História Entre Anjos e Demonios - Capítulo 6


Escrita por: ~ e ~AnaKetsune

Postado
Categorias Originais
Exibições 13
Palavras 5.044
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Famí­lia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - Irmã e segundo ataque


          Jullie on
-Porque aquela hora você não deixou eu vir embora Felix.
Felix-Ah bem e que, a não foi nada não só não queria ficar sozinho.
-Sei,mais o que foi que aconteceu aquela hora?
Felix-Que hora?
-Quando você  entrou entre mim e aquela criatura lá.
Felix-Bem e que se aquela coisa te mata se provavelmente iriam colocar alguem mais irritante que você como meu duo.
-só por isso.
Felix-Ah bem sim.
-sei.
Felix-Você é meu duo e por isso tenho q te proteger.
-Mais e o seu braço estava sangrando muito?
Felix-Não se preocupa sou um Yokai me recupero mais rápido que os humanos .
-tem certeza disso.
Felix-Tenho sim, só estou com essas faixas pra que não percebam.
-Ta então né.
Felix-Você sabe quem era a garota que tava dependurada na boca da criatura.
-Bem a Clary me disse que aquela é a parceira do Enri.
Felix-Entendo então era isso.
-Isso o que?
Felix-nada não.
-Você é sempre assim,começa a falar e não termina.
Felix-Normal pra caramba.
-Isso irrita.
-Em outro lugar da escola numa sala escura--
            Yamato on
-"Aquele garoto realmente tem uma presença que sem duvidas é de um demônio,isso me interessa muito preciso de uma amostra de DNA dele para estudar"
****-Hoje você está muito pensativo,mais que o normal.
-So estou intrigado com meu novo objeto de estudo Nido"esse yokai que parece um morcego e com so um olho no meio da testa sempre me interrompe".
Nido-E ai como foi suas criaturas rsrs.
-Não seja cínico Nido você sabe que elas foram aniquiladas.
Nido-gahahahaha ai ai sério seus soldados nem se quer conseguem lidar com um bando de adolescentes.
Yamato-Eles são meros prototipos.
Nido-Acho bom não quero soldados fracos, ate porque não estamos investindo nisso atoa.
Yamato-Não se preocupe.
Nido-Bom e com isso vou embora. Depois disso ele desapareceu em meio a uma fumaça.
Yamato-"Você não espera pelo que vai acontecer seu desgraçado só preciso de um item para me mandar daqui e logo após isso irei dar um jeito nesse mundo".
     --Felix on no quarto--
Felix-"O meu tempo esta acabando tenho que pegar essa pedra rápido se não vou ter que ir a força".
Jullie-Ei Felix .
-Que?
Jullie-Qual a sua outra forma Yokai?
-Melhor deixar quieto.
Jullie-Porque?
-Sua mente não está preparada para tal verdade.
Jullie-Claro que estou.
-hahahaha você  não está isso eu garanto,Eu sou um ser que é uma afronta as leis da natureza, algo que a luz teme e a escuridão repudia,até mesmo entidades da natureza não gostam de mim.
Jullie-Ah bem,podemos deixar pra outra hora tenho que ir nas meninas.
-Claro que tem.
Jullie-Sério.
-Pode ir.
Jullie-Ate mais.
Felix-"Acho que agora ela não vai me perguntar isso por um tempo"Mais bem agora vamos ao meu plano,me foi dito que a pedra tá no cofre da escola,que esta localizado no meio do pátio e ele tambem fica a 15 metros abaixo do solo,ainda preciso confirmar se ela esta mesmo la,e compra algumas coisas pra tal operação,bem acho que é hora de chamar os caras e dar umas voltas.
Bem depois disso segui andando até o A.P do Saymon e do Chipp.
-Ei vagabundos abra aporta.
Saymon-Pera ai mano.
Quando esse cara abriu a porta parecia uma zona de guerra o A.P almofadas atiradas para todos os lados,toalhas emcima do sofa,latas de refri por toda a parte,muitas roupas espalhadas,E pacotes de salgadinhos vazios e latas de comida espalhadas na cozinha,e eu achando que minha irmã era bagunceira.
Chipp-E ai mano o que te traz a nossa humilde residência.
