História Entre Amigos - Capítulo 32


Escrita por: ~

Exibições 131
Palavras 636
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 32 - Uma antiga rival


- Igor vamos! - Grita Júlio, as várias sacolas na mão esperando o menor. – Vamos chegar atrasados.

Não demora muito e Igor aparece na sala, vestindo a jaqueta jeans, e dando uma última arrumada no cabelo.

- Parece mulher agora. – Diz Júlio observando o menor se arrumar, logo um pensamento desagradável surge em sua mente. – Por que você está se arrumando tanto?

- Para ficar bonito! - Diz Igor, indo até a porta abrindo, esperando Júlio passar para tranca-la. – Porque?

- Sei! - Diz Júlio desconfiado, andando para o elevador. – Estou de olho em você, senhor bonito!

- X –

- Oi Felipe! - Diz Lukas dando boas vindas a Castanhari, que tenta o abraçar, mas não consegue por causa da barriga.

- Pelo amor de Deus! - Diz Castanhari rindo. – Esse menino está comendo demais!

Lukas não pode deixar de rir, gostava dessas brincadeiras, sentia falta delas, porém estava em uma fase nova de sua vida, e queria aproveita-la também.

Sabendo do histórico de Daniel com a bebida, olha em volta a procura do moreno. E sorri aliviado ao vê-lo conversando com Mallena, que comia sem parar os salgados.

Sorrindo novamente, olha para a entrada onde vê Igor e Júlio que o olhava insistentemente.

- Oi! - Diz Igor, sorrindo para Lukas lhe dando um abraço. – Desculpa a demora, é que o senhor ciumento resolveu ter uma Dr logo agora!

- Não é a verdade! - Reclama Júlio irritado. – Oi Lukas, onde está o Daniel?

- Ali! - Diz Lukas apontando para a mesa onde estava ele é a Mallena.

Júlio nada para lá tenso, e Lukas sorrio da raiva do maior junto a Igor.

- X –

Já estava ficando tarde, e Lukas estava ficando com sono, mas não queria dormir.

Não queria deixar a festa, sentando em um canto mais afastado ficou observando o pessoal dançando a sua volta.

Seus olhos logo procuraram por Daniel, que dançava com Júlio ao longe, e uma lata de cerveja na mão.

Lukas havia dito para seu namorado não se preocupar consigo, que estaria bem, e que ele poderia beber.

Cansado de ficar observando decide ir para o quarto e dormir.

- Lukas! - Chama uma voz conhecida.

Lukas paralisa, conhecia aquela voz, aliás conhecia muito bem por sinal.

Se virando, depara-se com Ludmila que sorria para si.

- Lembra-se de mim? - Pergunta chegando mais perto, e Lukas recua.

Como poderia esquecer daquela louca e assassina? Quase acabou com a sua vida, e a de Daniel quando estudavam os três juntos.

Depois daquele dia, Daniel havia passado uma semana internado, com algumas costelas quebradas.

- O que você faz aqui? - Pergunta Lukas, as sobrancelhas levemente franzida.

- Fui convidada úe?! – Sorri sarcástica, dando mais um passo em direção a Lukas. – Vim ver, como está meu bebê! - Diz fazendo voz infantil.

Lukas automaticamente leva a mão a barriga, e Ludmila percebe o movimento, fechando a cara.

- Ah é! - Diz olhando com desprezo para a barriga de Lukas. – Ainda tem isso!

Para a surpresa de Lukas, ela anda até si e o empurra fazendo-o cair de costas com força no chão.

- Acho que isso deve resolver! - Diz Ludmila, sorrindo maldosamente.

Lukas geme baixo, se contorcendo de dor, olhando em volta a procura de Daniel.

- Lukas! - Grita Cauê Moura, que estava passando por ali, se ajoelhando do seu lado. – Que foi que aconteceu?

Lukas tenta falar, mas alguma coisa estava errada, não estava conseguindo respirar.

- Lukas! - Grita Daniel, ajoelhou do seu lado, colocando a cabeça do menor nas pernas. – Amor, o que aconteceu?

- Lud-Ludmi... F-foi Ludmila! - Diz Lukas com a voz rouca, ofegante.

- Ludmila?! - Pergunta Daniel sem entender, mas logo a compreensão surge em seu rosto. – Vamos pro carro! - Diz olhando para o Cauê que assente.


Notas Finais


Será que alguém vai odiar a Lud tanto quanto eu?
Comentem que eu quero saber! 😍😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...