História Ensina-me como Viver - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hot, Jikook, Kookmin, Lemon, Namjin, Vhope
Visualizações 66
Palavras 1.365
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei... dessa vez não demorei né?
Obrigada pelos comentários e favoritos♡♡♡
Espero que gostem♡
~desculpem qualquer erro~

Capítulo 6 - Capítulo 6


Jungkook*

Mal pude parar para processar direito a situação quando a menina por nome Layla pulou em Jimin o abraçando.

-Saí de cima de mim sua capetinha, já bebi muito do teu veneno pensado que era água, nem vem -Falou, porém o mesmo não a afastou, parecia até feliz por ter a garotinha em seus braços.

-Bom te ver também Jimin Hyung -A garota o soltou rindo e olhou diretamente pra mim- Seu namorado é gato em... senhor amado. -Corei diante daquele comentário vindo de uma garotinha de 13 anos com aparência de 9, seus cabelos eram bem pretinhos e tinha covinhas lindas.

-Ele é meu assistente Laly -Falou revirando os olhos.

-Olá -Acenei para a garota que corou sorrindo mostrando aquelas covinhas fofas.

-Ah, já ia me esquecendo... -A menina correu como um foguete para fora do quarto, encarei Jimin  que estava rindo da atitude da mais nova, a mesma voltou logo depois com uma caixinha embrulhada.

-Trouxe um presente pra você -Ela falou animada dando pulinhos- Vamos Jimin abra!!!

-Abre você... tenho até medo do que você pois ai- A garota suspirou revirando os olhos desembrulhando a caixinha, lá estava o que parecia 5 borboletas enormes meia marrom, no mesmo instante que Jimin viu arregalou os olhos correndo para o outro lado do quarto.

-Tire esses monstros do meu quarto agora Layla!!! -Ele falou ofegando lá da porta do seu banheiro bem distante da menina.

-Qual é, eu fui em uma expedição de biologia e trouxe pra você, são mariposas atlas da espécie Attacus atlas, são consideradas as maiores mariposas do mundo. -A garota parecia entender bem do assunto enquanto admirava às tal mariposas- Para de drama Jimin são inofensivas e... -A mesma tropeçou e a caixinha caiu no chão.

E em menos de 5 segundos o quarto de Jimin virou um cáos total, Layla gritava "voltem, voltem" como se as mariposas fossem escuta-la, Jimin berrava encolhido em um canto, eu encarava a cena ainda paralisado enquanto cinco mariposa gigantes sobrevoam o quarto. Layla não sabia o que fazer, trancou a porta e começou a correr em círculos pelo quarto.

-ABRE AS JANELAS PRA ESSES BICHOS FUGIREM!!! -Jimin gritou desesperado, corri para perto dele que parecia acabar desmaiando a qualquer momento.

-Jimin... -Falei o erguendo com uma voz suave, na esperança de que ele se acalma-se, pelo contrário o mesmo me agarrou e ficou me fazendo de escudo humano bem na hora que uma daquelas coisas veio em minha direção, me desvecilhei do seus braços e corri, quando olhei para trás não sabia se corria para ajudá-lo ou ria da cena, a mariposa entrou dentro da camisa dele.

-AI MEU DEUS SOCORROO!!! -Jimin gritava desesperado se jogando no chão, corri para o ajudar mas o mesmo se debatia como um peixe sem água.

-FIQUE QUIETO JIMIN!!! -Berrei tentando tirar sua blusa, ao fundo ouvi Layla comemorar ter conseguido pegar uma das três mariposas que voavam desesperadas pelo quarto fora a de dentro da camisa de Jimin. Assim que tirei sua camisa ele correu para debaixo das cobertas ainda berrando, era estranho ver o Jimin maduro e sério de minutos atrás passar a ser uma bolinha de algodão assustada da voz fina que gritava de medo.

-QUE DIABOS ESTÁ ACONTECENDO AI JIMIN? -A Sra Park gritou do outro lado da porta.

-CHEGA! -Gritei e abri a janela, elas saíram voando uma por uma enquanto Layla me batia e me xingava de coisas que nunca imaginei sair da boca de uma garota de 13 anos. Caminhei até Jimin que tremia debaixo das cobertas.

-Vamos Jimin... passou -Puxei sua coberta, ele estava todo vermelho e suado, baixei os olhos pelo seu abdômen que era bem definido, "como esse sedentário tem um corpo desse?"

Do nada a porta se abriu e a Sra Park encarou a cena assustada, Jimin suado sem camisa, eu meio que por cima dele e Layla emburrada gritando nomes como "Alberto" e "José" como se suas mariposas fossem voltar simplesmente porque ela as chamava.

-Layla soltou cinco mariposas enormes no quarto -Falei rapidamente me levantando de cima do filho dela, esperava tudo menos a sua reação, ela começou a rir, e rir muito

-Jimin deve ter infartado, se ele tem medo de borboletas quanto mais... -Não aguentou e passou a rir de novo, sua risada era tão contagiante que logo todos nós estávamos rindo, com exceção de Jimin, que encarava a cena emburrado.

