História Encontro por Acaso - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Annabeth Chase, Atena, Bianca di Angelo, Charles "Charlie" Beckendorf, Chris Rodriguez, Clarisse La Rue, Frank Zhang, Frederick Chase, Hazel Levesque, Jason Grace, Leo Valdez, Nico di Angelo, Percy Jackson, Piper Mclean, Poseidon, Reyna Avila Ramírez-Arellano, Sally Jackson, Silena Beauregard, Thalia Grace
Tags Franzel, Jasiper, Percabeth, Thalico
Exibições 145
Palavras 593
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpem pela demora e pelo tamanho do capítulo!
Espero que gostem!!
Beijos
Da
DiÂngelo♡♥

Capítulo 10 - Okay, não vou dizer que foi fácil entender.


Fanfic / Fanfiction Encontro por Acaso - Capítulo 10 - Okay, não vou dizer que foi fácil entender.

Digamos que sou bem lerdo.
No dia em que Annabeth bateu na minha porta eu quase pulei de felicidade, mas depois que ela contou o que foi fazer quase a matei .   Escuto a campainha tocar como de costume estava dormindo não tinha outra hora para vir aqui não?!
Levanto da cama vou quase rasteijando abrir a porta.
Quando a abri meu queixo quase caiu.
- Annabeth?
- Oi Perceu!
- Entra.
Arrumei uma mesa de café da manhã com tudo pão de queijo, pão francês, mortadela.
Quando olho novamente para Annabeth a vejo olhando toda a casa sorrio com aquilo.
- Olhando a arquitetura da casa?
- Desculpe! Disse ela vermelha.
- Mas então por que veio aqui?
- Queria saber por que não respondeu minhas cartas!
- Hum, que cartas?
- Que cartas? Muita infantilidade sua falar isso!
- Annabeth, eu não sei mesmo!
- Okay, vou brincar também!
Foi então que meu mundo caiu , eu sabia desde primeira vez que o vi que tínhamos algum parentesco somos muito parecidos sem contar a ligação que senti entra nós.
Fiquei nervoso eu sei eu era jovem demais mas eu queria ter cido um pai presente, me levantei e apontado para Annabeth falei alterando minha voz.
- Você não podia ter escondido isso de mim.
- Eu não escondi nada foi você que não soube arcar com suas responsabilidades, eu te escrevi mais de vinte cartas e você não me respondeu nem uma.
Cartas de que cartas ela está falando?
- O que eu posso fazer se essas cartas não chegaram a mim?!
- Eu sabia que não devia ter vindo aqui, não sei porque por um minuto achei que queria fazer parte da vida do nosso filho.
Entrei em choque, porque eu não sabia o que queria e nem me liguei que ela caminhava para a porta, corri ficando na frente da porta.
- Me desculpe Annie, sente para a gente conversar.
A conduzi para o sofá e peguei dois sucos.
- Eu procurei você Perseu mas quando te encontrei não via mais lugar pra mim nem para meu filho.
Sorri com aquilo.
- Como você pode achar que não havia lugar pra você e nosso filho e sempre teve e sempre vai ter!
Mesmo com um sorriso no meu rosto e no rosto dela ela insiste em perguntar.
- A única coisa as quero saber é você quer fazer parte da vida do nosso filho? Sorri com aquela pergunta.
- É claro que eu quero fazer Annie!
Me surpreendi Annabeth me abraçou aquele arroma que sempre me fez ficar viciado, quando me toquei já  estava no meio de um beijo que depois de um longo tempo o ar se fez obrigatório.
- Percy?
- Oi?
- O que acontece agora? Ela perguntou.
-  Agora a gente volta ao dia 13 de julho quando naquela férias eu te pedi em namoro, e agora volto a te fazer a mesma pergunta Annie namora comigo.
Annie me deu beijo gostoso do qual eu sentia falta, caloroso e viciante.
- Vou levar isso como um sim! Digo sorrindo.
- Você deve levar isso como um sim! Disse ela e com isso eu a beijei e como eu sentia falta dos seus beijos então foi como se eu voltasse ao tempo e lembrasse do tempo em que namoravamos e esse tempo voltasse a tona.
- Está sentindo isso? Annie perguntou.
- Como se tivéssemos voltado no tempo.
Sorri junto com ela, então em meio a abraços, beijos e muito carinho que terminamos aquele dia.


Notas Finais


Comentem o que acharam e o que querem que aconteça!!
Espero que tenham gostado!!
Até a próximo capítulo!!
Beijos
Da
DiÂngelo♡♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...