-Campo de guerra ne.
Saymon-Que isso ta so um pouquinho desorganizado.
-Bem vou direto ao ponto,tão afim de irem no shopping da city.
Chipp-Sim dexa eu pegar minha grana.
Saymon-E como você pretende sair da escola.
-no bosque a parte proxima ao muro tem um lugar que tem um buraco.
Saymon-Porque tenho a impressão que foi você que abriu esse buraco la.
-Porque foi eu mesmo.
Saymon-Isso pode dar merda.
-So se alguém dar com a língua nos dentes.
Saymon-Acho que vou preciso comprar jogos novos.
Chipp-Vamos é hora do bonde.
Saymon-não repita isso cara.
--Sala do diretor NARRADOR ON--
Asuna-E então Yamato qual o resultado da analise das criaturas.
Yamato-Bem baseado nas análises preliminares que eu mesmo fisso no laboratório,nos exames de sangue que obtive de um parceiro meu, verificações da fisionomia,observações celulares,e tambem com detalhes obtidos através da desmenbração de parte do DNA...
Mervin-Va direto ao ponto Yamato.
Yamato-São humanos que tiveram DNA Yokai incorporado a suas estruturas genéticas originais provocando uma mutação extrema como vimos e fazendo eles perderem a sanidade e serem leais a um ser talvez quem fez isso com eles.
Asuna-Quem seria o doente mental que faria tal coisa.
Mervin-Tenho pena dessa alma que está tentando mudar o curso natural da vida.
Kakashi-Essas tais coisas nunca acaba bem.
Yamato-Tal pessoa esta tentando levar a vida ao extremo,atraves da ciência, repulsivo tal coisa.
Kakashi-Pra você deve ser dificil uma vez que você pesquisa a genética yokai pra acelerar a cura de doenças humanas.
Yamato-mais minha pesquisa não e nada comparada a dessa pessoa.
Mervin-Mais o que levaria ela a nos atacar?
Asuna-Talvez testar essas coisas em um combate real.
Kakashi-E não teria lugar melhor que aqui onde tem yokais de varios tipos e partes do mundo.
Mervin-Teremos que tomar medidas mais a frente por causa disso.
Asuna-Iremos discutir isso agora?
Mervin-Agora não, irei ter que recipicionar uma visitante em nossa escola.
--A.P da Jullie e do Felix NARRADOR ON--
Jullie-Não achamos nenhum dos três onde será que eles foram?
Annie-Vai saber eles são meio estranhos.
Alyne-Que chatice isso aqui hoje.
Annie-Fazer o que já que estamos no A.P 666 vamos curtir?
Jullie-Nem pensar isso vai nos meter em confusão.
Annie-Vai nada.
Então Annie foi até o som e ligou uma musica eletrônica bem Crazy, quando se passa 40 segundos ouvem se batidas na porta.
Alyne-Abre a porta Annie.
Annie-Porque eu?
Alyne-Porque falei.
Jullie-Eu vou.
Então ela ao abrir a porta se depara com o senhor Asuna,a olhando com um sorriso meio mal.
Asuna-Ora ora então as três estã aqui,isso é bom porque vai me poupar um bom tempo.
Alyne-Falei que ia dar merda.
Annie-silencio.
Jullie-Mais o que você quer com nois?
Asuna-Vocês três irão mostrar a escola para uma visitante.
Annie-Que visitante ?
Asuna-Uma Visitante do mundo Yokai que veio aqui para fazer uma avaliação na escola.
Alyne-Avaliação pra que?
Asuna-Para ver se a escola pode sediar uma competição entre a escola principal do mundo yokai.
Alyne-Tem isso mesmo?
Asuna-este sera a primeira vez que isso vai ocorrer aqui.
Jullie-Mais quem é essa visitante?
Asuna-Seu nome é Karin ela é uma yokai do tipo raposa ou como dizem Ketsune.
Annie-Serio uma raposa mesmo?
Asuna-Sim,Mais agora vão ela esta esperando vocês na porta do dormitório.
Então Jullie e as meninas foram para a portaria ao chegarem la se depararam com uma bela mulher alta de longos cabelos vermelhos sangue e pele morena bem clara,e olhos verdes em um tom claro.
