História Encontre-Me - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Vermelhav
Visualizações 3
Palavras 478
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Mistério, Saga, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Seguinte, essa é a minha primeira fic com um capítulo só, se não gosta, o que esta fazendo aqui?
O título não tem muito haver, mas depois vai ter, na próxima história em que lançar.
É beseada em uma animação, logo de aviso.

Capítulo 1 - "Te Achei"


Fanfic / Fanfiction Encontre-Me - Capítulo 1 - "Te Achei"

Eu sempre fui diferente dos "outros". Acredito no meu mundo, acredito na minha fantasia, acredito no que acho que devo acreditar, esse sou eu e ninguém pode me mudar.

Hoje é mais um dia normal. Como sempre, eu vou para a escola e depois de um tempo volto com a minha amiga.

Sempre compramos doces quando voltamos da escola, ela sempre fica com a mensagem "Encontre-Me" e isso me faz rir, porque eu quase sempre pego a "Te Achei", mas na verdade não. Eu não sei onde mora, ou quem é direito. Falamos bastante um com o outro, mas não sei quase nada, não sei onde mora, não sei o que faz depois de ir embora, não sei quem é, só sei de que é minha amiga, e isso ninguém pode tirar de mim, a não ser ela mesma.

Todos dizem de que ela não é real, mas eu simplesmente ignoro, porque eu sou ignorado, invisível, deixado de lado, quase ninguém fala comigo, se dizem que ela não é real, então quer dizer que está passando a mesma coisa que eu.

Quando chego em casa eu vejo meus pais com um médico, eu sou muito curioso e pego o panfleto da mão de minha mãe e saio correndo, mas paro ao ver o que estava escrito.

"Sintomas: Perturbação, Falar Sozinho, Agir Agitadamente.

Conclusão: Acreditar em Amigo Imaginário"

Quando li o que estava escrito eu não pude acreditar nas bobagens que estavam escrito, falei que minha amiga não era de mentira, apontei onde exatamente estava, mas mamãe só falou que ela não existia e voltou a conversa com o médico.

Eu… fugi, e fui para o topo da montanha, sentei-me no gramado e suspirei. Ela pegou uma bala e abriu, comeu e me mostrou a mensagem "Encontre-Me", eu abri a minha e dessa vez estava "Te Achei", então ela se levanta e vai por traz das grades, onde não podia passar. Fiquei em desespero e corri atrás dela, mas por algum motivo era mais rápida.

No caminho em que estava a procurando, tinha muitas armadilhas para ursos e muita pouca luz, podia facilmente me perder naquele local cheio de árvores. Tropeço em uma pedra e desço rolando o pequeno morro que havia ali. Levanto a minha cabeça e vejo ela sentada e com a cabeça relaxada na árvore, era um local bonito e nenhum pouco sombrio, logo me levanto e sento ao seu lado, vou pegando no sono e pela primeira vez a ouvi dizer "Você me encontrou", depois disso adormeci.

Quando acordo vejo que estava na minha cama com minha mãe ao lado, fiquei na dúvida do que tinha acontecido.

Mamãe me disse que a garota que dizia ser real já existiu, mas acabou se perdendo na floresta em que corri para acha-la e morreu por lá, estava desaparecida á anos, mas eu a encontrei.

Então… minha amiga não era imaginária, mas também não era real… ela era

Uma alma

Te Achei


Notas Finais


Foi isso
Até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...