História Entre tapas e beijos - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chiyo, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Karin, Kiba Inuzuka, Konan, Konohamaru, Madara Uchiha, Menma Uzumaki, Metal Lee, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Utakata, Yahiko
Tags Drama, Naruto, Revelaçao, Romance
Exibições 125
Palavras 811
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 18 - Capítulo 17: Uma prova de amor


Fanfic / Fanfiction Entre tapas e beijos - Capítulo 18 - Capítulo 17: Uma prova de amor

Anteriormente

Sasuke puxou Naruto a força para o banheiro, estava nervoso pois tinha discutido com Karin.


Agora

Após Sasuke puxar Naruto para o banheiro, encostou ele na parede, Sasuke olhou para o loiro, porém ele virava seu olhar para os pisos daquele lugar, como se ali no chão fosse mais interessante que o rosto de Sasuke, não sabia como encarava aquele moreno.

Sasuke levantou as mãos, colocou no queixo de Naruto levantando assim o seu rosto para o encarar, mas o olhar permanecia virado para outro lugar.

- Naruto, olhe para mim!

Naruto olhou rápido, não conseguiu encarar, virou novamente o olho para o chão.

- Me solta Sasuke.

- Naruto, olha para mim logo porra!

Naruto olhou espantando, mas olhou, não iria deixar seu amado com mais raiva.

- Não importa o que aconteça, eu estou com você e sempre estarei, cuidadrei desse bebê também, ele é nosso filho, não deixarei que façam mal a você. Já falei com a Karin.

Sasuke naquele momento, lembrou do contrato que seu avô comentou antes, querendo lhe empurrar para a ruiva, porém não sabia como contar ao Naruto.

- Naruto, eu tenho que lhe contar algo.

- O que, Sasuke?

- é que...

De repente o sinal toca, não dando tempo de concluir o que pretendia falar, Sasuke se sentiu aliviado, porém irritado, não queria esconder nada do loiro.

Eles voltaram para a sala, Naruto continou sendo zombado e Sasuke já não aguentava mais ver seu loiro sofrer. Então, levantou-se de sua cadeira.

- Professor, posso falar algo? Disse o moreno.

- Claro Sasuke.

- Eu sei que todos aqui sabem que Naruto está grávido... De repente ouviu risos na sala... Calados, posso continuar? Bem, e não vejo motivos para rirem dele, pode ser diferente, mas todos somos seres humanos, além do mais, aquele dobe ali é meu namorado e eu sou o pai daquela criança, portanto se mexerem com o Naruto, vão mexer comigo também.

Todos se calaram na sala, Sasuke foi até o loiro.

- Prestem atenção! Sasuke levantou o loiro dando um beijo.

Alguns bateram palmas, outros encaravam. E Karin se contorcendo de ódio.

- Bem bem, vamos voltar a aula, e parabéns Naruto. Disse o Kakashi.

Algum tempo depois, o sinal tocou, Naruto foi mais Sasuke para sua casa de mãos dadas.

Porém, não imaginavam que Obito estava observando tudo, voltou para a o hotel que em que Madara se encontrava hospedado.


Madara

Ouvi um batido na porta de meu quarto, mandei entrar, odeio que atrapalhem meu sono.

- Olá meu senhor.

- Espero que não tenha me acordado por nada.

- Não meu senhor, lhe trago notícias sobre Sasuke. Disse Obito.

- Então? Levantei e peguei um copo de champanhe para tomar.

- bem, pelo o que eu observei meu senhor, Sasuke está namorando um garoto loiro e ele está grávido.

Derrubei meu copo no chão, Obito ficou espantado.

- Não pode ser, além do meu filho, agora ele me faz isso, quero que você sumar com ele loiro ainda hoje. SUMA DAQUI e chame a empregada pra limpar essa sujeira.

- Certo meu senhor. Disse o Obito saindo do cômodo.


Naruto

Sasuke me deixou em casa naquela tarde, nos despedimos com um beijo e entrei.

- Cheguei mãe, pai.

Porém não ouvi nada, meus pais tinham saído. Subi para meu quarto, joguei a mochila da escola na cama e fui me trocar. Desci para almoçar, e meu celular vibrou.

~SMS~

Sakura: Oi Naruto

Naruto: oi

Sakura: não foi a escola hoje, mas fiquei sabendo que o colégio todo já sabe de você.

Naruto: sim, o que me deixou incomodado no começo.

Sakura: Hum, bem também soube que um aluno disse que era seu namorado, quem foi?

De repente eu congelei, sem saber o que dizer, uma hora ela iria saber, porém eu menti.

Naruto: você não conhece, eu preciso sair agora, até depois.

~~~

Precisava cortar a conversa, uma hora ela vai saber, e espero que essa hora não chegue.


Sakura

Achei muito estranho o modo como Naruto me respondeu, mas depois tiro está história a limpo, quando escuto a campainha tocar.

- Já vai. Abri a porta e encontro Karin.

- O que faz aqui?

- Posso entrar? É urgente. Disse a ruiva.

- Pode.

- é sobre Naruto. Disse Karin

- Se for sobre ele está grávido, eu já sei.

- Sabe quem é o amante também? Perguntou a ruiva.

- Não, você sabe?

- Sei, ele mesmo se declarou hoje na escola, tirei uma foto só para mostrar à você.

Peguei o celular de Karin e fiquei chocada ao ver a foto.

- É mentira não é? Meu melhor amigo me traindo com a pessoa que eu amo.

- Não, é verdade, acredite, todos já sabem, pelo visto menos você, parece que seu amigo não confia totalmente em ti. Riu sarcasticamente a ruiva.

- Olha se for para ficar inventando mentira e me azucrinando é melhor sair daqui.

- Calma fofa, não é mentira, mas eu já vou, acredite se quiser. Beijos querida. Disse Karin com tom de deboche.

Eu não acredito que Naruto fez isso comigo, deve ser brincadeira.


----

A noite, Naruto saiu para comprar ovos no supermercado e percebeu que um carro parou perto dele, lhe chamando a atenção.


Notas Finais


Espero que tenham gostado e tenham uma boa tarde ;p


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...