Jullie-Karin?
Karin-Sim este é meu nome se apresentem sem enrolação.Disse com um sorriso amigável que expunha suas pressas.
Jullie-Eu sou Jullie Angels.
Karin-"Essa garota tem o cheiro do Felix"
Annie-Sou a Annie prazer.
Alyne-bem sou Alyne.
Karin-Prazer em conhecê-las,bem agora vamos?
Jullie-O que você gostaria de conhecer primeiro?
Karin-O bosque.
Annie-Certo vamos nessa.
           --No bosque--
Felix-Vamos ter que esperar um pouco.
Chipp-porque?
Saymon-Porque a Clary e o Enri estão aqui por perto vi eles um pouco mais a frente.
Chipp-e o que isso tem haver?
Felix-Se nos virem vão nos dedar.
Saymon-Isso mesmo.
Nesse momento Jullie e as garotas estavam chegando por trás do Felix,Karin rapidamente deu uma voadora no Felix fazendo ele cair de cara no chão.
Felix-Quem foi o jirico que me deu essa voadora.
Karin-Sera que já esqueceu-se de mim.Disse Karin jogando seu cabelo pra um lado com um sorriso.
Jullie-"O que ta havendo aqui?".
Annie-Eita que chegada.
Alyne-Vai dar treta.
Saymon-Que coisa hein.
Chipp-Quem é essa ai?
Felix-Kaariinn o que você faz aqui.
Karin-Visitando.
Felix-Sei.Disse ao dar um chute na Karin que se limitou a pular pra perto de uma árvore.
Karin-Que agressividade,isso ate me lembra nosso último banho nas termas você ate derrubou o muro em cima de mim de tão eufórico que você estava.
Jullie-Felix o que foi isso?
Annie-E eu achando que ele era quietinho.
Saymon-Não achava que o Felix fosse assim.
Felix-Pare de dizer frases que possam ser interpretadas de forma maliciosa.
Karin-So contei o que aconteceu .
Felix-Ah é mesmo e a parte que você estava tentando nos espiar.
Karin-So um pequeno detalhe. Disse isso brincando com os dedos.
Jullie-Ei Felix qual a relação de vocês?.disse com um certo tom ameaçador.
Felix-Essa idiota ai e minha irmã mais velha, num sei como alguem tão per...
Karin mais que rapidamente deu um soco no estômago do Felix.
Karin-Um pouco de respeito maninho.
Jullie-Perai vocês são irmãos.
Felix-Somos sim.
chipp-Ei Felix porque você não me disse que tinha uma irmã gostosa?.
Felix-Por que você iria me incomodar com isso.
Saymon-Verdade.
Karin-Mais agora que você esta aqui, vamos dar uma volta precisamos por conversa em dia.
Felix-Acho que não vai dar combinei de fazer uma coisa com a Jullie.
Jullie-Combino nada não.
Karin-Então esta decidido você vem comigo. Falou ao colocar o braço entorno do pescoço do Felix.
--Em um canto qualquer da escola--
Felix-O que você quer Karin?
Karin-Você sabe muita gente não gosta da nossa familia né .
Felix-Sei sim porque?
Karin-Descobrimos que tem Yokais que vieram para o mundo humano achar formos de nos destruirem.
Felix-Isso pode ter a ver com o ataque.
Karin-Que ataque?
Felix-A escola sofreu um ataque recentimente.
Karin-Deve haver algo relacionado,mais e o item que você veio procurar?
Felix-Eu sei onde ele está.
Karin-E onde seria?
Felix-No cofre da escola,é uma pequena pedra azul com detalhes verdes é a Rock baind.
Karin-Ah eu vi isso la.
Felix-pera ai como assim você viu ela.
Karin-É que eu guardei minha espada no cofre ne
Felix-"Ela é burra guardar a arma dela no cofre e se formos atacados,Mais agora sei que a pedra ta la e agora fica fácil pegar ela."
Karin-Ei Felix aquela Jullie o que você tem com ela?
Felix-Nada porque?
Karin-Por que ela ta com o seu cheiro e a mãe disse pra você não se envolver com mulheres enquanto estiver aqui.
