História Entre Anjos e Demónios - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Gaamatsu, Jiratsu, Konoha, Naruhina, Nejiten, Romance, Saiino, Sasusaku
Exibições 252
Palavras 2.340
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ola minna estamos aqui mais uma vez, espero que gostem, ate o próximo.

Capítulo 13 - Aproximação e Segundo Ataque


Fanfic / Fanfiction Entre Anjos e Demónios - Capítulo 13 - Aproximação e Segundo Ataque

Em meio ao enorme oceano, uma mísera lancha se destacava cortando o mar e indo a alta velocidade por ele em direção a uma ilha, no seu interior os quatro jovens demônios do Japão mais conhecidos por: Naruto, Hinata, Sasuke e Sakura.

Sem notarem eram observados de perto, afinal eles eram àqueles que diziam ser os mais fortes e perigosos do colégio de Konoha, mas ninguém podia confirmar já que nenhum deles lutou a sério com alguém, exceto Naruto, que perdeu o controle e acabou desmaiando e entrando em coma por dois meses e meio.

No entanto ninguém conhecia realmente a força deles, por isso muitos os temiam e outros o invejavam ou queriam ser igual a eles, a fama deles ficou tão grande que ate mesmo a ONU os queriam como líderes nas batalhas que estavam por vir em uma provável quinta guerra mundial entre a terra e os extraterrestres.

1 ano e meio luz de distância da terra

- Lorde Madara creio que podemos acertar a terra desta distancia. - fala o subordinado de Madara

- Chame Orochimaru e mande-o preparar o canhão de energia, vamos dar outro aviso para que eles saibam que o fim esta próximo. - responde o homem de longos cabelos negros e com um olhar frio e aterrorizante avermelhados.

- Sim mestre. - responde se curvando e deixando a sala.

- Vocês vão conhecer o inferno. - pensa com um sorriso sádico olhando pelo visor a terra.

Terra

- Falta muito Naruto? - pergunta a morena se sentando ao lado dele.

- Pelo radar não muito, mais umas duas horas eu acho. - responde diminuindo a velocidade.

Naruto senti algo estranho e seu coração começa a acelerar de repente, mais atrás o moreno percebi que ele não esta bem e se levanta indo ate o mesmo.

- Aconteceu alguma coisa? - pergunta o segurando pelo ombro.

- Não sei dizer, senti algo ruim, como se estivéssemos em perigo. - fala começando a tremer.

- Vejam. - fala a rosada apontando para o mar.

Na água uma luz muito brilhante começava a ficar bem chamativa, porém a cada segundo ela aumentava sem parar, Naruto olha para cima e arregala os olhos.

- Sasuke, aquilo é o que? - pergunta com olhos trêmulos.

Sasuke e as meninas olham e ficam no mesmo estado que o loiro, do nada a luz toca o oceano e começa a fazer uma tempestade, Naruto volta para os controles da lancha e acelera com tudo, as ondas aumentavam a cada uma que eles passavam, a lancha da um salto e acaba se separando do mar por alguns minutos, eles caem novamente na água mais a lancha vira e eles acabam sendo engolidos pela tempestade, alguns minutos depois o mar se acalma e a luz que acertou o mar começou a sumir ate que não sobrou nada dela, e eles continuaram desaparecidos.

Colégio Konoha – 7 horas depois.

- Como assim eles não chegaram ai com os outros? – pergunta ao telefone com Jiraya na outra linha.

- Isso é muito estranho, pela informação que recebi deles, Naruto e os outros nem mesmo embarcaram no avião, é melhor vocês darem uma olhada por ai e ver o que pode ter acontecido. – responde um pouco apreensivo com a situação.

- Tudo bem, vou ver o que aconteceu, depois volto a entrar em contato com você. – diz desligando o telefone e o colocando novamente na base.

- Shizune... SHIZUNE! – grita pela jovem assistente.

Shizune entra correndo na sala, se assustando com a gritaria da loira, com alguns papeis em mãos ela respira um pouco e logo vai à mesa da Tsunade.

- Diga Senhora Tsunade o que houve? – pergunta, notando a tensão no rosto da loira.

- Chame Naruto e os aqui imediatamente. – fala em resposta, cruzando as mãos na mesa.

- Tudo bem, vou chamá-los... – fala se virando em direção a porta. – espera só um instante, Naruto e os outros foram para a ilha da Akatsuki. – diz se virando para Tsunade novamente.

Tsunade olha para a morena e se levanta da sua poltrona batendo as mãos com força na mesa.

- Como assim, se eles saíram para lá já deveriam ter chegado junto com os outros, no entanto, não chegaram. – diz saindo de trás da mesa.

- Olha os viram saindo de lancha, aparentemente parece que perderam o vôo e foram de lancha, talvez estejam no meio do caminho ainda. – responde um pouco preocupada também.

