História Employer and Employee - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Jeon Jungkook, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Park Jimin
Visualizações 108
Palavras 2.094
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Me desculpem por qualquer erro :33

Boa leitura ❤

Capítulo 28 - Me Chame De SENHOR JEON!


Fanfic / Fanfiction Employer and Employee - Capítulo 28 - Me Chame De SENHOR JEON!

No dia seguinte Jimin levantou cansado, sentia dor no pulso, que havia sido apertado por Jeon no dia anterior, tinha dor na perna machucada e nas costas, que foram batidas na parede com força.

Jimin tomou um banho, e se arrumou, tomou o café da manhã e saiu para a empresa. Estava com um certo medo, e se Jeon o demitisse? Como iria se sustentar sem emprego? O pequeno pegou o carro que a tempos não dirigia, ligou o mesmo e dirigiu até a porta da empresa. Jimin tirou os óculos de sol e pos os de grau. Desceu do carro e entrou na empresa, recebeu os mesmos olhares de sempre, uma cantada no elevador de um cara babaca e alguns suspiros das mulheres.

Jimin foi direto para sua sala, ligou o computador e abriu o e-mail se deparando com o seguinte:

[email protected] para: [email protected] -

Quero as ultimas planilhas das ações mais antigas que estão indo bem: 3176, 7231, 3221, 5193, 5568, 8711 e 3042

Preciso das planilhas das sete novas ações, com todas as informações atualizadas.

Todas as copias das ações que caíram esse mês, com o motivo da queda e a quantidade de compradores que perdemos. Tudo até às 14:30.

(no máximo a entrega até 14:40)

Jimin suspirou, respondeu um "ok" e fechou os olhos, logo os abriu começando a fazer oque Jungkook pediu. Era realmente muita coisa, e pra entregar tudo até 14:40. O pequeno sentia dores nos braços, fez as pesquisas e imprimiu tudo o que Jeon pediu.

Passou o horário de almoço e Jimin não pode sair, precisava terminar aquilo. Deram 14:00 horas e Jimin terminou, finalmente! O melhor é que foi antes do prazo estabelecido.

Jimin levantou e foi até a sala de Jungkook, em um movimento calmo bateu na porta e ouviu um "entre". Jimin abriu a porta e se curvou, Jungkook olhava friamente para o menor.

#JM: Eu... Vim entregar as coisas que o senhor pediu...

Jimin estendeu a mão entregando os papeis para Jungkook, o maior olhou para o braço do Park vendo como estavam com marcas, roxas e vermelhas. Jungkook pegou os papéis e os olhou.

#JK: O que é isso?

Jungkook pediu virando uma das folhas para Jimin.

#JM: As ações em queda, senhor...

#JK: Não estou lembrado de ter pedido elas!

#JM: Estava no e-mail que me mandou...

Jungkook olhou para Jimin.

#JK: Eu não pedi isso!

#JM: Eu garanto que pediu... Pode verificar no e-mail Senhor...

#JK: Acha que sou bobo? Você esta fazendo isso apenas para tentar se reaproximar!

Jimin abaixou o rosto.

#JM: Senhor... Eu gostaria sim de me reaproximar, mas jamais inventaria algo para isso!

Jimin encheu os olhos de lágrimas.

#JK: Você é um idiota Park Jimin... Saía da minha sala!

#JM: S-sim Senhor... Com licença...

Jimin se curvou e saiu, Jungkook suspirou e se jogou na cadeira.

Jeon mais do que ninguém sabia que não tinha pedido o papel com queda das ações, Jungkook abriu o e-mail e viu que ali tinha sim o pedido daquela planilha...

#JK: Não... Eu não pedi isso... Tem algo errado...

Jungkook murmurou pra si mesmo. Jungkook olhou o horário de envio da mensagem, estava correto.

#JK: Aish...

Jungkook notou no canto da tela a escrita: 'Editado as 07:37'. Na hora Jungkook percebeu que algo estava errado, pois Jeon ficou na sala de reunião das 06:00 até as 08:00, não tinha como ele ter editado.

Jeon percebeu que alguém tinha mexido no e-mail dele. Jungkook suspirou, trocou a senha do e-mail e do notebook.

[...]

[email protected] para: [email protected] -

Park, venho lhe pedir desculpas pelo ocorrido dos papeis... Parece que alguém mexeu nos meus e-mails...

Visualizado ✔✔

[email protected] em resposta para [email protected]

Aceito suas desculpas, Senhor Jeon...

[...]

Jungkook trabalhava tranquilamente quando seu celular tocou.

JK: Alô?

L: Jungkook Oppa!

JK: Ola... Tudo bem Lizye?

L: Melhor agora que estou ouvindo sua voz, Oppa!

JK: Pode ser direta? Não estou com tempo e nem com disposição para conversar...

L: Aigoo! O que aquele Park sei lá das quantas fez para você?

JK: Isso não vem ao caso...

L: Eu sabia que ele não era boa pessoa... Ele traiu você, não é?

JK: Como sabe?

