História Emison: O Reecontro - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Emily Fields, Hanna Marin, Spencer Hastings
Tags Emison, Pll, Pretty Little Liars
Visualizações 274
Palavras 1.403
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OI GENTEEE! Voltei em um belo domingo trazer mais um capítulo para vocês... Queridos fãs de Emison, não se preocupem, agora vou conseguir postar diariamente fanfic para vocês! BOM... Espero que gostem desse capítulo fiz ele com muito carinho!

BOA LEITURA ❤

Capítulo 23 - 23


Fanfic / Fanfiction Emison: O Reecontro - Capítulo 23 - 23


Emily's POV

Chegando o fim do dia, Ali e eu, chegamos em casa, e logo percebo que Ali não estava muito bem, enquanto eu cuidava de algumas anotações e Alison apenas assistia TV sentada no sofá... Tão quieta, que não parecia ser a Alison...

- Em que está pensando, Senhorita Dilaurents? - Pergunto, parando o que estava fazendo e sentando no sofá ao seu lado.

-Em algumas coisas! - Fala, tão baixo, que quase não dá para ouvir, e sua expressão estava triste...

-O que foi Ali? Aconteceu alguma coisa? - Pergunto preocupada, colocando minha mão em cima da dela, a encarando-a séria...

-Apenas uma adolescente tentando me tirar do sério... E conseguiu! - Fala, com os olhos lagrimejados me olhando, e ao ver ela daquele jeito, meu coração chega à doer...

-Como assim? Que adolescente? - Pergunto, rapidamente, sem entender, enquanto ela revira os olhos, tentando não me olhar...

-Porque ainda existem pessoas que não consegue entender o amor? -Pergunta, deixando algumas lágrimas caírem - Porque ainda sim, existem pessoas tão preconceituosas e horríveis nesse mundo... Eu juro... Eu tento ignorar cada brincadeirinha que ouço, todos os dias sobre amar uma mulher e isso parte meu coração! - Ao finalizar, sem mais ou menos, a abraço,  ouvindo seus soluços e choros, sentindo pequenas gotas de água cair em meu ombro...

-Ali, vai ficar tudo bem! -Falo, acariciando seus cabelos, sentindo ela me abraçar forte... Confesso que ao vê-la chorar, me deu vontade de chorar junto, querendo que ela compartilhasse essa dor comigo... Mais a única coisa que eu poderia fazer naquele momento era acolhe-la em meus braços...

Desfazemos do abraço, e vejo seus olhos vermelhos de tanto chorar, então,  levo minhas mãos até seu rosto, limpando as lágrimas que ainda tinham, Ali me olha sem dizer nada...

Seguro seu rosto com minhas mãos a encarando:

-Ali... Não se deixe levar por essas pessoas estúpidas, aposto que algum dia elas vão perceber que estão erradas, e vão parar... Mais... Enquanto isso não acontece,  seja forte, ignore o máximo possível! Eu estarei aqui no final do dia, para te fazer feliz e esquecer tudo isso! Apenas, não tenha medo de ser quem você realmente é , Ok? - Pergunto,  e vejo um belo sorriso formar em seu rosto, enquanto nos entre olhamos...

-Obrigado! - Fala, dando um pequeno sorriso, enquanto lentamente acaricio seu rosto...

-De nada meu amor! Você sabe que sempre estarei aqui por você! -Falei, dando um sorriso, e me encostando no sofá,  vendo-a deitar com a cabeça em meu peito,  enquanto acaricio o seu cabelo, ouvindo-a suspirar forte...

Ficamos por longos minutos desse jeito, eu encostada no sofá, e Alison enrolada em meus braços, com a cabeça deitada em meu peito...

Adoro ficar deitada assim com a Alison, tenho a sensação que estou protegendo ela, deixando-a segura... E assim tenho a oportunidade de ficar por longos minutos inalando o cheiro de seu cabelo, KKKKKK.

Depois de algum tempo, pensando comigo mesma, abaixo minha cabeça, olhando Alison com os olhos fechados... Percebendo que ela estava dormindo, dou um leve sorriso, pousando um beijo em sua testa... Aí meus deus! Como eu posso amar tanto essa mulher? Ela me deixa louca de amor por ela, apenas vendo-a dormir! Como isso é possível?

Tento me levantar, sem acordá-la, mais não tinha como:

-Amor! - A chamo, tentando acordá-la. Era estranho chamá-la assim, Amor! Nunca nos chamamos assim, é sempre: "Ali" ou "Em"... Sei lá, ainda é estranho!

-Eiii! Ali! Vamos dormir na cama! -Falo, e vejo-a abrir os olhos lentamente, sentando no sofá com um pegueno sorriso e estranho fazendo uma cara sem entender nada:

-O que foi? -Pergunto curiosa e ela logo me olha:

-Amor? Essa é nova! -Fala soltando uma risada e me fazendo rir também...

-Porque? Não gostou? - Pergunto erguendo a sobrancelha, enquanto nos encaramos, e vejo a morrendo de sono que nem eu...

-Eu amei! AMOR! - Fala alto, puxando meu rosto com suas mãos,  e me dando um selinho rápido,  levantando:

-Vem! Vamos dormir, estou muito cansada! - Fala pegando minha mão e me levando em direção ao quarto...