Felix-So dividimos o quarto nada mais que isso.
Karin-Sei so isso,Mais agora já vou tenho de avaliar a escola.
Felix-Sei avaliar tsc...
   --Sala escura Yamato e Nido--
Nido-Yamato os resultados dos seus ultimos guerreiros não foram muito agradaveis a nois,Queremos seres mais fortes.
Yamato-Então porque você não ataca a escola e me trás o que eu preciso.
Nido-E o que seria isso.
Yamato-DNA e energia fresca.
Nido-Como você espera que eu faça isso.
Yamato-Simples leve algumas criaturas e a minha grande criação e eles cuidam do resto.
Nido-Eu faço isso melhor do que você.
Yamato-Ainda acho que vai morrer cedo.
Nido-Esse deve ser seu sonho ne.
Yamato-Num é um sonho uma vez que ira se realizar.
Nido-Vai sonhando,mais agora já vou tenho uma missão.
Yamato-"Depois desse ataque meu plano finalmente ira começar,Esse mundo e um jogo sem regras,sem parametros ou objetivos,existem mais de 7Milhões de jogadores fazendo suas jogadas sem nenhuma base é a hora desse mundo ter um Game Master em seu comando nem que para isso eu tenha que me tornar um deus."
        --5:00PM No bosque--
Karin-Aiii que escola grande isso até me deu preguiça.
Jullie-To morta.
Saymon-E ai Karin o que você achou da escola.
Karin-Acho as instalações boas principalmente as arenas.
Chipp-Que arenas?.
Saymon-As arenas são campos para batalhas em dimensões controladas.
Chipp-Ainda não entendi.
Karin-Yokais quando são muito antigos e poderosos eles podem criar dimensões próprias,Mais aqui se usa a tecnologia de imerção virtual que é potencializado pela magia.
Alyne-Dessa maneira podemos fazer batalhas aqui sem correr o risco de destruir a escola.
Felix-Você vai embora hoje mana.
Karin-Não so vou embora amanha a tarde ainda tenho que fazer um ralatorio pra entregar a comisão que esta organizando a competição.
Annie-Isso da muito trabalho organizar uma competição desse nivel.
Karin-Da muito trabalho realmente.
Felix-Eu já vou indo tenho que fazer umas coisas.
Jullie-Espera ai vo com você.
Felix-Você que ande mais rápido.
Annie-E la se vai o casal do A.P 666.
Karin-casal?
Alyne-Ah isso é só um apelido para eles.
Karin-Agora se me darem liçença tenho que fazer mais algumas coisas.
Annie-Ate mais.
Karin-"Agora vamos aprontar algo rsrsrs".
     --A.P da Jullie e do Felix--
Jullie-Sua irmã é gente boa Felix esta sempre alegre.
Felix-Ela é uma boba alegre.
Jullie-Mais ela não é ruim.
Felix-A é ruim sim ela sempre apronta algo.
Jullie-Apronta ?
Felix-Sim tipo uma pegadinha de mal gosto.
Jullie-Você ta exagerando.
Felix-Da ultima vez minha irmanzinha amarrou todas as minhas roupas e fez uma corda,e colocou traças na minha gaveta de cuecas.
Jullie nesse momento caiu em sua cama rindo com a mão na barriga e chorando de rir.
Felix-Ria agora você vai ver quando ela te envolver nisso.
Jullie-Não acho que ela fara isso.
Felix-Que seja agora vai dormir.
Jullie-Ta ta.
Felix-Isso ai não é um pijama.
Jullie-Num emplica injuado.
--No dia seguinte 6:00AM A.P 666--
Felix-"Acho que já é de manhã,Que coisa é essa e meio redonda e macio o que é isso.Felix ao abrir os olhos se depara com a sua mão no peito da Jullie,Que ao tentar tirar a mão a acordou ela,que o impurrou e o fez cair de cabeça no chão.
Jullie-O que você pensa que esta fazendo pervertido.
Felix-Num fiço nada.
Jullie-Imagina ne veio pra minha cama na madrugada e ficou me apalpando.
Felix-Eu não fui para sua cama,mais fácil você ter me puxado.
Nesse momento foi atirado contra o Felix um travesseiro.