- Uma viagem pelo mar leva no mínimo seis horas daqui ate lá, do mesmo jeito eles já deveriam chegar. – diz indo em direção a janela e olhando para o mar.

- Senhora? – pergunta aproximando-se.

- Shizune, mande uma busca pelo oceano, precisamos encontrá-los. – fala Tsunade se virando para a morena.

[...]

Caminhando pelos corredores, Shizune com seus arquivos caminhava indo em direção aos responsáveis por socorro do colégio, no entanto, em meio ao caminho ouvia algumas garotas conversando sobre um clarão que viram no céu e indo ate o mar, intrigada com a conversa para e começa a ouvi-las.

- Foi isso que vi do meu quarto enquanto me arrumava para as aulas de tarde. – diz finalizando a conversa.

Com um pouco de medo a morena sai correndo em direção a sala da diretora novamente, assim que chega entra sem bater e ofegante começa a falar tudo o que ouviu porem Tsunade não estava entendendo nada e a fez se calar e repetir tudo do começo novamente.

- Bom pelo que ouvi das garotas aconteceu o seguinte. Foi a mais o menos 5 horas atrás, um clarão que venho do céu em direção a terra acertou o oceano e criou um pré vortex, o mar ficou completamente em fúria e começou a fazer ondas enormes e do nada alguns minutos depois a luz sumiu e o mar voltou ao normal. – diz repetindo o que ouviu em resumo. – Tsunade será que... – fala completando.

- Eles devem ter sido engolidos pelas ondas e estão naufragados neste exato momento. – fala franzindo o cenho. – Shizune a situação é pior que imaginei, vamos precisar de uma busca mais minuciosa, chame aqui aqueles quatro. – completa dando um cartão para a morena.

- Tsunade mais por que temos que colocá-los nisso, você sabe o que pode acontecer se eles... – é interrompida pela loira.

- Shizune! Apenas... os... traga aqui. – fala travando sua fala em cada palavra.

- Certo Senhora Tsunade. – responde se curvando e deixando a sala.

[...]

Tosses... Tosses... Tosses...

- Maldição. (Tosses) – fala se arrastando ate a beira da praia.

Deitando-se na areia da praia o moreno começa a respirar um pouco mais calmo, olha para o lado e vê a rosada desmaiada, começa a se forçar para levantar ate que consegui, vai cambaleando ate ela e começa a fazer respiração boca a boca nela, algumas massagens cardíacas e ela finalmente cospe toda a água que havia engolido.

- Sasuke, onde estamos? Cadê a Hinata e o Naruto? – pergunta se sentando ao lado do moreno.

- Eu não sei. – responde simples e rápido.

Os dois começam a olhar para os lados e não vêem sinal nenhum de Naruto ou Hinata, olham para o mar e não encontram nenhuma ilha por perto, logo eles notam algo de estranho, o céu estava com uma cor diferente era um rosa escuro quase como um vermelho, só depois notaram que o mar estava fazendo o movimento ao contrario do normal, as ondas se formavam da areia para o meio do mar.

- O que esta acontecendo aqui! – exclama o moreno arregalando os olhos sem entender nada.

No mesmo lugar, no entanto, em outro lugar.

Naruto acorda e encontra a morena em pé a beira mar olhando para o horizonte, se levanta e caminha ate a mesma.

- Hinata o que ouve, onde estamos? – pergunta, com uma mão na cabeça sentindo uma leve dor.

- Naruto veja aquilo, formam ondas de dois lados e se encontram ao meio do mar. – fala de olhos arregalados.

- O que esta acontecendo aqui, por que as ondas se formam da areia para o oceano e por que o céu tem essa cor, tem algo de errado aqui. – fala segurando a mão da Hinata.

[...]

Algumas horas depois... Correndo de sua sala em direção a sala de medicina, Tsunade vai acompanhada de Jiraya que voltou ao colégio com o avião que levou os oito melhores ate a ilha da Akatsuki.

- O que quer dizer com isso? – pergunta Tsunade.

- Basicamente foi um segundo ataque, desta vez com algum tipo de arma que faça qualquer um que for atingido ir para outra dimensão, no entanto, essa dimensão é apenas mental, eles permanecem conosco em corpo, porem suas almas não. – responde explicando de forma mais simples.

- Ate onde o poder deles chega, como que alguém consegue tirar a alma de uma pessoa e enviá-la para outra dimensão. – fala virando o corredor e entrando no quarto onde os quatro estavam.

- Tsunade! Jiraya! A situação deles continua a mesma, nenhuma melhora ou piora no quadro. – fala Shizune examinando os monitores onde mostrava tudo dos quatro.

- O que vamos fazer então? – pergunta a loira arregalando os olhos.

- Pelo que percebo, só podemos esperar agora. – responde abaixando a cabeça e fechando os olhos.