L: Aish Oppa... Jimin tem cara de quem faz isso... Olha... Fica esperto... Você sabe... Jimin tem acesso a bastante ações da empresa, isso pode acabar trazendo problemas...

JK: Não se preocupe... Jimin não vai fazer nada, e se fizer... Bom, o que queria?

L: Então, sabe que o bebê nasce essa semana, minha barriga esta enorme Oppa!

JK: É... Legal...

L: Podemos sair algum dia desses?

JK: Acho melh...

L: Jungkook! Eu sei que você só não saía comigo por causa do Jimin, agora você ta livre! Vamos!

JK: Lizye, me de um tempo, por favor...

L: Certo...

JK: Sabe... Como eu vou ficar com o bebê acho melhor levarmos todas as roupinhas e a mobília dele la pra casa...

L: Não!... É... Deixa aqui em casa, levamos quando estiver mais perto do nascimento... Ok?

JK: Tudo bem...

[...]

17:30.

Jungkook ouviu batidas na porta, mandou entrar e viu Jimin.

#JM: C-com licença...

Jungkook ficou sério.

#JK: Seja rápido... Não quero que ninguém veja você, aqui...

Jimin abaixou a cabeça.

#JM: Eu, queria saber se posso sair mais cedo... Precisaria ser agora...

#JK: Por qual motivo?

#JM: Familiares...

#JK: Motivo específico?

#JM: O meu irmão veio me visitar... E... Não sei quanto tempo ele fica...

#JK: Mande ele esperar... Volte ao trabalho...

Jimin encheu os olhos de lágrimas.

#JM: Por favor!

#JK: Eu já disse! Volte trabalhar! Você vai sair no horário, junto com os outros funcionários!

#JM: Jungkook, talvez demore pra mim poder ver ele novame...

#JK: ME CHAME DE SENHOR JEON!

Ele gritou, Jimin assentiu.

#JM: P-por favor... Senhor Jeon, faz quase mais de um ano que não o vejo... Eu faço hora extra nos finais de semana, por favor!

#JK: Saía daqui... Agora!

Jimin deixou uma lágrima escorrer e a limpou rapidamente.

#JM: Me desculpe... Com licença...

Jimin fechou a porta. Jungkook sentou em sua cadeira e sentiu suas bochechas arderem, estava com raiva de si mesmo por ter sido tão estupido, mas não iria voltar atrás.

[...]

Quando deu o horário de ir embora Jungkook estava no salão principal, observou o garoto sentado na recepção da empresa. O garoto tinha pele bem clara, um rosto angelical, cabelos tão claros quanto a pele, usava um moletom azul e uma calça jeans preta.

Jimin logo saiu do elevador acompanhado por alguns outros caras, era inevitável para Jungkook não sentir ciúmes. O baixinho sentado no sofá de espera da empresa se levantou, Jimin correu até o tal garoto e ambos se abraçaram.

#JM: Y-Yoon...

Jimin começou a chorar. Jungkook observava tudo de longe, aquele devia ser o tal Yoongi, irmão do Jimin.

#JM: Suga...

Jimin chorava abraçado a Yoongi. O mais velho sorriu para Jimin limpando as lagrimas de seu rosto.

#SG: Como você tá diferente Minnie...

Jungkook sentiu algo doer dentro de si, "Minnie" , ninguém podia chamar Jimin assim! Esse era o jeito que Jungkook o chamava!

#JM: Desculpa te deixar esperando, Hyung... Vamos pra minha casa?

Yoongi passou o braço pela cintura de Jimin e o abraçou de lado. Os dois saíram da empresa, Jungkook sentia vontade de chorar.

[Na casa do Jimin]

#SG: Quem diria! Park Jimin tem uma casa organizada!

Yoongi falou deixando a mochila sobre o sofá enquanto lembrava do quarto bagunçado do menor quando moravam na casa dos pais, Jimin riu e trancou a porta.

#JM: Eu to tão feliz que você ta aqui! Senti tanta saudades!

#SG: Apesar de você ser esse chato que é, eu também senti sua falta...

Yoongi riu bagunçando os cabelos de Jimin.

#JM: Quer comer alguma coisa?

#SG: Não estou com fome agora... Quem sabe mais tarde...

Jimin assentiu e sentou no sofá ao lado de Yoongi.

#SG: Mamãe e papai mandaram um beijo para você...

Jimin sorriu.

#SG: E então vo... JIMIN!

Yoongi gritou assim que viu os braços do irmão com marcas.

#SG: Minnie!

Jimin abaixou o rosto.

#JM: O Jungkook... Ele tava irritado...

#SG: Aish! Ele bateu em você pequeno?

#JM: Não... Não chegou a bater... Ele apenas me segurou... Forte...

Yoongi abraçou o irmão.

#SG: Ah Jiminnie...

#JM: Dói Yoonnie... Doi quando eu lembro das coisas que ele me disse...

#SG: Você mesmo disse que Jungkook estava irritado... Ele provavelmente falou sem pensar...

#JM: E-eu espero... Você acha que eu sou... Uma vadia?

Yoongi riu sem mostrar os dentes.

#SG: Realmente preciso responder?

Jimin olhou bem para os olhos do irmão.