Karin-Façam silencio quero dormir fiquei ate tarde fazendo relátorio.
Felix-O que você pensa que esta fazendo na minha cama?
Jullie-E o que você fez?
Karin-Primeiro queria um lugar pra dormir ai eu tirei o Felix da cama dele e joguei ele na sua.
Jullie-Você não podia ter feito isso.
Karin-E porque não,como se vocês não tivessem gostado da situação ne.
Jullie-Claro que não gostei.
Karin-Ah é mesmo,Mais você ate mesmo abriu um sorriso na hora que coloquei ele do seu lado.
Jullie-N..na..na...não fiço nada di...disso.
Karin-Ah não,pera ai eu tenho uma foto aqui.
Felix-Para de incomodar a Jullie,Karin.
Karin-Ta ta vo tomar banho.
Felix-Você ta folgada.
Karin-Idai.
Felix-Eu disse que ela ia aprontar algo.
Jullie-E...e...eu...t...tava errada.
Felix-Agora ela vai ficar com nois o dia inteiro.
Jullie-Sério isso.
Felix-"Acho que ela ta enburrada com a mana mais eu já tinha avisado mesmo"
           --Felix on--
E assim o dia ocorreu calmo primeiro fomos a aula do Kakashi que não teve nada de importante mesmo a Jullie continuou enburrada com a Karin ate de tarde por causa do que ela fez mais ela esqueceu depois.
Karin-Que dia chato.
Jullie-Não tem nada pra se fazer aqui.
Saymon-Na verdade tem muita coisa so que vocês escolheram vir aqui para o bosque
Annie-Ah nem...
Nesse momento ouvimos um som estrondoso de algo sendo destruido,e logo enseguida pode se ouvir som de árvores quebrando.
-Ta de putaria com a minha cara essas criaturas de novo,agora vou manda las para o inferno.
Karin-Vai nada você vai é ir buscar minha espada comigo.
-Não espera ai tenho que mandar eles todos para o inferno.
E assim minha irmã saiu me arrastando junto com ela em direção ao pátio central da escola o mais rápido que podiamos,Ao chegarmos la ela me fez sentar em um banco.
-A escola ta em ataque porque estamos sen...
Antes que eu pudese terminar a frase estavamos em um corredor feito de pedras iluminado por tochas e com uma porta redonda de um cofre no final,ao chegar nela minha irmã so estendeu a mão sobre a porta que abriu sozinha.
Karin-Vamos logo,vo pegar minha espada e você pega a pedra.
Mais do que rapidamente adentrei o cofre que estava cheio de coisas espalhadas como espadas,escudos,pergaminhos,vasos e outras coisas e tambem havia muitas estantes com livros e gavetas vi a Karin retirando a sua espada de uma desas e vi em uma pequena mesa empoeirada ela a Rock Baind uma pedra um pouco menor que um ovo.
-Vem aqui Karin.
Karin-O que foi vamos depresa.
-Você consegue fazer uma cópia da pedra.
Karin-Coisa fácil de se fazer.
-Faça uma cópia e coloque no lugar da original.
Karin-Essas coisas tem um limite de tempo.
Então a minha mana somente fechou os olhos e juntou as mãos onde apareceu uma materia escura que tomou a forma e as cores da pedra,depois disso peguei a pedra e a coloquei no bolso e demos o fora do cofre e fomos o mais rapido possivel devolta para o bosque onde vimos a Jullie,Annie,Alyne,Chipp eo Saymon em suas formas yokais e outros alunos e alguns professores lutando contra as criaturas e havia um yokai de cerca de 4 metros de altura com o corpo sendo verde e com a parte inferior tendo 6 patas que pareciam espinhos e o seu tronco havia dois braços em quais seus dedos pareciam-se com sipos ondulando e parecia que todo o corpo era coberto com alguns espinhos e seus olhos pareciam ser duas pedras negras.
Karin-Que merda é aquela?
Felix-Parece um Yokai planta isso é ruim.
Então vimos o yokai pegar uma garota em sua forma de yokai gato com seus dedos de cipo e segura la por cerca de 10 segundos com isso ela volto a sua forma humana e desmaiou e o yokai a jogou no chão mais o Enri a pegou antes que ela caise no chão.
