História Em nome do amor - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Madison Beer, Martin Garrix
Personagens Madison Beer, Martin Garrix
Tags Amor, Martin
Exibições 21
Palavras 1.297
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Lemon, Romance e Novela, Violência

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 15 - Sério que você vai voltar para o passado? -Por Madison Beer


Fanfic / Fanfiction Em nome do amor - Capítulo 15 - Sério que você vai voltar para o passado? -Por Madison Beer

Ficamos no parque até o por do sol e fomos para casa e ficamos vendo uns filmes. Acabamos caindo no sono. Amanheceu e acordei com o sol batendo na minha cara, levantei e fui tomar banho. Eu estava colocando minha roupa quando meu celular tocou, era o meu empresário o Jackson

  Ligação on

-Martin acabei de falar com o dono do bar Heineken Music Hall e ele te chamou para tocar lá hoje. Bem no caso amanhã porque é de madrugada.

-Beleza, que horas?

-Você vai se apresentar 1:30am.

-OK até.

  Ligação off

Desliguei e a Madison ainda estava dormindo, subi em cima dela depositando vários selinhos.

POV MADISON

-Que jeito maravilhoso de acordar, nossa você fez curso ou nasceu assim com cheiro delicioso mesmo? -Ele riu e me deu um beijo

-Bem,  os dois. Acordei cedo por causa do sol na minha cara, ai eu fui tomar banho e o Jackson disse que me chamaram para tocar no bar Heineken music hall. E você vai comigo

-Nossa que mandão, pode deixar sargento Garrix, você me dá a permissão para tomar banho?

-Sim soldado, vá. -Nós rimos e eu fui para o banheiro, demorei um pouco e ao sair não vi o Martin. Coloquei uma roupa e ao descer, me deparei com uma mesa linda de café da manhã com o Martin do lado. Ele e aquele sorriso no rosto mais lindo que já vi

-Amor, estou sem palavras, que coisa linda. Eu te amo muito! -Desci correndo e dei um abraço apertado nele junto com um beijo intenso. Martin sorriu e puxou a cadeira para eu me sentar.

-Vou pro estúdio antes de ir para o bar, quer ir comigo para ajudar?

-Não, vou ficar por aqui mesmo para dar uma arrumada na casa e depois vou chamar a Melissa para ir no shopping fazer umas compras.

-Tá bom então. -Ele se levantou da mesa, pegou sua mochila, me deu um beijo e foi.

Terminei de comer, liguei o som e botei no último volume tocando Beyoncé. Arrumei a casa na maior felicidade dançando e cantando, deu umas 19:00 horas e acabei já que eram quatro andares para serem limpos, liguei para a Melissa.

  Ligação on

-Falaaa minha vacaa. -Mel falou super feliz

-Bora ir no shopping, tenho que fazer umas comprinhas. Eu to cansada de usar as camisas do Martin, estou engordando.

-Para de comer então, eu hein!

-Olha, entre parar de comer e comprar roupas... Eu escolho fazer umas compras. Passo aí em 30 minutos.

-OK beijos minha vaquinha.

  Ligação off

Tomei um banho e fui para a casa Mel, ela já estava na porta me esperando, então abaixei o vidro.

-Oi gatinha quanto cobra por hora? -Ela riu e entrou no carro, fizemos a festa no shopping até ele fechar que eram às 00:00. Levei a Mel em casa e fui me arrumar.

Cheguei e vi pegadas de lama no chão seguindo até o sofá onde o Martin estava jogado comendo.

-Eu não acredito, eu me mato de arrumar essa casa e você já chega sujando o chão todo. PODE IR PEGANDO O PANO AGORA!

-Oi para você também amor!

-Vai dizer oi para o pano de chão lá na área, eu hein, mas que abuso!  Vou subir e se eu descer e ver que não está nada limpo, você não saí de casa até estar! Ouviu?

-Sim capitão. -Fui me arrumar e percebi que comprei tanta roupa, que fiquei indecisa. Mas encontrei no fundo da bolsa um vestido vermelho decotado. Olhei para ele e disse comigo mesma
"É esse com certeza."
Coloquei ele e percebi que havia ficado lindo, marcando o meu corpo. Coisa que o Martin amava!
Fiz uma maquiagem bem básica e desci. O chão já estava limpo, Martin já estava pronto e me olhou dos pés a cabeça.