#SG: As pessoas não podem dizer quem nem oque você é... Jimin, você é uma vadia?

O menor negou.

#SG: Então? Por que escuta oque os outros dizem?

Jimin deu de ombros e sorriu.

#JM: Eu jogaria essa almofada na sua cara!... Mas seus concelhos são tão bons!

Yoongi riu pegando uma almofada e batendo sobre a cabeça de Jimin. Ambos riram e Jimin abraçou o irmão deitando sobre seu corpo.

#JM: De verdade... Não sei mais se quero que você volte para Daegu...

#SG: Não sei se quero voltar... Você é meu melhor amigo, sinto tanta falta das nossas guerrinhas de travesseiro, e dos assaltos a geladeira de madrugada!

#JM: Você sempre comia mais que eu!

Jimin fez bico. Yoongi riu bagunçando novamente os cabelos de Jimin.

[...]

[Três Dias Depois...]

(dois dias para o nascimento do bebê)

Jungkook continuava tratando Jimin de forma desprezível. Pedia para o menor fazer coisas que não eram necessárias, nem o próprio Jungkook entendia o porque de fazer aquilo, mas fazia...

#JM: Com licença... Aqui estão as quatro novas ações mais bem sucedidas... Aumentei a taxa das que o senhor me pediu, e recuperei três que não estavam indo tão bem...

Jimin falou para o maior que olhava para a tela do computador.

#JK: Ok...

#JM: Posso me retirar, senhor?

#JK: Sim...

Jimin se curvou e estava saindo quando parou e pôs a mão na cabeça.

#JK: Falei que pode sair!

Jimin fechou os olhos e os abriu sentindo que algo estava estranho. O menor piscou algumas vezes.

#JM: S-sim...

Jimin se virou e tentou caminhar até a porta, o menor se desequilibrou e sentou no sofá. A respiração de Jimin acelerou.

#JK: O que foi?

#JM: Nada...

Jimin estava confuso, os olhos do pequeno embaçavam, mas logo voltavam ao normal.

#JK: Park, esta bem?

#JM: E-eu... Não sei...

#JK: Já chega Park! Volte a trabalhar!

#JM: O-o que?

#JK: Trabalhar! Vá Jimin!

Jimin assentiu e levantou sentindo dor em sua perna, o menor gemeu. Jungkook bateu a mão na mesa.

#JK: Pare com isso!

Jungkook pensou por um segundo e lembrou dos remédios de Jimin, ele provavelmente nao esta tomando, é logico que não esta! Pois os remédios estão na casa de Jungkook!

#JK: Você está tomando os remédios?

Jimin olhou confuso para Jungkook.

#JK: Remédios!

#JM: N-não sei... Eu deveria tomá-los, certo?

Jungkook assentiu ficando confuso.

Jeon ligou as coisas, remédio para a memória, o medico havia dito que se Jimin parasse de tomar antes de completar o tempo desejado teria problemas mais simples na memória.

#JK: Ah mas que droga! Nem pra tomar um remédio você presta!

Jungkook falou levantando e puxando Jimin pelo braço, o maior puxou Jimin até o elevador.

#JM: D-devagar...

Jimin reclamou sentindo seus olhos embaçarem e sua cabeça doer.

#JK: Anda logo! Não tenho o dia todo!

Estavam chegando na porta do elevador, Hoseok chamou por Jimin e se aproximou.

#H: Onde vai leva-lo?

Perguntou para Jungkook que mantinha as mãos nos braços de Jimin.

#JK: Ele não tomou os remédios, precisa toma-los para não ter problemas mais graves na memória.

#H: Jungkook solte o braço dele... Não vê que esta machucado?

#JM: E-eu posso ir sozinho...

Jungkook não queria soltar Jimin, sentia-se tão bem perto do menor.

#JM: Pode m-me soltar...?

Jungkook olhou para Jimin, entrou em transe ao ver os olhos do pequeno. Jungkook o encarou, sentia tanta falta dele.

#H: Jungkook! Ei!

Hoseok chamou o maior.

#H: Jeon, você ta bem?

#JK: Por que você me deixa assim?

Perguntou baixinho olhando para Jimin.

#JM: O-o qu...

#JK: POR QUE NÃO SAI DA MINHA CABEÇA?!

Jungkook estava ficando louco! Por que Park ainda mexia tanto com ele? Ah!

#H: Jungkook fica calmo...

#JK: Não da Hoseok! Eu gostava dele! Ele me machucou! Mas eu não consigo esquece-lo! Eu não quero esquecê-lo!

Hoseok tentou falar algo mais, porem JungKook saiu e voltou para sua sala. Jimin olhou para Hoseok confuso.

#H: Jungkook precisa saber da verdade... De toda ela!

[...]


Notas Finais


Já to com o próximo capitulo pronto, assim que tiver os comentário de costume, eu posto :3

Ps:. Vem tretas... Muitas tretas por ai...

Ps2: Por um tempo vou escrever com visão de narradora, é mais fácil pra explicar o sentimento dos dois, sem ficar trocando o indivíduo o tempo todo :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...