Karin-Vamos Felix.
-Ta na hora.
           --Jullie on--
Estavamos conversando e então ouvimos um som estrondoso de algo sendo destruido,e logo enseguida pode se ouvir som de árvores quebrando.
Felix-Ta de putaria com a minha cara essas criaturas de novo,agora vou manda las para o inferno.
Karin-Vai nada você vai é ir buscar minha espada comigo.
Felix-Não espera ai tenho que mandar eles todos para o inferno.
E assim Karin saiu  arrastando o Felix junto com ela em direção ao pátio central da escola.
Chipp-E agora o que fazemos?
Saymon-depressa temos que segurar essas criaturas aqui ate os professores chegarem.
-Eu sou a representante daqueles seres de bom coração que eliminam a escuridão sobre a terra aqueles cujos os nomes são temidos pelos demonios sou angels a ruina de vois.
Com isso entrei em minha linda forma Yokai de anjo com minhas belas asas brancas as criatura pararam de avançar e ficaram paradas.
Chipp-isso ai vamos a um foda fight.
Alyne-Não temos escolha mesmo.
Annie-isso ai vamos.
Saymos-Vamos.
Chipp-Temam as chamas tempestuosas das explosões mortais pois sois descendente dos demonios carmesim eu imperador das explosões preparem se pois a arte é uma explosão.
Com isso chamas envolveram o chipp que em seguida se disciparam e ele estava com uma especie de cajado de madera e com um chápeu de mago vermelho com laranja que não combinou com ele.
Annie-Sois aquela que erez a predadora voraz da noite,sois aquela que buscai voso sangue por prazer,sou uma das crias da noite que te faz despertar o medo.
A transformação da annie o correu diante de nossos olhos suas unas viraram pequenas garras e seus olhos cicaram vermenhos e suas presas pareciam agulhas brilhando sua presença desapareceu e só sentiamos uma sombra escura no lugar dela.
Alyne-Residentes de um mundo de ilusões onde a realidade se desfaz,com a manipulação perspicaz,vosas mentes nos pertenceis agora definheis vos sobre meu mundo.
Com a transformação da Alyne não ouve grandes mudanças somente seus olhos terem mudados de cor para um azul extremamente claro parecendo gelo e uma marca em sua mão em espiral,mais acho que é como ela disse a aparencia dela é uma ilusão para que os outros não a considerem perigosa e baixem a guarda.
Saymon-Sou o Caçador violento e depravado que causa dor,que vaga pela noite a cria da escuridão,realizar um banho de sangue eis minha missão.
Os cabelos dele cresceram um pouco e teve as mesmas transformações fisicas que a Annie e ate em relação a sua presença.
Chipp-Agora vamos pra cima deles contudo
Nessa hora vimos voando um Yokai muito estranho que parecia um morcego e com so um olho no meio da testa.
Chipp-Quem é você?
Saymon-O responsavel por este ataque suponho.
Nido-Quem eu sou?ora o Nido é sempre o nido,e o nido é responsavel pelo ataque de hoje como veem,agora suas criaturas ignorantes ataquem logo o dia é curto.
Nesse momento as criaturas vieram para cima de nós,com tudo eu que já havia sido treinada para enfrentar demonios fracos tomei a frente enpunhando minha espada,defenitivamente aquelas criaturas não me agradavam sentia algo ruim delas,Com a espada rapidamende abri uma ferida cortando o pescoso de uma,em seguida enfiei a espada na barriga de uma das criaturas que vinham por trás de mim fazendo minha espada ficar com uma gosma verde no fio.
Saymon-Abre alas.
Saymon tinha muita maestria em luta primeiro ele pulou a altura de umas das criatura e dando um chute que destruiu a cabeça da criatura,em seguida enfiou a mão no peito de uma das criaturas e arrancou fora o coração dela que ainda pulsava na mão dele aquilo me deu vontade de vomitar,depois disso uma das criaturas o atacou ela rasgou um pedaço da blusa do uniforme enquanto Saymon se devia pulando para o tronco de uma árvore e se impulsionando devolta contra a criatura que foi esmaga pela foça sobre-humana de vampiro do Saymon.
