História Entre amigos - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Eien No Ai, Forgive Me, Gaaino, Hentai, Naruhina, Naruto, Nejiten, Sasuino, Sasusaku, Shes Changing Me
Exibições 125
Palavras 1.520
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Escolar, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi leitores lindos, eu ia postar esse capítulo na sexta feira, mas meu notebook estava na manutenção e eu não tenho a história no documentos google, então vocês tem que me desculpar e aceitar o cap hoje :(

Espero que gostem e aproveitem a leitura!

Capítulo 21 - Confissões


Fanfic / Fanfiction Entre amigos - Capítulo 21 - Confissões

Tenten estava preparando chá para as amigas. Era a segunda vez no dia que as amigas se reuniam em sua casa no dia, mas ela não se importava. Gostava da companhia delas. Sakura e Hinata tinham ido até a casa de Tenten após Temari sair correndo.

– Acha que vai dar tudo certo? – Sakura perguntou apreensiva. – Temari estava muito brava...

– Me desculpem – Hinata murmurou. – Eu não sabia que era uma surpresa do Shikamaru...

– Tudo bem Hina – Tenten acalmou a amiga. – A Ino tem que aprender a não guardar em segredo coisas importantes assim.

–E onde ela está?

As duas morenas encararam Sakura. Era uma boa pergunta.

– Acho que ela ia distrair o Gaara – Tenten murmurou. – Tenho medo de como seria essa distração.

As outras duas riram.

– Então, vamos ficar aqui olhando uma para cara da outra o resto do dia? – Sakura disse animada. – Ou vamos fazer algo?

– Podíamos ver um filme... – Hinata sugeriu. – Um romance...

– Eu sei que nós duas estamos apaixonadas Hina, mas a Saki talvez não goste...

Ela olhou para a amiga, que recebia alguma mensagem em seu celular. Sakura estava com os olhos vidrados na tela e um sorriso bobo. Tenten pegou o celular da mão da amiga antes que a mesma percebesse e se assustou com o que viu.

– ITACHI????

Sakura correu até a amiga e tomou o celular de volta.

– Esqueça isso – ela disse corando um pouco. – Vamos ver o filme.

– NADA DISSO! – A morena ainda gritava. – ITACHI???

– Se acalme, Tenten – Hinata pediu. – Saki deve ter uma ótima explicação.

Tanto Hinata, quanto Tenten, encaravam a rósea com os olhos semicerrados. Como ela se atrevia a esconder isso delas?

– Tá legal – ela disse erguendo os braços. – Eu me rendo.

– Pode começar nos contando –Hinata sugeriu, já que Tenten ainda estava muito chocada para falar qualquer coisa. – Como isso aconteceu?

– ITACHI??

Sakura riu.

– Na verdade, eu não sei bem – ela confessou. – Sempre que eu me decepcionava com Sasuke, ele estava lá. Vocês devem se lembrar do passeio de Ino com Hidan, bem, Itachi também estava lá e ele me levou para dar uma volta...

As amigas olhando com ansiedade.

– Então ele me levou para casa e quando chegamos em casa, ele me beijou...

– O quê? – As duas falaram alto. – Tudo bem, já imaginávamos isso...

Sakura revirou os olhos e continuou.

– O que não contei a vocês, era que eu havia ido à casa de Sasuke depois daquele dia – ela continuou. – E encontrei Itachi no lugar e ele novamente veio me falando que Sasuke não era garoto pra mim e blá blá blá...

– E daí vocês se beijaram de novo? – Tenten perguntou ansiosa.

– Quer me deixar terminar?

– Desculpe.

– Eu briguei com ele – ela murmurou. – Feio. E então depois de uns dias eu enviei uma mensagem. Ontem, mais precisamente. E nós saímos para comer e passear. E nos beijamos novamente quando chegamos na frente da minha casa.

– E agora vocês estão namorando?

– Não seja assim Hina – Sakura estava com as bochechas queimando. – Eu não sei. Ele é bem mais velho que a gente... E tem o Sasuke...

– Que só queria te usar – Tenten comentou. – Veja no que dá. Só se lembre de nos manter informada.

– Sim, senhora...

– Mas só pra terminar – a morena disse com um sorriso malicioso. – ITACHI??

As duas riram e elas desceram para sala afim de assistir Um Amor Para Recordar.

~*~

Temari e Shikamaru jantaram com tranquilidade. A loira ainda não sabia como se sentia em relação ao ex/atual namorado. Ele estava diferente nesta noite. Mais romântico, mais carinhoso, mais... Não sei.

Depois do jantar, eles dançaram no jardim e ele a beijou novamente. Temari se sentia em um sonho encantado. Depois disso, subiram para o quarto e ele trancou a porta atrás de si. Olharam as fotos penduradas e suspiraram, abraçados.

– Parece que foi há tanto tempo – ela murmurou.

– Precisamos de novas fotos para pendurar aqui – ele disse ao ouvido dela e beijou-a no pescoço. Pegou o celular e se preparou para uma selfie. – Sorria!

Temari sorriu, o rosto estava um pouco inchado, por conta das lágrimas que haviam caído algum tempo antes. Shikamaru a beijou no rosto e então a virou para ele. Os lábios se tocaram de maneira carinhosa.