- Jiraya... Não podemos simplesmente ficar parados, se foram eles que atacaram a gente novamente, então isso é um sinal que estão cada vez mais perto, volte para a ilha e cuide do treinamento dos outros, confio meus melhores alunos a você, precisamos estar prontos para uma guerra a qualquer momento. – fala Tsunade com um olhar serio.

- Entendo você Tsunade, bom então Naruto e os outros com você, não se preocupe com seus alunos eles estão em ótimas mãos. – diz sorrindo e coçando a cabeça.

- Ji-jiraya! – exclama a loira chamando pelo albino.

Jiraya se vira e nota uma Tsunade meio envergonhada e insegura, algo mais surreal do que o que atacará Naruto e os outros.

- Tsunade? – pergunta se aproximando da loira.

- To-to-tome cuidado... – fala ruborizando as maças do rosto.

Shizune e todo mundo na sala fica completamente surpreso com a forma que Tsunade falou, começaram então a se afastar e dar espaço.

- Tsunade Senju a mulher mais durona do mundo preocupada comigo. – fala em brincadeira sorrindo de canto.

- Na-na-na-não estou preocupada! – exclama em um tremor de voz.

Jiraya pega a loira pela cintura e a puxa para perto de si, Tsunade arregala os olhos e a respiração do albino se mistura a dela deixando-a mole, do nada o homem de cabelos brancos há ergue um pouco e sem excitar a beija.

Tsunade sente os lábios ferozes do albino se grudar aos lábios dela e seus braços amolecem, o beijo continua por mais algum tempo ate que a loira percebe o que estava acontecendo e o empurra.

- APROVEITADOR! – grita apertando os punhos com força.

Tsunade ergue seu punho em direção ao albino e da um leve peteleco na testa do rapaz, no entanto, este leve peteleco o lançou em direção à parede do quarto e o resultado foi um enorme arrombo na parede.

- Ate à próxima Tsunade. – fala o albino caindo do sétimo andar em direção ao jardim.

Tsunade permanecia corada e quase salta em direção ao rapaz para bater um pouco mais nele, porem foi impedida pela Shizune que a segurou.

[...]

- Hinata o que acha que devemos fazer? – pergunta o loiro caminhando lado a lado com a morena.

- Primeiro devemos encontrar Sasuke e Sakura, depois descobrir onde estamos e encontrar a ilha do treinamento. – responde ao loiro.

Naruto e Hinata continuam caminhando ate que avistam duas sombras mais a frente, eles olham fixos e notam ser Sasuke e Sakura, os dois sorriem e começam a correr em direção aos colegas.

- EI SASUKE! SAKURA! – começa a gritar o loiro balançando as mãos.

Os dois estão se viram e de cara fechada eles começam a correr em direção a Naruto e Hinata também, no entanto, suas intenções são contrarias as do loiro e da morena, assim que chegam próximos um do outro, Sasuke golpeia o loiro e a Sakura golpeia a morena.

- EI O QUE ACHAM QUE ESTÃO FAZENDO. – grita o loiro caído ao chão com as costas da mão limpando o fio de sangue em seus lábios.

- Naruto eles estão estranhos, não parecem ser eles mesmos, o que esta acontecendo aqui? – se pergunta assustada a morena.

Naruto se levanta e corre em direção a Hinata pegando-a no colo e continuando a correr para longe de Sasuke e Sakura.

No mesmo lugar, no entanto, em outro lugar.

- Sakura precisamos encontrar Naruto e Hinata e depois arrumar um jeito de sair daqui. – fala o moreno sentado ao lado da rosada.

- Sim, mas aonde vamos achá-los, parece que estamos separados. – diz a rosada abraçando o braço do moreno.

- Não sei. – sussurra em tom baixo. – SAKURA CUIDADO! – grita afastando a rosada.

Do nada no local onde eles estavam aparece o loiro, se levantando e olhando em direção ao Naruto arregala os olhos ao ver que o loiro estava novamente fora de controle, do mar começa vários clones saltarem em direção a ele e a golpeá-lo, Sakura fica de olhos arregalados quando sente mãos macias em sua cabeça e do nada sua força começa a sumir, mais que depressa se afasta e olha para trás avistando a morena com um olhar aterrorizante.

- Sasuke o que é isso? – pergunta a rosada correndo da morena.

- Não sei mais eles não são quem conhecemos. – fala o moreno destruindo alguns clones.

Sasuke então consegue escapar e corre em direção a rosada a pegando no colo e usando suas chamas para voar pra longe dali.

- Vamos sair daqui. – diz o moreno

[...]

- TSUNADE. – grita Shizune se aproximando dos monitores cardíacos.

- O que é isso, por que eles estão desesperados assim... Isso não é bom, se continuarem assim eles podem perder toda a água de seus corpos e acabar mortos por desidratação. – fala assustada começando a mexer em alguns documentos.


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo, ate o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...