História Encontrar uma pessoa? - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 3
Palavras 361
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Eu não esperava por isso


A mansão tinha um patio enorme cheio daqueles arbustos todos cortados direitinho com um chão todo branco com uns desenhos artisticos, até duvidei que era a casa dela, apertei a campainha e ela... ELA ATENDEU, só que...

- Quem é você?

- Sou eu Juliano!

- Juliano? quem?

- Não se lembra de mim? Sou eu Juliano, aquele garoto que te ajudou quando você tinha ralado o joelho no bosque

Ela ficou quase um minuto olhando pro nada com os olhos atentamente abertos, parecia que ele tava tendo um flashback daquilo que a gente viveu quando criança, depois de um minuto e meio ela falou

- Pode entrar

Entrei e se sentamos numas cadeiras de uma tal sala de estar, e começei a fazer perguntas

- Você mora sozinha aqui?

- Sim

Ela parecia muito insegura, parecia que estava sendo controlada, mas pensei, deve ser atitude, tudo muda... Mas minha cabeça: NÃOOOO!! VAMOS PERGUNTAR O QUE TA ACONTECENDO!

- Por que você esta tão quieta? parece insegura

- Err... Melhor deixar pra lá, vem vou te mostrar a casa inteira

Depois de ela ter me apresentado a casa eu perguntei se eu poderia ficar hospedado ali por alguns dias, já que minha mãe ia viajar e não é legal ficar sozinho né... (mentira, queria beijo) liguei para minha mãe e falei que eu ia ficar ali, então fui em casa buscar minhas coisas e já mandei um "Boa viajem"

Cheguei na casa da Lilie, novamente, e fiquei hospedado no quarto da Lilie, e eu queria saber uma coisa, como numa casa gigantesca só tem um quarto? Mas, enfim né... rsrsrs. Lilie parecia estar mais quieta do que nunca, não parecia estar normal, parece que estava escondendo algo.

 

ALGUNS MESES DEPOIS

 

Hoje fui na casa da Lilie, e a gente já tinha virados "Best-friends" denovo, ela me levou para o quarto, trancou a porta sentou na cama e começou a desabafar, começou a falar que enfrentou problemas, que os pais delas estavam praticamente malucos da cabeça, que antes dela me conhecer e me ver denovo ela estava com solidão, e começou a desabafar um monte de coisa, quase chorei enquanto ela falava.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...