O beijo que se seguiu foi cheio de amor e carinho. Ele acariciou a nuca da garota e ela deixou que suas mãos percorressem as costas do mesmo. Logo ele a colocou na cama. Era uma cama de solteiro, o que significaria que eles teriam que ficar apertados na mesma, mas essa era justamente a intenção.

Conforme se beijavam, o beijo ficou mais quente. Temari tirou a camisa social de Shikamaru e a jogou no chão. Ele aproveitou e fez o mesmo com a blusa dela.

– Já te falei que você fica extremamente sexy de terno?

Ele riu e mordiscou o pescoço da loira.

– Já te falei que você é extremamente sexy?

A loira sentiu um arrepio percorrer o corpo e o beijou novamente. Então ela tirou a calça do rapaz e ele tirou a saia da garota. Ambos se mantiveram só de roupas íntimas e continuaram a se beijar. A loira resolveu ir por cima dele e começou a depositar beijos e mordidas leves no peitoral do rapaz.

– Senti saudade – ele gemeu quando ela chegou ao cós de sua cueca. – Tema...

Ela sorriu e tirou a cueca dele. Sua unha percorreu a extensão da virilha de Shikamaru e ele gemeu. Puxou-a para cima e desabotoou o sutiã preto que a garota usava. Deitou-a por debaixo e si e desceu para sua intimidade.

Arrancou a calcinha e começou a beijá-la. Temari agarrou a colcha da cama e suspirou quando o namorado a tocou. Ele fazia movimentos circulares no clitóris da garota e logo subiu novamente.

Beijaram-se outra vez e ele se preparou para adentrá-la, mas não antes de colocar uma camisinha.

– Está pronta? – Ele perguntou beijando o pescoço dela.

Ela concordou em silêncio, mas assim que ele a adentrou o silencio foi rompido por um gemido de prazer. Ela sentira falta dele, sentira falta da forma como estavam agora. Ele a abraçava enquanto penetrava lentamente e ela apertava as costas dele.

Shikamaru parecia concentrado e Temari estava perdida. A cada estocada, ela sentia uma pontada em seu íntimo. Estavam sedentos por amor e com saudades um do outro, portanto tudo foi muito rápido.

No exato momento em que Temari se contorceu e gemeu por chegar ao clímax, duas coisas aconteceram: Shikamaru a acompanhou e desabou ao seu lado na pequena cama e uma batida na porta aconteceu.

– Temari! – Era Gaara. – Pode me falar que porra tá acontecendo nessa casa?

– Nada que te interesse! – Ela disse alto. – Pode, por favor, ir embora?

– Está com o babaca do Shikamaru, não é?

– Não me chame assim! – O moreno gritou do quarto. – Isso é problemático demais...

Gaara revirou os olhos do outro lado da porta e a socou. Precisava de um banho frio e não de ouvir os gemidos da irmã com o babaca do ex namorado. Ele sentiu vontade de vomitar e foi ao banheiro, onde arrancou as vestes e se jogou debaixo da água.

Temari riu após ouvir o irmão sair. Ela se levantou e vestiu as roupas, mesmo estando suada. O namorado tirou a camisinha e se vestiu também. Eles se beijaram e ela abriu a porta, olhando para os dois lados antes de sair.

– Se o Gaara te pega...

– Nem me fale – ele disse rindo. – Vamos comigo até a porta?

–Sim – ela sorriu e deu as mãos para ele. – Obrigada por hoje...

– Eu é que tenho que agradecer.

Eles sorriram e se beijaram no topo da escada. Seguiram até a porta entre os beijos e quando a loira abriu a porta para que o namorado fosse embora, acabou dando de cara com Kankuro e uma Matsuri muito bêbada.

– Nossa – ela disse surpresa. – Alguém precisa de café.

– Ou de sexo – Matsuri disse rindo e soluçou. – Eu tô legal.

– É claro que está – Kankuro disse rindo e apertando a bunda de Matsuri. – Vejo que os pombinhos reataram.

– Pois é – Shikamaru disse abraçando Temari. – Então se nos dá licença...

– Claro – Kankuro disse beijando o pescoço da morena. – Venha, vamos subir...

Temari analisou a cena e revirou os olhos. Saiu da sala com Shikamaru e se despediu com um beijo. Ele acariciou o rosto dela.

– Minha mãe gostaria que você almoçasse em casa amanhã – ele disse. – Ela sente sua falta.

– Não acho que vá ter almoço aqui – ela disse analisando o irmão subir as escadas com uma morena completamente bêbada. – Diga a ela que eu irei.

– Certo – ele a beijou nos lábios. – Até amanhã.

– Até.

– Eu te amo.

Ela sorriu e o beijou de novo.

– Eu também, Shika.

O moreno saiu e a loira fechou a porta. Subiu as escadas e entrou no banheiro no exato momento em que Gaara saía, com uma toalha enrolada na cintura.

– Não sabe bater?

– Não.

– Que ótimo – ele revirou os olhos e saiu do cômodo.

Passou pelo quarto de Kankuro no exato momento em que Matsuri começava a gemer. Ele fechou os punhos e foi para o quarto colocar um fone de ouvido. Será que todo mundo iria transar hoje, menos ele?


Notas Finais


E aí, o que acharam? Espero vocês nos comentários ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...