História Entre o Céu e o Inferno - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sussurro (Hush, Hush)
Personagens Personagens Originais
Tags Anjos, Céu, Demonios, Inferno
Exibições 34
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpe a demora.Ando muito oculpado ultimamente.Comentem o que acharam.
E boa leitura.

Capítulo 13 - Ainda da tempo


Fanfic / Fanfiction Entre o Céu e o Inferno - Capítulo 13 - Ainda da tempo

                                                                 Pela cidade dos anjos
                                                                Com segredos que eu não vou dizer
                                                                      A alma eu só posso dar a você
                                                               Tenho o diabo nas minhas veias
                                                                      Estou perdendo a sanidade
                                                                  Não consigo tirar você da cabeça
                                                                              Na cidade de anjos
                                                                             A cidade dos anjos
                                                            Cidade onde eu me apaixonei por você

Ariane P.o.v
Puxei Nati corredor a dentro,pensando em como Hans podia ser incoveniente quando queria,nem tinhamos nos beijado e ele já ia abrir a boca.Ah aquela boca...que boca hein.

Credo!!O que está acontecendo comigo?Eu não era assim,to virando uma tarada,tinha que segurar esses pensamentos se não um dia desses vou acabar me descontrolando e dizer em voz alta.Fui arrancada de meus pensamento um tanto improprios pela voz de Nati.

-E olha que o gostosão é insistente hein. -A principio não entendi o que ela quis dizer,mas então me virei e vi Hans vindo em minha direção.Ele só podia estar brincando mesmo..aff.Mas tenho que admitir uma parte de mim ficou feliz em ve-lo ali.

Parou em nossa frente com seu tipico sorriso que diz ENCRENCA.Mas em seguida sua expressão tornou-se séria,ele então aproximou sua boca de meu ouvido,fazendo me arrepiar inteira da cabeça aos pés.

-Fique longe dele doce,não gosto que mecham com que é meu. -Ele disse com um tom possesivo em sua voz.e acrescentou em seguida. -Entenda,você é minha.

Dito isso virou-se e sai caminhando em direção do final do corredor,Deixando-me parada ali,atordoada,sem saber como reagir ou me mecher.Definitivamente esse cara afeta meus neurônios.

-Nossa tá quente aqui né? -Nati disse se abanando,ri fraco ainda me reculperando do que havia acabado de acontecer ali.Avistei nossa sala.

Entramos e eu sentei em uma mesa encostada na parede (amo paredes) onde havia um carteira sobrando atrás,que é claro,Nati a oculpou.

Era aula de literatura com a megera da Sra.Whittmore,uma vei chata que tem uma verruga enorme na testa e uns dentões parecidos com de cavalo.Falava por horas sem se dar conta que ninguem presta atenção e odeia.

O resto do periodo de aula hoje era inteiro com ela,confesso que fiquei meio triste por não ter aula de biologia hoje,não é por Hans,nem por ninguem...eu apenas amo aquele professor..Ah que se dane tambem é por ELE sim.

Passei a aula inteira divagando por um certo par de olhos negros e o dominio que eles tinham sobre mim,nosso quase beijo que infelizmente foi quase,esse cara ta fazendo eu parecer uma tarada,ri alto com o pensamento.Só pra receber olhares como se disessem que eu sou louca.

Dormi em cima da minha mesa o resto da aula e fui disperta pelo sinal,peguei minhas coisas e eu e Nati saimos,falavamos sobre em como aquela aula era tediosa e o que poderiamos estar fazendo em vez de estar lá assistindo aquela vei falar e cuspir;

Quando estavamos passando pela porta fui barrada por Dylan,ele era legal até,conversavamos as vezes na aula.

-Oi,ficou sabendo que vão inagurar hoje a noite um parque de diversões aqui perto? -Ele me perguntou.

-Ah,não. -Respondi a ele,eu realmente não tinha ficado sabendo disso.Olhei para Nati e ela deu de ombros.

-Esqueci de te contar. -Responde com um sorriso de quem pede desculpas.Voltei minha atenção para Dylan,com um sorriso em meu rosto.

-Fiquei pensando que talvez pudessemos ir juntos,Sei lá,você quer ir? -Ele pergunto claramente estava nervoso e envergonhado com o pedido.

Ele é legal e tudo mais.Mas me da tédio ficar perto dele.Estava me preparando para recusar com a desculpa que iria com a Nati.

-Ela já tem acompanhante.-fui interrompida por uma voz que vinha atras de mim.virei-me deparando com Hans que me incarava com um sorriso torto em seus lábios.

-Acompanhante não sei daond..Ai.-Nati pisou em meu pé fazendo-me calar a boca,assasinei ela com o olhar.E ela sussurrou em meu ouvido.

-Depois você me agradece. -Dito isso ela virou-se para Dylan.Que a essa altura já estava roxo de vergonha,enquanto ,Hans via tudo com expressão de divertimento.

-A nossa querida Ari aqui,adoraria ir com você Dylan,mas ela ja tem companhia. -Disse isso para o coitado do Dylan que disse um ok e foi embora.

olhei para Hans que me encarava abertamente sem pudor nenhum.Eu ia dizer alguma coisa mas ele não me deu a chance.E me disse primeiro.

-Te pego as 20:00,esteja pronta. -dito isso,saiu e me deixou de boca aberta.Olhei para Nati que estava com um sorriso de vitória no rosto.E me disse.

-Relaxa eu tambem vou.Derek vai me levar.

                                                                               ~*~*~*~*~

Eram 19:27 e eu e Nati ainda nos arrumavamos,ela estava linda com um shortinho jeans,uma blusinha cinza e um all star branco,havia passado um batom vermelho e tinha prendido seu cabelo em um rabo de cavalo assim como eu.

Já eu,estou com uma jardineirinha jeans,em vans cinza e um batom rosa clarinho.Pouca maquiagem.Haviamos decidido ir de tênis,short e blusinha por não sabermos em quais brinquedos iriamos.

Derek já havia mandado uma mensagem que ele e Hans viriam nos pegar juntos e um pouco mais cedo,sendo assim eu e Nati estamos um pouco atrasadas.

Escuto a campainha tocar,nós duas descemos e eu abro a porta,encontrando Hans parado ali.De tirar o folego,como sempre,com seu jeans e camiseta preta.Analisou-me por inteira,quando terminou,me deu um sorriso de aprovação que automaticamente retribui.

Nati passa afoita por mim e ela e Derek iniciam um beijo,eu fico incomodada e constrangida enquanto Hans ri baixinho e comenta.

-Poderia ter me recebido assim né,mas ainda da tempo. -Eu o encaro e tiro coragem não sei da onde e me surprendo comigo mesmo.

-Então que assim seja. -quando vi já havia dito.Efiz algo que iria me arrepender depois.(ou não)

Então eu o beijei.


Notas Finais


Beijo *-* :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...