Os outros não estavam atras o chipp simplesmente desviava das criaturas que o cercaram ouvi ele dizer algo como hora do churrasco e ao levantar as mãos para cima o lugar onde ele estava foi envolvido por chamas que abaixaram e pode se ver as criaturas agonizando enquanto eram queimadas vivas e o chipp parecia tranquilo no meio das chamas enquanto dava um sorriso psicótico isso ainda não muda o fato do chapéu ser feio pra caralho convenhamos, a Annie parecia excitada e enpolga com o fato de lutar e assasinar tinha um alegre sorriso maléfico no rosto ela ela simplismente apareceu por trás de uma criatura e enfiou suas mãos por suas orelhas e fazendo a criatura cair no chão com sua cabeça sangrando e com isso outra criatura a atacou ela so aredou para tras e transpassou uma de suas mãos pela garganta de uma delas outra tentou tambem a atacar ela com ela se limitou a decapita la com sua outra mão livre fazendo assim jordar sangue e fazer seu sorriso maior ainda,Quando olhei para a Alyne me assustei o lugar onde ela estava tinha pelo menos 17 criaturas no chão morta e desmenbradas quando olhei com mais atenção vi pétalas de cerejeiras por toda a parte onde ela estava e tambem uma fina energia rosa claro e transparente fazendo um circulo de quase 10 metros ai me dei conta do que aconteceu aquela pequena barreira o lugar onde a realidade se distorce e cria uma ilusão sobre a realidade o lugar onde ela se referia como meu mundo,então três criaturas entraram no círculo a Annie so olhou para um e fez com as pétalas se tornassem dezenas de shurikens e assim perfurando o corpo dele inteiro o segundo ela apontou a mão para ele onde correntes se envolveram em seu corpo e foi apertando ate o cortar em vários pedaços e o último pulou para cima dela que foi quando as pétalas se juntaram e fizeram uma lança que ela jogou atravessando a cabeça da criatura e assim voltando a se tornar pétalas,Depois disso os professores e alguns alunos do segundo e terceiro ano chegaram para apoiar na luta.
Enri-Ei murcegão ta na hora de limpar o chão com sua cara feia.
Nido-Ei isso foi ofensivo.
Kakashi-Eo seu ataque a escola não neh.
Nido-Ah isso faz parte neh.
Kakashi-Pessal vamos dar um fim nessa invasão agora.
Enri-Sim.
Todos partiram para o ataque contra as criaturas que não paravam de chegar enquanto o barulho de árvores quebrando aumentava e derepente estava diante de nos um yokai de cerca de 4 metros de altura com o corpo sendo verde e com a parte inferior tendo 6 patas que pareciam espinhos e o seu tronco havia dois braços em quais seus dedos pareciam-se com sipos ondulando e todo o corpo era coberto com alguns espinhos e seus olhos pareciam ser duas pedras negras.
Então vi o yokai pegar uma garota em sua forma de yokai gato com seus dedos de cipo e segura la por cerca de 10 segundos com isso ela volto a sua forma humana e desmaiou e o yokai a jogou no chão mais o Enri a pegou antes que ela caise no chão.
-Isso é ruim.
Felix-Karin Vamos.
-Vocês demoraram.
Felix-Não enche.
A Karin segurava uma grande espada dourada com pedras vermelhas como detalhe.
Nido-Ora mais presas mas parece que já vi vocês antes.
Karin-Vamos lá ta na hora.
As criaturas avançaram contra Karin que so se desviava de seus ataques que vinham de todas as direções com um olhar gélido e penetrante.
Karin-Não são fortes somente irritantes.
Com isso ela cortou as criaturas ao seu redor em um instante como se não fossem nada mas uma das criaturas tentou atacar ela por trás mas ela sumiu por 2 segundos e reaparecendo do lado da criatura e a decapitou.
Saymon-O que a familia do Felix é de verdade?
Chipp-Como ele disse yokais puros.
Annie-Mesmo estando como humanos possuem habilidades altas.
-"A diferença de força e notável".
Antes que eu percebese Felix ja estava em sua forma de yokai demônio e disse para lidarmos com as criatura para a Karin dar um jeito no yokai planta que ja havia pegado mais alunos.
