História Encontro Com O Passado - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 8
Palavras 835
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


É a minha primeira fanfic, então espero que gostem e que me ajudem a ir melhorando.

Capítulo 1 - Capítulo Um


 POV BROOKE 

 "Lar doce lar.
   Que saudades daqui." Esses eram um dos vários pensamentos que rondavam minha cabeça quando entrei no meu apartamento ás 11h da manhã. Ver minhas coisas, já tão familiares no mesmo lugar, me deu um alívio. Alex tinha cuidado bem da casa, não que eu tivesse alguma dúvida de que ela o faria quando deixei minha casa nas mãos dela, mas é que ainda assim me preocupava. 
  A viagem foi maravilhosa, cada coisa e detalhe daquele lugar era fascinante, as pessoas, a comida, as cidades sempre limpas e impecáveis, os costumes. Tantas fotos, tantas coisas, tantas lembranças. 
  Ai que saudades que está me dando agora. Lógico que senti saudades de casa, mas poderia transformar aquele lugar na minha casa fácil, fácil. Até cogitei a hipótese  de me mudar, mas não seria tão favorável assim, tenho meu amigos, família, emprego e casa, todos aqui. Ficar seis meses sem vê-los até que dava para aguentar tranquilamente, pois sabia q iríamos nos ver logo, logo. Agora, se eu me mudasse não nos veríamos mais de uma ou duas vezes por ano, até por que não tenho dinheiro pra ficar indo e vindo,pra lá e pra cá.
  - Apesar de eu querer muito, não podemos simplesmente ficar aqui e deixarmos tudo bagunçado. - Jeanine falou se levantando e batendo na minha perna para que eu levantasse também. A única coisa que eu fiz foi resmungar e escorregar para o tapete felpudinho que tinhamos. 
  Ela me cutucou com a ponta do pé várias vezes. Sabia que ela também não estava querendo fazer nada a não ser domrmir.
  - Se você não arrumar agora, vai demorar para arrumar, vai ficar sem roupa e sem nada e depois vai ficar reclamando e reclamando. Se você arrumar tudo agora, vai poder dormir o resto do dia, e com a consciência limpa de poder acordar e não fazer mais nada. Sei que você quer isso,você está sob meu poder. - Falou essa última parte tentando imitar um ilusionista fajuto. Ri e me levantei, ela estava certa, eu não iria querer acordar e ter que fazer um monte de coisas.
  Começamos a desmontar a mala, guardar as nossas coisas em nossos quartos, e separar as roupas. Ficamos nisso por umas três horas e finalmete fomos dormir.
  Tomei banho e nem vi a hora que deitei.  Acordei mais algumas vezes mas nunca por muito tempo.

   

  Acordei, desorientada e com a maior fome da minha vida. Olhei pro relógio e vi que já era o dia seguinte, 8h da manhã. Que sono maravilhoso esse, levantei me arrastando e fui até a cozinha, no caminho vi que Joe, minha amiga que morava comigo, ainda estava dormindo, então fiz o menor barulho possível para não acorda-la. Fechei a porta de seu quarto, fiz o café e peguei o pão que Alex, nossa "empregada" (ela vinha uma vez por semana limpar a casa e ficou cuidando dela enquanto estavamos fora), tinha deixado na bancada, peguei meu coberto, meu celular e fui sentar no sofá na frente da televisão. Nada melhor. Tinha várias mensagens da minha mãe e algumas outras notificações. Liguei pra minha mãe e combinei de ir almoçar lá, com a família. Algumas das outras notificações eram dos meus amigos, combinamos de nos encontrar também, só que no final de semana, afinal todos estavam trabalhando. Só eu e Joe estavamos de férias. Graças á conclusão na faculdade e as férias acumuladas, conseguimos fazer o nosso tão esperado e querido intercâmbio.
  Mandei mensagem para os meus amigos que moravam no mesmo condomínio que eu morava antigamente. Combinei de os encontrar hoje, sexta-feira á noite, iamos fazer o que sempre faziamos, beber um pouco e ficarmos á toa. Mas eu gostava, sempre gostei.
  Fiz mais algumas coisas, passei minhas fotos para o computador, e passei o resto do dia deitada. 
  - Mais tarde vou sair e ir no condomínio ver os meus pais, quer ir também? - Perguntei a Joe quando ela acordou.   
  - Não, to bem aqui. Vou ficar com a casa só pra mim. - Ela disse caindo no sofá e se enrolando na minha coberta. 
 - É, a casa só pra você. As roupas pra colocar pra estender e a outras pra colocar na máquina só pra você também. - Ela revirou os olhos e eu ri. 
  Me arrumei e fui sair.
  - Posso pegar seu carro Joe? - Eu perguntei com uma carinha de dó. 
  - O que eu vou ganhar com isso?
  - Eu possa passar em algum lugar e comprar alguma coisa pra você comer. O que  quer?
  - Trás fini e outros doces e a chave está na minha escrivaninha. - Ela apontou para o seu quarto.                                 Entrei e vi tudo impecável, o que não é nenhuma novidade, Jeanine era muito organizada  (uma coisa que sempre me ajudou e eu sempre agradeci),além disso ela era alta, de pele clara e cabelos escuros, olhos grandes e castanhos claro. Peguei a chave, me despedi e sai. Estava ansiosa para rever todo mundo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...