-Eu tenho a mulher mais linda do universo! Levei um tiro, me segura!

-Para seu bobo! Vamos antes que a gente se atrase. -Ele concordou com a cabeça, botando a mão na minha cintura e me levando até a porta. Nós entramos no carro e o Martin não parava de me olhar e dizer o quanto eu estava linda. Chegamos no local e faltava 5 minutos para ele se apresentar, dei um beijo nele e desejei boa sorte antes dele subir.

Estava a caminho do banheiro e alguém esbarrou em mim.

-Desculpa, eu sou mui... -Era o Dustin e como ele estava gato meu Deus!

-Madison quanto tempo! O que está fazendo aqui?

-Meu namorado está tocando.

-Você é namorada do Martin Garrix?

-Sou sim. Na verdade, nós somos casados. Ele é um amor de pessoa. E você? O que está fazendo aqui?

-Sou o gerente desse bar, que se tornou o melhor de Amsterdam. Mas e aí, como é ser namorada... Ops! Esposa de um DJ tão famoso?

-É muito estranho já que ele vive cercado de fãs e com agenda lotada, mas o que importa é meu amor por ele. -Ele estava com um olhar malicioso se aproximando cada vez mais, quando o Martin começou a tocar in the name of love.

-Madi... Eu sei que faz muito tempo que terminamos, mas o amor que eu sinto por você não acabou. Eu tentei entrar em contato com você mas você mudou todos os seus meios de comunicação, enfim, eu queria ter uma canche com você. -Fiquei paralisada e ele me beijou, que saudades daquele beijo.

Pov Martin

Estavam todos animados com in the name of love e levantei para ver a galera. Mas dei de cara com a Madison. Ela estava beijando um cara. Não pensei duas vezes em abandonar o palco e ir na direção dos dois não e socar aquele cara!

-Martin para! -Ela falou me segurando.

-Como você pode Madison? Como pode fazer isso comigo?

-Ele roubou esse beijo de mim, eu te amo e você sabe que nunca faria isso! -Olhei para ela com um ódio tão grande que não era possível deixar de perceber.

-Mas fez Madison.

-Olha só Martin, eu não transei com ele que nem você fez com a Bebe Rehxa! Foi só um beijo roubado que não significa nada, então para com esse drama!

-Sério que você vai voltar para o passado?

-Basta só acreditar em mim, ou, se você quiser pode ir atrás dela, pois ela vai te aceitar na primeira vez que você der um mole para ela.

-Não vou perder meu tempo ouvindo merda, continue se divertindo. -Sai dali voltando a tocar no palco por mais meia hora e eu não via mais a Madison. Fui para o balcão e pedi uma dose de tequila. Percebi que tinha uma menina linda do meu lado bebendo horrores.

-Qual é o motivo dessa menina linda estar se acabando na bebida?

-Família, namorado e etc...

-Nem me fale... -Começamos a conversar e a beber juntos. Quando fui ver, estávamos morrendo de rir com as coisas que ela estava falando.
A boca dela era perfeita.
Não meu contive e dei um beijo nela, puxando seu corpo e colocando-a no meu colo, ficamos ali até os dois perderem o folêgo.
Ela me olhou intensamente com aqueles olhos verdes.

- Te conheço de algum lugar. Qual é o seu nome?

Se eu falasse nossa noite iria acabar. -Pensei comigo.

-Isso não importa agora, vem comigo. -Puxei ela para dentro do meu carro e fomos para um hotel, estávamos completamente bêbados, entramos no quarto se agarrando. Ela tirou minha blusa beijando meu abdômen descendo até minha calça e tirando ela. Aquela garota maluca estava me pagando um boquete delicioso, ela botava tudo na boca me fazendo gemer de prazer.
Peguei ela no colo e colocando-a na cama, arranquei sua roupa penetrando ela de várias posições a noite toda e até que pela manhã caímos exaustos.


Notas Finais


Obrigada, para pessoa maravilhosa que me ajudou Vicky


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...