História Então Somos Amigos? - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 4Minute, Bangtan Boys (BTS)
Personagens Hyun A, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Namjin, Vhope, Yanchan, Yoongihetero
Exibições 34
Palavras 645
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey babies!♡!
Esse é primeiro capítulo(não imagina) e está minúsculo.
Porque eu não sei fazer capítulos grandes.
Mas só de vocês lerem isso aqui eu já tô feliz.
(Singnifica que a sinopse não ficou TÃO bosta assim)

Vamos logo com isso que eu tô anciosa...

Capítulo 1 - Você é louco Hyung.


-Você piscou- riu convencido- Então... Você compra.

-Merda.

Sai do carro e caminhei em direção ao mercado. Calma Jeon, são apenas compras.

Entrei no estabelecimento e agradeci a GD por estar lotado.

Estranho?

Não.

Assim, não notariam minha cara de pudim amassado.

Peguei refrigerantes, umas balas, um energético para o hyung e fui direto ao caixa rápido.

-Boa tarde.

-Boa tarde- pus todos os itens no balcão, enquanto ela passava cada coisa por aquela máquina senti meu rosto ferver enquanto tomava coragem para falar- vo.. Você pode me... Me dar umas- quantas eram mesmo?- umas vinte dessas?- apontei para umas embalagens ao lado da moça.

-JEON JUNGKOOK, COMPRA DE MORANGO.

puta merda.

÷=÷

Entrei no carro e fechei a porta. O Hyung vai pagar.

O olhei com todo o meu ódio saindo em chamas pelos olhos, quando ele finalmente me notou, parou de rir como um idiota.

-Jungkook- fez bico. Nem vem Hyung, não tem perdão.- você não está com raiva por conta disso, certo?

-Imagina- *irônia*- estou perfeitamente bem.

-que bom- que cara idiota. Senhor me dê paciência, minha beleza não aguenta tudo isso.- Eu só tenho uma pergunta- ele abriu a lata, dando um gole na mesma- como eles vendem isso pra um garoto de 15 anos, sem mais nem menos?

-HYUNG- gritei impulsivamente- vamos... Vamos apenas esquecer isso.

Ele riu, me deu a lata e começou a dirigir.

Eu ainda vou me vingar de você, Hyung.

÷=÷

-DESGRAÇADO- a mulher veio em nossa direção.

-CORRE JEON JUNGKOOKIE.

começamos a correr como 2 grandes idiotas deixando a mulher com a maior cara de cu e sem entender nada.

Paramos depois de percorrer 3 quadras.

3 longas e infinitas quadras.

Eu, Jeon JungSedentário, estava a beira da morte.

-Não sei porque ela ficou tão irada- o Hyung começou a falar, recuperando o fôlego- Não como se estragasse.

-Imagina.

Ele me olhou sério durante alguns segundos e depois começamos a rir.

Era impossível acreditar que o Hyung seria capaz de jogar 20 camisinhas recheadas de molho de tomate em pessoas aleatórias no meio da rua.

Você é louco Hyung.

Caminhamos, ainda morrendo, d é volta para a casa. Confesso que tava me cagando de medo da mulher cara de cu ter chamado a polícia. Porque aí, fodeu.

O Hyung ficou falando coisas sem sentido o caminho inteiro sobre uns animes doidos aí.
Não dava pra entender o que ele tava falando de tão rápido e alto, ele tava quase gritando no meu ouvido.

E eu, como ótimo companheiro,

Ignorei.

÷=÷

Chegamos em casa já a noitinha, como estávamos muito cansados o hyung optou por comprar pizza.

Pizza. Meu amor verdadeiro.

Subi, entrei no quarto, fui ao banheiro, tomei banho e blá, blá, blá.
O Hyung não parava de encher o saco para eu tomar banho, me esfregar direito, colocar um casaco porque tava frio.

Meu Deus.

Tá parecendo o Jin-hyung.

Desci e me joguei no sofá, recebendo um olhar de desaprovação do "novo Jin omma"

Mas, eu não liguei.

Afinal, ele não resistia a minha carinha de cachorrinho sem dono.

-Jungkook- ele se sentou ao meu lado- ah... Como te direi isso?- o mesmo coçou cabeça. O que o Hyung tava aprontando?- bem... Eu vou me mudar.

Legal.

Então iríamos sair desse lugar e conhecer novos.

-Que bom- não escondi minha felicidade. Não dava- pra onde vamos Hyung?

-Ah Kookie...- ele suspirou- EU vou me mudar.

-Como assim?- eu iria ser abandonado? De novo?- Quer dizer que eu não vou com você?

-Não.

÷=÷

Depois de 15 minutos que a pizza tinha chegado, não havia mais nenhum pedaço na caixa.

Junto com a pizza, eu tentava digerir aquelas palavras do Hyung.

Eu não quero ser um peso pro Hyung, mas também não quero ficar aqui, mesmo o hyung me dizendo que eu ficaria com um amigo dele, eu não estava crente que isso daria certo.


Notas Finais


Hello again babies!♡!
Nossa, não ficou as maiores maravilhas.
Mas...
~Bye Babies♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...