História Entre hurlements et miaule - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Tags Lobos, Marichat
Exibições 55
Palavras 380
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi gente uma fanfic de “marichat” sim entre aspas vamos ver porque?

Capítulo 1 - Hurlement


Fanfic / Fanfiction Entre hurlements et miaule - Capítulo 1 - Hurlement

Autora on 

A azulada cambaleava com as mãos na cabeça sentindo a tontura, lutava para ficar no controle não sabia nem quantas vezes tinha batido a cabeça com força na parede para retomar os pensamentos humanos, seus olhos já brilhavam no lilás néon aquilo deichava a pequena  avermelhada assustada oque estava acontecendo com sua portadora ela rosnava e puxava os cabelos com força tentando não deixar aquilo ficar no comtrole e a luz da lua não ajudava em nada só piorava a situação bateu a cabeça na parede uma utima vez logo não comsiguindo mais e deichando aquilo ficar no controle logo fazendo uma luz rocha negra a percorrer e a transformando em uma grande criatura negra com olhos lilases néon e caninos brancos marfim que olhou para a pequena vermelhinha e  sussurrou um baixo e quase inauditivel 

“Me desculpe” logo pulando pela janela e deichando a vermelhinha atônita 


    As patas afundavam na neve fofa que se acumulavam mas ruas de paris a criatura negra de olhos azuis violetas néon andava cambaleando pela falta de equilíbrio perdido pelo uso de duas pernas por anos as orelhas pontudas capitavam cada barulhinho fazendo a criatura assustada olhar para os lados nervosa.
 

Marinette on

pulei pra dentro do meu quarto e me destransformei olhei pra minha bancada e vi Tikki com a cabeça baixa susurrando algo do tipo 

“O que foi aquilo...o que era aquilo” suspirei pesadamente e fui até meu guarda roupa presizava de um banho quente, andar a noite no inverno que já é bem rigoroso em paris e ainda com só uma camada de pelos é pra matar qualquer lobanil, me lembrei do wolf que vivia reclamando por eu ficar batendo os caninos no frio “nem todo mundo é um lobo do ártico” eu respondia oque era um erro bem grave, já que ele já começava a se gabar sobre sua pelagem branca e grosa era hilário ter que agüentar aquele kwami de lobo chato!, fui até o banheiro e tomei um banho quente coloquei minha roupa normal eu já ia desçer para tomar café mas antes olhei pra Tikki que quando viu que eu a olhava abaixou o olhar tremendo de medo abaixei minha cabeça e fui tomar café presisava de algo para matar essa fome de “lobo” kkkk.


Notas Finais


Espero que tenham gostado e se gostarem comente e favoritem

E sorry pelos erros de português


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...