ta..- falo antes de descer as escadas e procurar a saída, espera, onde fica mesmo ?

Me fodi

POV LUCY

Já que Natsu ia demorar mesmo eu resolvi trocar de roupa, já que essa já estava me incomodando. Tirei a saia, a camisa e a grande meia do uniforme, fui até o guarda-roupa, mas não sabia qual roupa encontrar

-Com licença- ouça a porta se abrir e Natsu aparecer entre ela, filho da p*#@:- desculpe- vejo ele fechando denovo. Ele não ia se aliviar no banheiro, ele é tão precoce assim?

Eu já sai nos pega com ele e ele me viu semi-nua, o que ele vai pensar agora ?. Tenho que tira-lo daqui antes que mais alguma coisa aconteça

-N-N-Natsu- o chamo- Pode deixar que eu faço o trabalho sozinha

-Mas eu preci...

-não se preocupe, eu coloco seu nome nele- interrompo

-Tem certeza ? – perguntou

-H-hai - respondo

-Então ta..- Isso, missão cumprida, mas espera, eu vou ter que fazer o trabalho sozinha ? PQP e agora

Só me restou fazer esse trabalho, já que eu prometi ao Natsu que iria fazer, eu nunca vou contra minha palavra, infelizmente. Depois que termino eu tomo um banho e vou dormir, dia foi cansativo. Acordo com a mesma rotina, virgo me acordando e bla bla bla ( estava com preguiça de escrever tudo denovo)

Chego na escola e vejo aquela baixinha fofinha

-Tenho que me desculpar com ela pelo que aconteceu hehe- penso

FLASHBACK ON

“-Você esta bem ?- ouço uma voz muito fofa, me levanto e vejo uma baixinha de cabelos azuis segurando vários livros, devia ser do Fundamental, pera que garota do fundamental lê a teoria da relatividade ? nem eu leio isso

- Ah sim, muito obrigada - falei, eu devia manter minha pose e diminuir ela na frente de todos, até porque é isso que fazemos, mas eu não conseguiria ser grossa com aquela garotinha fofinha:- Você se perdeu ? o prédio do fundamental é do outro lado- aponto para o outro prédio gigantesco la aos fundos

Ela toda vermelha responde :- N-não, eu estou no ensino médio- responde. É eu consegui ser grossa com ela. Saio correndo para fora por causa dos micos que acabei de pagar, deixando uma pequena confusa para trás”

FLASHBACK OF

Me lembro que tenho que matar a Juvia também, desgraçada continuou andando como se nem tivesse me conhecido

-O-olá- falo a ela

-Ah oi, tudo bem ?- ela responde com um sorriso, KAWAII

-Tudo sim. Você não se lembra de mim certo ?

-Lembro sim, é a menina louca que caiu sozinha e depois saiu correndo enquanto estávamos conversando- ainda com o sorriso, agora quero matar essa garota

-Olha aqui sua filha da....- Não consigo ela é muito fofa- ahaha, sou eu mesmo- falo- Bem me desculpe por ter te deixado aquele dia, estava atrasada para um compromisso- minto

-Tudo bem haha. Prazer Levy Fernandez – (isso mesmo, Levy é irmã de vocês sabem quem )

-Lucy, Lucy Hertfilia- respondo sorrindo

-Você é a Lucy? A menina mais arrogante e ignorante dessa escola ? – pergunta Levy com uma certa inocência, eu acho

-Sim, eu mesma- Já estava acostumada a ser chamada assim

- Você não parece ser o que as pessoas falam – ela fala

-Eu só sou assim com que merece- com todos

-Hihi, gostei de você, serei sua amiga lu-chan- Ein ?- posso te chamar assim né ?

-C-claro- digo com uma certa felicidade

- Ei, Levy, vamos ou irá se atrasar- Chama um garoto com cabelos da mesma cor que os dela e uma estranha tatuagem no OLHO?!

-Ah hi, já vou nii-san- ela fala- Até mais Lu-chan

-Até mais- falo e vejo minha nova amiga ir em direção ao seu irmão, acho que já o vi em algum lugar, deixa pra lá, o que importa é que eu finalmente tenho mais uma amiga alem da Juvia penso feliz

-Agora tenho que matar uma pessoa- Vou atrás de certa azulada

POV GRAY

Fala sério, já faz uma semana que eu não falo com Natsu por causa daquela nossa pequena discussãozinha, eu o conheço a alguns dias  mas o considero muito, já que ele foi o primeiro a conversar comigo sem interesse no dinheiro de minha família, aaah, o fato é que eu to cansado de ficar sozinho nos intervalos e não conversar com ninguém

- Ainda bem que eu tenho você né minha paçoquita linda- falo com minha paçoca na mão

-Vejo que tem fetiches por paçocas Fullbuster- Veio falar comigo aquele brutamontes que conheci no banheiro