            Narrador on
Felix e os outro atacaram as criaturas ao redor da Karin que pulou no ar indo em direção ao yokai planta so que o Nido veio voando e a acertou a jogando para o meio do bosque.
Nido-Ei estúpido pegue o cara que eles chamam de Felix enquanto dou um jeito naquela garota.
Então o Yokai planta foi em direção ao Felix.
Felix-Ta de putaria com a minha cara neh.
Jullie-Não enfrenta essa coisa sozinho.
Felix-Vou fugir dele ate vocês acabarem aqui.
E com isso o Felix voou para dentro do bosque enquanto o yokai ia logo atras dele quebrando as árvores e deixando um rastro de destruição,mais enquanto isso a Karin contra nido.
Nido-Me desculpe mais hoje você vai bailar é comigo.
Karin-Vo e te eliminar para você parar de criar problemas.
Nido-So quero ver se e capaz.
Com isso subiu uma fumaça cinza tampando tudo e quando se decipou o Nido havia sumido junto com ela.
Karin-"Droga aquele verme fugiu"
Quando uma madeira foi lançada contra a Karin que a cortou  com a espada,logo ela ouviu algo nos arbustos e foi jogada mais madera e galhos com ela que cortou tudo com a espada.
Karin-Chega de brincadeiras"fazendo hora com a minha cara isso não".
Nido-"Acho ela vai levar a serio agora".
Karin-Fagulha scarlate que es o presagio da grande calamidade que se aproxima envolta em chamas abra caminho para sua mestra a princesa da calamidade.
Com isso peguenas fagulhas voavam pelo ar ao redor da Karin então seus olhos estavam com um verde intenso e uma fenda negra no meio deles,suas presas cresceram levemente,as unhas viraram pequenas garras,e suas 9 caldas apareceram elas eram grandes e de pelagem de cor vermelha alaranjada.
Nido-Princesa da calamidade vo vo você pertence a aquela maldita familia.
Karin-Pela sua resposta você deve ser um daqueles que querem matar minha familia.
Nido-Espere vamos conversar.
Nesse momento Nido estava com medo acuado contra uma árvore e Karin parada a sua frente o olhando sem expresar nenhuma emoção com sua espada envolta em chamas iluminando a escuridão, quando se ouve arvores quebrando próximos a eles era Felix.
Nido-"É agora".
Então Nido aproveitando que Karin estava olhando para o Felix usou uma habilidade lançando da ponta dos dedos de uma mão 5 ferrões de uma energia amarelada que 4 rasgaram uma das asas do Felix e 1 acertou o pé dele fazendo-o cair no chão e assim o Yokai o pegou.
Karin-Maldito.
Nido-Acho que você tem que salvar seu irmãozinho.
Com isso a Karin empunhou sua espada e fez um corte de fora a fora sobre o peito dele e foi em direção ao Felix.
Felix-"Droga essa droga ta enfiando pequenos cipós no meu peito e estão se envolvendo no meu coração merda então e isso que essa coisa faz rouba a energia yokai das pessoas isso não é bom"
Então Felix voltou a sua forma humana então Karin apareceu rapidamente e cortou a mão do yokai fora, Felix caiu no chão meio atordoado e ficou ajoelhado.
Karin-Como você ta Felix?
Felix-To bem mal, Não to podendo andar.
Karin-Maldito vai morrer.
Então ao redor da Karin se formou uma pequena aura vermelha ao nível de sua pele e roupas, o Yokai foi a atacar com sua outra mão que ao entrar em contato com Karin se incendiou virando cinzas e o Yokai urrou tomado pela dor.
Karin-Esta é a minha baforada dragonica um escudo ao nível da minha pele, sua temperatura é de cerca de 3000 graus celsius somente um idiota me atacaria,e agora esta na hora de você morrer pela minha Chama Alada.
Então a espada da karin foi envolta pelas chamas e ela pulou e fez um corte no ar então uma lâmina de fogo partiu a criatura ao meio e suas partes começaram a queimar.
Karin-Vamos Felix.
Felix-Bora.
Então Felix se apoiou na Karin e foram embora.


Notas Finais


Tá ae galera mais um Cap entregue


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...