                      ...

Alison's POV

Tinha acordado e como sempre, enquanto eu tomava um banho, Emily preparava nosso café da manhã...

Após eu tomar meu banho e me arrumar para mais um dia como professora na escola Seattle High School, me encaminho até a cozinha e vejo Emily vindo em minha direção, me entregando uma xícara de café:

-Bom dia! "Meu Amor" - Fala fazendo aspas com as mãos, me dando um selinho e eu logo rio com isso...

-Bom dia... -Falo, e faço uma expressão pensativa, tentando pensar em algum apelido carinhoso para dar a Emily... -Minha Sereia! - Concluo, dando um piscada para ela, que me olha surpresa:

- Não sei porque! Mais eu amei esse nome! -Fala, dando um gole do seu café, me olhando...

- É por que, ele combina perfeitamente com você! - Sorrio e a mesma me olha com um sorriso tímido...

                        ...

Quando chegamos em frente a escola, Emily foi direto para dentro, enquanto atravessei a rua para ir em uma padaria perto, comprar chicletes para mim...

Após entrar na escola, estava andando pelo corredor, e vejo Addison com suas amigas, olhando para mim e dando algumas risadinhas, mais logo surge em minha mente o que Emily me disse na noite passada, e então ergo a cabeça confiantemente , com um sorriso, e vou em direção a sala dos professores...

...

Já se passava das seis horas da tarde e depois de dar todas as aulas que eu tinha hoje, me encaminhei até a sala dos professores, não encontrando a Emily, e logo estranho... Pelo fato de sempre nos encontrarmos aqui, para ir para casa... Começo a procurá-la por todos os cantos, Até chegar na área da piscina, a enxergando dentro da piscina, nadando como antigamente, com seus braços largos batendo na água, a vendo em um maiô que valorizava o seu corpo... UAU, que corpo!

-Emily! Por que ainda está aqui? -Pergunto em um tom mais alto, a fazendo parar de nadar, e me olhar, enquanto chego perto da borda da piscina:

-Não recebeu minha mensagem? -Pergunta, e eu logo pego meu celular dentro da bolsa, vendo que tinha uma mensagem da Emily, avisando que estaria aqui...

-Aí desculpa, eu não vi! -Falo, colocando a mão na cabeça a fazendo rir:

-Emily... Você pode entrar na piscina? Por que pelo o que eu saiba, São só para os alunos, e não incluí professores! -Falo, dando um sorriso, vendo-a sair da piscina se enrolando em uma toalha!

-Bom... Desde que ninguém saiba, eu posso! - Fala, dando um piscadinha para mim, enquanto se seca aos poucos!

-Mais agora eu sei! -Falo, vendo-a se encaminhar até o vestiário e eu a sigo:

-Então terei que te matar! Por que, como diz um ditado, Duas pessoas só podem guardar um segredo se uma delas estiver morta! -Fala com um sorriso, enquanto pega sua roupa e começa a se trocar na minha frente e eu apenas assisto essa cena em silêncio a admirando!

-Quer um babador? -Pergunta, me fazendo desviar olhar do seu corpo para o seu rosto, enquanto ela se aproxima de mim, e eu apenas continuo encostada em um dos armários do vestiário

-Não! Estou bem! Apenas estava dando uma pequena admirada no corpo da minha sereia! -Falo, vendo-a apoiar suas duas mãos no armário, ficando cara a cara comigo, me fazendo ficar presa em sua frente, logo percebendo suas intenções ao ver ela morder seu lábio inferior...

-Emily... -Falo baixinho, sem conseguir terminar, sentindo sua respiração quente em meu pescoço e pequenos beijos pousados ali!

-Em... -Falo mais uma vez, encostando a cabeça no armário com os olhos fechados, a sentindo deslizar sua mão pela minha perna e apertando a mesma, enquanto passo minhas mãos pelo seu cabelo carinhosamente...

Emily logo sobe seus beijos até chegar em minha boca, sentindo suas mãos em minha sintura, me puxando contra o seu corpo,e passo minhas mãos pelo seu rosto!

-Com Licença! -Ouço uma voz desconhecida falar, e logo eu e Em, nos assustamos, nos afastando, com nossas respirações ofegantes e olhares assustados:

-Eu apenas vim pegar algo que esqueci no armário! -Fala uma menina, loira e de óculos, em um tom tímido, olhando para nós duas e apenas concordamos com a cabeça sem dizer nada!

Logo vimos, ela rapidamente pegar algo em um armário distante de nós, e sair com passos largos do vestiário sem dizer nada... Quando eu e Em já estávamos sozinhas, nos entre olhamos, e começamos a rir sem parar, em como a menina ficou sem graça, nos pegando naquela situação, constrangedora!


Notas Finais


É por isso hoje gente! Espero eu que tenham gostado do capítulo! Um pouco constrangedor, mais tudo bem KKKKKK! Emily sua safadinha! E coitada da Ali gente, sofrendo por causa dessa Addison! Agrrr! Bom, gente, se tiverem críticas, opiniões, podem comentar, vou ler tudo! Obrigado por ler até aqui!

ATÉ O PRÓXIMO CAPÍTULO ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...