-Ah, fala ae Shrek, cadê sua fiona?-  Pergunto pra ele

-Sua Mãe esta na sua casa ?- Ele responde com uma pergunta

-Ora seu filho da puta- grito antes de partir pra cima dele e o espancar, até que alguém nos separa

-Ei, ei se acalmem - Era Natsu- O que aconteceu ? – ele me olha

-Cala a boca seu viado de cabelo rosa, me solte e deixe acabar com a raça desse filho da puta

- Ei cara era na brincadeira okay ? não sabia que você iria levar pro coração- fala Gajeel se defendendo

-Minha mãe morreu num acidente - grito e nesse momento vejo que todos estavam me olhando em silencio

-F-foi mal cara, eu não sabia- diz a parede humana com qual quase tive uma briga

-Ah, não importa mais – me solto, pego minha mochila e vou para a sala- Realmente não importa mais

FLASHBACK ON

“-Gray, meu filho, venha dar um tchau para a mamãe- Naquele momento minha mãe estava na porta me chamando, ela iria viajar para Paris em um evento de moda que iria ter e ela tinha que ir já que era a Mika Fullbuster, a maior estilista do mundo

-Você tem mesmo que ir mãe ?- pergunto a ela. Eu tinha 9 anos na época e era super colado com ela

-Desculpe meu filho, prometo que voltarei logo logo- diz ela beijando minha testa- Eu te amo- Ela se despede do meu pai também e pega as suas malas

-Cuidado querida- diz meu pai para ela, ela acena e embarca no avião. Chegamos em casa e eu dormi profundamente

2 meses depois

Acordo e desço para a cozinha tomar meu café, mas antes vejo meu pai chorando em frente a TV”

FLASHBACK OF

-Merda, não se lembre disso, não agora- digo apressando o passo, ninguém ira ligar se eu matar uma aula, então assim vou até uma arvore que ficava atrás do prédio da escola, me sento nela e já não consigo segurar minhas lagrimas, pelo menos aqui ninguém me vera chorando

FLASHBACK ON

“Estamos aqui transmitindo uma tragédia que acabou de acontecer em crócus, um avião acaba de cair, de acordo com o recepcionista que recebeu as passagens dentro do avião haviam 75 pessoas, 69 morreram deixando apenas 6 sobreviventes- ouço uma voz saindo da TV

-Não pode ser, isso não pode estar acontecendo- diz meu pai ainda chorando em frente ao aparelho, nesse momento todos os empregados ali presente começaram a chorar

-O avião vinha que embarcou de Paris estava transportando a super estilista Mika fullbuster, a mesma se encontra em estado grave na Unidade de pronto atendimento de Crócus

-Mamãe, é a mamãe- falo, nesse momento meu pai me pega de imediato, me coloca dentro de carro e parte para a cidade vizinha que não ficava muito longe daqui já que morávamos na fronteira entre Magnólia e Crocus

Chegando lá entramos no hospital e pedimos para ver minha mãe, eles nos levaram até ela, ela estava cheia de aparelhos, eu já sabia que ela estava muito mal. Meu pai entra primeiro na sala e conversa com ela, ele esta chorando muito, algum tempo depois meu pai me pega e leva pra dentro da sala

-Mamãe ? –a chamo

-Gray- ela falo baixo, quase como um sussuro, ela estava fraca demais:- ainda bem que você esta bem, me desculpe querido- ela diz:- não poderei ficar mais tempo com você

-Do que você esta falando ?- naquele momento já estava desabando em lágrimas

-Eu queria muito te ver crescer, te ver realizar seus sonhos, conhecer minha nora e meus netinhos:- ela continua:- Ainda tem muita coisa que eu queria te falar, mas não tenho muito tempo, por isso quero que você fique com isso- ela com muito esforço levanta a mão e tira o colar de seu pescoço:- Esse colar foi dado a mim como lembrança de seu pai e agora eu estou dando-o a você, para ter uma lembrança de mim- diz ela, muito mais baixo

- Mamãe- eu já estava soluçando

-Todos meus sentimentos estão ai dentro, por isso quero que você cuide muito bem dele- vou até ela e pego o colar de sua mão:- Eu te amo muito- ela diz e eu vejo uma lagrima cair de seu rosto, ouço o aparelho que marcavam os batimentos cardíacos dela parar

-Mika! Por favor volte!!- ouço meu pai falando pra minha mãe:- por favor não me deixe, MIKA!!

E foi assim que eu ouvi as ultimas palavras de minha mãe

FLASHBACK OF

-Eu sinto muito a sua falta,  mãe- aperto o colar que estava em meu pescoço

-GRAY!!- ouço uma voz ofegante me chamando, eu conheço essa voz

-Ta tudo bem ? Espera, você esta chorando- era Natsu...

 

 

 

 

 


Notas Finais


Até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...