História Encontro Homicída - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor Proibido, Armypotato, Crazy, Drama, Homicidio, Romance, Suícidio
Visualizações 21
Palavras 850
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Me perdoem ter demorado tanto para postar este capitulo novo, meu emocial estava muito abalado, porque essa historia é totalmente experiência minha vivida, com um pouco de ficção. Ou seja, embora seja uma história, há vários trechos que eu vivi aqui.
Obrigada e, boa leitura ❤

Capítulo 4 - Início de uma paixão


Fanfic / Fanfiction Encontro Homicída - Capítulo 4 - Início de uma paixão

( Emylle se levanta e se vira para se retirar, Pietro a segura pelo braço e diz: )

Pietro: você vai.

Emylle: isso é uma ameaça?

Pietro: entenda como quiser

Emylle: estarei la.

horas depois [No parque]

[Pietro/Off]

Que droga, aonde ela esta? Será que não vai vir ?

~antes que ele pudesse pensar em mais alguma coisa Emylle aparece atrás do mesmo e diz:

Emylle: oi (tímida)

Pietro: pensei que não iria vir mais

Emylle: eu disse que vinha.

(Pietro em silêncio)

Emylle: então, oque vamos fazer?

Pietro: bom, gosto de ver as estrelas...

Emylle: nossa, por essa eu não esperava (sendo irônica)

Pietro: ah para! (Sorrindo de leve)

Emylle: esta certo, mas ainda esta cedo para a gente ver estrelas, não acha ?

Pietro: verdade, eu nem reparei. Bom, você quer tomar um sorvete ?

Emylle: pode ser (sorri)

[Off]

Enquanto estavam na sorveteira, eles trocaram vários olhares e sorrisos bobos, seria o início de uma paixão surgindo ?

Após o sorvete acabar foram até o parque e sentaram em um banco de madeira de frente para para a lagoa.

[Emylle off]

Mesmo não o conhecendo direito ele me faz tão bem... Não espera, que isso Emylle!? Ele é um ignorante! Não se engane.

[Pietro off]

Nem acredito que ela veio, sinto como se nela eu pudesse confiar, mas ainda é cedo para pensar nisso...

[On]

Emylle: a noite vem chegando (sorri)

Pietro: sim(sorri e olha para o céu)

Emylle: eu..

Pietro: oque?

Emylle: nada demais (sorri) eu ia falar que eu gosto de ver as estrelas também

[Off]

Um silêncio surge e domina o local, não se sabe oque eles pensam, se realmente estiverem se apaixonando isso iria dar certo?

Um histórico tão cruel deles. Emylle ainda não sabe mas Pietro esconde um segredo dela. Oque será que é ?

[Conversa ON]

Emylle: acho melhor eu ir embora

Pietro: ainda esta cedo, tem certeza que não quer ir embora ?

Emylle: não poderei demorar, tenho que fazer algo...

Pietro: ainda esta noite ?

Emylle: isso não é da sua conta

Pietro: tudo bem, ok. Posso te levar para casa ?

Emylle: eu sei o caminho

Pietro: mas esta tarde...

Emylle: você disse ainda pouco que estava cedo

Pietro: sim, eu sei. Não quero deixa-la ir sozinha, pode acontecer algo

Emylle: sei me cuidar, obrigada.

((Se levanta e põem o dinheiro sobre a mesa para "rachar" a conta, Pietro se recusa a aceitar o dinheiro dela e vai até o caixa pagar. Emylle pega seu dinheiro e vai embora))

[OFF]

Quando Pietro se depara que Emylle foi embora, ele vai atrás da mesma com um forte má pressentimento. Ele a vê conversando com um homem em uma rua escura. Ele fica escondido, apenas vendo o desfecho daquela história, logo ele percebeu que não se tratava de uma conversa e o homem que estava junto a Emylle tira um arma da cintura,  no impulso Pietro corre até o homem fazendo com que a arma disparasse para cima. Emylle corre, e Pietro inicia uma luta corporal com o homem. Emylle corre até um policial que fazia uma ronda por ali e conta da situação. Durante a briga  Pietro consegue tirar a arma da mão do bandido e à joga no chão, mas o bandido tira uma faca que estava em seu bolso e consegue ferir a cintura de Pietro. Felizmente a polícia chega e prende o bandido, não demora muito e a ambulância vem, Emylle chega em seguida, apenas vê um homem deitado em uma maca vai em sua direção e o reconhece, quando ela vê seu ferimento, uma lágrima percorre sua face, 

Emylle: me perdoe!

Pietro: você não tem culpa de  nada (fala com a  fraca)

Emylle: se você morrer eu jamais vou me perdoar!

Pietro: não se importe comigo, vá para casa, e se não tiver noticias minhas amanhã, eu estarei bem. Notícia ruim sempre chega rápido. 

(A maca com o Pietro entra dentro da ambulância e Emylle é impedida de entrar)

[Emylle/Off]

Isso é tudo culpa minha, era pra mim ter esperado, se algo acontecer com ele irei me culpar pelo resto de meus dias.

[Uma semana depois]

[Hospital]

Médico: Olá bom dia Sr. Pietro, como esta se sentindo hoje ?

Pietro: me sinto  melhor. A Emylle já veio me ver hoje ?

Médico: A mocinha que vem todos os dias ? Sim. Ela veio pela manhã.

Pietro: ah sim. Eu já tenho previsão para ter alta doutor ?

Médico: por enquanto não, precisamos fazer mais alguns exames, mas creio que em breve poderá voltar  casa.

[Duas semanas depois]

[Hospital]

Emylle: finalmente chegou o dia !

Pietro: eu já não aguentava mais comer gelatina sem gosto

(Os dois sorriem)

Pietro: como estava sendo na escola enquanto estive aqui?

Emylle: então.. Eu nem te contei, mas... Eu resolvi parar por um tempo

Pietro: mas você nao pode fazer isso

Emylle: não só posso, como fiz.

Pietro: sua família sabe ?

Emylle: no momento você ê tudo que eu tenho.

[Off]

Durante essas 3 semanas Emylle brigou com sua tia e saiu de casa. Ela passou a se dedicar por completo para Pietro, largando inclusive seus estudos.

O segredo que Pietro esconde é que ele tem pouco tempo de vida. Dois meses para ser mais exata. Uma doença horrível... Mas oque será que nos aguarda para o futuro dos dois ?

Só existe um modo de salva-lo.


Notas Finais


Não seja um fantasma se gostou, comente. Comentários alegram o meu dia. ❤ (Desculpe minha ausência, mas agora eu estou de volta.)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...