-Vamos, vamos -Jimin nos interrompeu -Parem de rir, que inferno. -Falou levantando e indo até o guarda roupa provavelmente procurando uma blusa para vestir, não pude ignorar suas costas, mas que droga como ele conseguiu um corpo assim se passa o dia todo deitado? 

-Ô garoto -Layla me sacudiu -Para de babar pelo Jimin e vai tirar a Geórgia da blusa dele antes que a criatura tenha outro ADP*. -Corei pelo seu comentário e mudei de assunto

-Quem é Geórgia?

-A mariposa indefesa que vocês mataram. -Disse bufando saindo do quarto, junto com a Sra Park que saiu silenciosamente ainda segurando o riso.

-Sério que ela pois o nome daquele bicho de "Geórgia"? -Jimin voltou sentando na cama com uma blusa folgada de manga cumprida como as que costumava usar, quem vê nunca imaginaria o corpo que esse filho da mãe tem. Demorei um pouco para responder e o mesmo estralou os dedos na minha frente para que eu acordasse do transe.

-É...  sim... uhum -Concordei sem jeito, até que o quarto foi invadido por Layla de novo, dessa vez com roupa de banho, óculos, bóia, bola, tudo.

-Que diabos... -Jimin começou a falar encarando a garota.

-Quero nadar Jimin, e sua piscina é ótima sabe? -Então aqui tem piscina? Sempre quis ter uma mas em nosso quintal não havia espaço.

-Ah não... -Ele discordou balançando a cabeça negativamente. 

-Por favor Jimin -Falou manhosa fazendo um bico- Fala com ele Kookie- Layla disse me envolvendo na história, olhei para a menina que estava com um bico fofo nos lábios e um olhar pidão.

-Vamos Jimin -Dessa vez eu insisti, não só porque ela me pediu, eu realmente queria nadar nessa tal piscina.

-Já disse que não, Jungkook nem trouxe sunga e... 

-Dê uma sua ué -Ela retrucou

-Mas... 

-POR FAVOOOOOOR -Eu e Layla imploramos juntos fazendo nossa melhor cara de cachorro sem dono.

-ARRRG OK! OK! -Jimin gritou se rendendo por fim -Odeio vocês dois pirralhos -Ele revirou os olhos e se voltou para Layla -Vai descendo vou pegar uma sunga para nós dois. 

A garota saiu feliz e saltitante enquanto Jimin bufava jogando-me uma sunga preta e pegando outra vermelha.

-Essa deve servir... vem -Falou saindo

-Espera!!! -O chamei, ele se virou e me encarou confuso -O que queria me contar? Hoje cedo antes dela chegar? -Jimin corou do nada, parecia estar nervoso, respirou fundo e falou:

-Desculpa por ter dito aquilo, foi errado da minha parte... sinto muito. -O encarei surpreso, Park Jimin se desculpando? Eu devia perdoar ele? Olhei para o mesmo que estava nervoso mechendo as mãos sem parar...ele parecia estar arrependido, e depois da conversa com Jin...

-Tudo bem, a culpa foi minha... não devia ter te perguntando algo daquele tipo, e tão pouco daquela forma.

-Estamos bem de novo? -Perguntou

-A gente já esteve bem algum dia? -Perguntei arqueando uma sobrancelha, ele riu me dando um leve tapinha no ombro

-Okay... você tem razão, estaremos bem a partir de agora?

-Por mim sim -Respondi com sinceridade

-Por mim também -Continuei o encarando e prossegui -A gente devia se abraçar ou algo assim agora né?

-Não força Jungkook

-Ta bom -Digo rindo enquanto ele fechava a porta do seu quarto.

-Hey... sabe quando você disse que leu Percy Jackson? -Ele concordou andando ao meu lado e eu prossegui- Gostou?

-Um bom livro

-Melhor que o quatro olhos -Provoquei

-Olha Jungkook... -Ele respirou fundo, mas eu já fui o cortando

-Harry Potter é infantil e sem graça Jimin, qual é admita!!!

-Acho bom você correr Jeon...

-O poder dele vem de uma varinha ereta mano...

-AGORA CORRE JEON -Jimin berrou perdendo a paciência enquanto eu corria rindo e gritando mais coisas como "Se ele é tão bom porque não corrige a visão do olho?". 

Era novo porém bom ver o Jimin por esse lado, entender Park Jimin por completo não era apenas uma curiosidade agora para mim, era uma meta que desde hoje está selada, eu me aproximaria dele e descobriria o que se passa em sua mente, eu seria sua salvação... quem sabe ele seja a minha.

 






Notas Finais


* Já assistiram às branquelas? Então... kkkk, caso não tenham assistido ADP é tipo "um ataque"
Obrigada por lerem, espero que tenham gostado
Até o próximo♡
~comentem se não gostaram de algo ou se acharam algum erro tá?♡~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...