História Entre tapas e beijos - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chiyo, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Karin, Kiba Inuzuka, Konan, Konohamaru, Madara Uchiha, Menma Uzumaki, Metal Lee, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Utakata, Yahiko
Tags Drama, Naruto, Revelaçao, Romance
Exibições 99
Palavras 831
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


(Atualizado)

Capítulo 17 - Capítulo 16: Revelações X Recomeço


Fanfic / Fanfiction Entre tapas e beijos - Capítulo 17 - Capítulo 16: Revelações X Recomeço

Anteriormente

Após a revelação de Naruto sobre está grávido e esperando um filho de Sasuke, ao próprio amigo, o local que se encontravam permaneceu em total silêncio, após a quebra com um suspiro de Sasuke e um sorriso abriu em seu rosto.


Agora

- Naruto, porque não me contou?

- Você terminou comigo ao saber que eu podia engravidar, pensei que não iria querer esse filho.

- Errado. Naquele momento fiquei confuso, não sabia o que fazer, por impulso  terminei com você. Eu...

- Você o que? Perguntou o loiro.

- Eu peço desculpas, disse Sasuke com a mão na cabeça e se ajoelhando de frente o menino loiro, puxou suas mãos, segurando-as fortemente e falou:

- Aceitaria reatar comigo e começar de novo? Prometo cuidar de você e do nosso filho! Disse o moreno apreensivo.

- Bem... Aceito suas desculpas, e aceito recomeçar aos poucos com você. Disse o loiro abraçando o moreno.

Ao soltarem-se após o abraço, Sasuke passou a mão no rosto de Naruto, o loiro com os olhos azuis marejados e brilhantes, felizes da vida e Sasuke abriu o sorriso, dando-lhe um beijo.


Uma historinha

Madara queria que seu filho, Fugaku, desde pequeno obedecesse ele à todo o custo, sem reclamações, mas tirou-lhe tudo dele e que pertencesse a família, após seu filho se casar com Mikoto, na qual não concordava. Então com esperanças de seus netos o trazerem felicidade e herdar sua empresa, esperou o momento certo para aparecer na casa de seu filho, oferecendo um contrato com ele.


No outro dia

Naruto amanheceu alegre por ter contado ao seu amante sobre sua gravidez e reatado seu namoro, desceu pronto para ir à escola, tomou deu devido café da manhã, despediu-se dos pais e quando saiu de casa fehcando a porta, viu que Sasuke estava a espera dele na calçada para ir ao colégio juntos.

- o que ta fazendo aqui? Perguntou o loiro.

- não posso acompanhar meu namorado para a escola?

- Claro que pode. Disse o loiro abrindo um sorriso.

Sasuke beijou a testa de Naruto e os dois saíram dali em direção ao seu colégio, porém pediu um favor ao Naruto.

- Peço que não conte nada sobre nós ainda, Naruto!

- Ok. Disse o loiro com o tom triste.

Sasuke percebeu e apenas confortou o loiro: - Não se preocupe, em breve contaremos para todos, vou esperar meus pais voltarem amanhã.

Chegaram perto da escola e se separam, o moreno entrou tranquilo mas percebeu toda a agitação que se concentrava em volta ao loiro, todos falando sobre ele. Naruro ficou acolhido, sem saber o que fazer, ouviu várias piadinhas.

Alguns comentavam "olha, é o grávido, que ridículo!", Outros "quem será o pai?", "que puto", "uma aberração". Naruto correu imediatamente para sala, ouvindo várias risadas por onde passava. Mas a tortura ainda não acabou.

Ao chegar na sala, viu no quadro escrito: "Naruto, a aberração que engravidou." O loiro viu aquilo é não se sentiu muito bem, apenas sentou em seu lugar é abaixou a cabeça, ouvindo vários comentários rudes de alguns colegas.

Sasuke chegou na sala e viu toda a palhaçada, logo gritou na sala:

- Porque não deixam o garoto em paz? Apenas cuidem das suas vidas.

Todos se calaram e o professor chegou na sala começando a aula.

Naruto viu algo bater sua cabeça, viu que era uma folha amassada, pegou e abriu, leu o que tava escrito:

~PAPEL~

Gostou da surpresa queridinho? Aprenda o seu lugar e deixe o Sasuke em paz, se não vai piorar mais ainda sua situação.

Beijos de Karin :*

~~~~

Naruto congelou ao ler aquela papel amassado, e Sasuke percebeu o que tinha ocorrido, além de que viu Karin jogar o papel na cabeça de Naruto.


Em um hotel qualquer

Madara chamou um empregado da máfia, seu nome era Obito, o seu braço direito, pediu que investigasse o porquê de Sasuke não aceitar o contrato com ele.

- Obito, siga o Sasuke e descubra tudo ao seu respeito, e já iria me esquecendo, se tiver alguém no caminho que impeça do contrato ser assinado, apenas suma com essa pessoa.

- Como desejar meu senhor. Disse Obito reveeenciando o mais velho e saindo dali em direção à onde se encontrava Sasuke.


Na escola

O sinal tocou para o intervalo, Sasuke puxou no braço de Karin, arrastando-a pelo corredor. Em um local sem pessoas, conversaram.

- O que você fez em garota? Vi você jogando um papel em Naruto. Disse Sasuke enojado.

- Ora, apenas mostrei a ele seu devido lugar, contei para todos que ele estava grávido e mandei ele se afastar de você, assim nós podemos nos casar bebezinho.

Sasuke ficou puto, deu um tapa na cara de Karin.

- Eu tenho nojo de você garota, nunca que me casaria com você, nunca mais apareça na minha frente. Disse o moreno saindo dali.

Karin gritou: - Você vai se arrepender disso.

Sasuke foi atrás de Naruto, deixando a ruiva falando sozinha, viu Naruto e puxou ele pelo braço indo em direção ao banheiro.

- Sasuke o que houve? Tá doendo. Disse o loiro reclamando do aperto que o moreno dava em seu braço o puxando desesperadamente.

- Apenas me siga. Disse o moreno minimizando o aperto no braço do loiro.


Notas Finais


Agradeço por acompanharem a fanfic. ;P


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...