História Enquanto A Lua Brilha - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural, Teen Wolf
Personagens Allison Argent, Castiel, Chris Argent, Crowley, Dean Winchester, Derek Hale, Hayden Romero, Isaac Lahey, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Melissa McCall, Sam Winchester, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski
Tags Ação, Drama, Revelaçoes, Supernatural, Teen Wolf
Exibições 28
Palavras 991
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oe.
É minha primeira fic com séries e eu pensei que seria uma boa ideia fazer com duas séries que envolve muita coisa parecida (sobrenatural, caçadores e tals, tão ligados né?)
Eu espero que vocês gostem.
Boa leitura.

Capítulo 1 - Um Novo Caso


Fanfic / Fanfiction Enquanto A Lua Brilha - Capítulo 1 - Um Novo Caso

 

 

  Os olhos do caçador percorriam as linhas do jornal atentos a qualquer detalhe que lhe soasse suspeito. Há mais ou menos três dias que Dean procura por um caso mas até agora não encontrou absolutamente nada. Isso o deixava estressado, já que não havia nada para fazer além de ver seus pornôs japoneses, mas ele já havia visto todos. Foi então que o irmão entrou na cozinha com sacolas e atraiu o olhar do mais velho.

-O que tem ai? - Perguntou Dean dobrando o jornal.

-Eu comprei ovos - Respondeu Sam.

-Ah - Dean então desdobrou o jornal e voltou a ler. Sam sorriu e aproximou-se do irmão.

-Ainda procurando?

-Claro.

-Dean, já que não temos nenhum trabalho poderíamos...

-Não, Sammy - Sam sorriu novamente assentindo.

 O irmão mais novo foi então tratar de assuntos seus, como por exemplo, fritar ovos. Ele ofereceu ao irmão, mas ele aceitou apenas bacon, como de costume. Os dias para os irmãos Winchester estavam ficando tediosos desde que Castiel praticamente sumiu e Crowley já não era mais um problema há muito tempo. Foi então que Dean pulou alegre na cadeira atraindo o olhar de Sam.

-Encontrei - Ele disse sorridente mostrando o jornal ao irmão.

  "Corpo é encontrado totalmente sem vida nesta Segunda-feira, 21, na cidade de Beacon Hills, Florida. Ainda não se sabe a causa da morte, apenas metade do corpo da vítima foi encontrado"

Dean jogou o jornal sobre a mesa e olhar de Sam foi até lá. Sam olhou para o lugar onde o irmão estava segundos atrás mas não o viu lá. Dean estava preparando suas coisas para a viagem até Beacon Hills. Sam apontou na porta do quarto do irmão mas o mesmo nem o notou.

-Dean, e se não foi coisa nossa? - Sam supõe encostando no batente da porta.

-Sam, é coisa nossa - Dean insiste - Eu vou sair hoje, se você quiser vir comigo, ótimo.

-Está bem então.

 

* * *

 

 Sam não insistiu para esperar um pouco mais, ele sabia que Dean não daria ouvidos e não duvidava nada de que o deixasse para trás. Eram 10:00 AM quando os irmãos arrumaram suas coisas de caça e pegaram a estrada com seu Impala em rumo a Beaconn Hills. Eles pararam em alguns postos para reabastecer o carro e comprar algumas coisas para comer no caminho.

-Sam, compre torta - Dean pede ao irmão. Ele pegou um de seus celulares no porta-luvas e discou o numero de Castiel. O anjo não atendeu. De novo - Onde você está, Cass?

 Dean não queria assumir para si mesmo, mas estava muito preocupado com Castiel. Mesmo sendo um anjo, ele estava desaparecido. Dean já devia ter se acostumado com os sumiços do amigo. Foi então que lhe ocorreu a única alternativa: rezar. Mas então quando foi dar inicio a sua prece, Sam entrou no carro e sorrio.

-O que está fazendo? - Perguntou o mais novo.

-Nada - Dean deu partida e acelerou voltando para estrada.

 

* * *

 

  Já era 22:00 quando uma chuva forte começou a cair e Dean teve de diminuir a velocidade, mas eles já estava bem próximos de Beacon Hills. Um incidente aconteceu minutos após Sam pegar no sono no banco do passageiro. A chuva era forte de mais mas Dean conseguiu ver os olhos brilhantes em meio a tempestade. A criatura forçou Dean a parar bruscamente, o que fez Sam acordar rapidamente.

-O que... - Sam não teve tempo de terminar a pergunta, pois Dean já havia saído do carro com a arma destravada apontada para a criatura que entrou na floresta correndo assim que ele atirou.

-É um lobisomem, Sam! - Falou ao irmão quando entrou no carro todo encharcado pela chuva.

-Tem certeza?

-Sim! Os olhos dele brilharam!

-Está bem, calma - Pediu Sam quando o irmão voltou a dirigir - Vamos até a delegacia amanha, examinamos o corpo e veremos no que se encaixa.

 

* * *

 

 Sam e Dean passaram a noite em um hotel da cidade. Dean não conseguiu dormir, estava preocupado com Castiel. O anjo já não podia mais voar e isso preocupava Dean. O despertador apitou e ele se levantou. A mente de Dean estava a mil por hora enquanto vestia aquele terno quente e pegava o distintivo falso do FBI. Ele e Sam foram com o Impala até a delegacia naquela manha. Não sabiam o que esperar, nunca sabiam, mas a prática de anos caçando os deixavam mais calmos.

-Podemos falar com o xerife? - Pergunta Sam para a mulher na bancada mostrando o distintivo do FBI.

-Claro, irei chama-lo - Respondeu ela com um sorriso. Ela caminha até uma sala ao lado e diz: - Xerife Stilinski? Há dois agentes do FBI querendo falar com o senhor. Provavelmente é sobre o corpo.

-Está bem, diga que já vou - Respondeu o homem dentro da sala.

 -Ele já vem - Respondeu ela voltando para a sua bancada.

-Pai, deixe a gente resolver isso - Uma voz também masculina vem de dentro da sala, mas era um pouco mais fina, aparentando ser de uma pessoa mais jovem. Na porta, apareceu o xerife acompanhado de um garoto moreno.

-Sem chance, Stiles - Responde o sheriff ao garoto - Eu sou o xerife Stilinski, em que posso ajudar?

-Somos do FBI - Sam responde e os irmãos mostram os distintivos novamente - Eu sou Bryan e esse é meu parceiro. Nós viemos por causa do corpo...

-Stiles, talvez a Lydia possa... - Havia outro garoto. Ele parou bruscamente ao ver os dois caçadores adiante. Em suas narinas um cheiro familiar adentrou e fez coçar: prata.

 Dean teve um pressentimento assim que o garoto apareceu. Lembrou-se então do ocorrido na noite passada, o suposto lobisomem que haviam topado no caminho, ou o que Dean achava ser um lobisomem. Dean e o garoto trocaram olhares até o xerife interver.

-Esses são Stiles Stilinski e Scott McCall.

 

* * *

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...