História Entre tapas e beijos - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chiyo, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Jiraiya, Juugo, Karin, Kiba Inuzuka, Konan, Konohamaru, Madara Uchiha, Menma Uzumaki, Metal Lee, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Utakata, Yahiko
Tags Drama, Naruto, Revelaçao, Romance
Exibições 208
Palavras 1.030
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Tentarei postar todos os dias, espero que gostem.

Capítulo 2 - Capítulo 2: O derreter de um olhar


Fanfic / Fanfiction Entre tapas e beijos - Capítulo 2 - Capítulo 2: O derreter de um olhar

Cheguei em casa tomei um banho, deitei na cama e pensei o quanto Sasuke estava um gato naquela festa com sua jaqueta preta e olhos pretos, me senti irradiante e tímido ao falar com ele.

Amanheceu e fui entregar os jornais, depois fui à escola, onde esbarrei com o Sasuke, na qual fiquei sem reação.


Agora / Naruto


- Olha por onde andar garoto. Diz Sasuke.

- Me desc-culp-pe, pensei que-que iria chegar atrasado-o e vim correndo-o. Diz Naruto.

- não me interessa o que você ta fazendo, apenas olhe por onde anda. Diz Sasuke me olhando com deboche.

- Desc-cu... De repente Naruto é interrompido com Karin.

- Que garoto ridiculo, procura seu lugar seu nojento. Kkkkkkkk que cara mais idiota

Sasuke imediatamente puxa Karin.

- Não fale deste jeito com Naruto, ele não é um de seus capachos.

- Ok bebezinho. Karin diz o abraçando.

Nunca pensei que Sasuke me defenderia, pensei que me odiasse, como do modo que me tratou ontem.

Fui para a sala, logo vi Sakura e ela me chamou, me perguntou se algo tinha acontecido e se estava melhor, mas repondi que sim, que não precisava se preocupar. Um pouco depois, no intervalo, Sakura me chamou.

- Naruto, terá uma festa hoje na casa do Sasuke, eu quero ir, quero me encontrar com ele, voce sabe que ainda sou louca por ele.

- Eu sei Sakura, mas eu não quero ir, voce sabe que não gosto dessas coisas e tenho trabalho logo cedo.

- Eu sei, não voltaremos tarde e não precisa se preocupar, não sera nada demais.

- Mas...

- Mas nada, o senhor irá comigo.

Bem, como Sakura é teimosa, não adianta discutir com ela, então terei que ir mesmo não querendo.

- Que horas vai ser então esta festa?

- Às 7:00 da noite, esteja pronto, passarei na sua casa Naruto.

- ta certo. Falei mexendo os olhos para o lado.

Antes de sair do colégio, ao chegar no portão, percebi Sasuke olhando para mim, fiquei meio sem jeito, abaixei minha cabeça e fui embora.


Sasuke

Após aquela confusão na entrada do colegio, com Naruto esbarrando em mim, não sai da minha cabeça por qual motivo eu defendi ele daquele jeito.

Porque toda vez me pego pensando nele? Passou vários anos que não falo com ele, agora tenho 17 anos. Sinto falta do meu amigo, mas ainda não consigo falar com ele, após o ter desprezado-o tanto.

Na saida, fiquei conversando com os amigos antes de ir para casa, percebi que Naruto vinha logo ali e o fixei meu olhar, logo em seguida ele olhou pra mim, e meu peito derreteu ao ver aquele olhar azul timido e lindo pra mim. Espera espera espera, porque eu falei isso? Devo ta louco, esquece. E balancei a cabeça.

- O que foi Sasuke? Diz Suigetsu

- Não é nada

Percebi depois que Naruto já não estava mais ali.

Enfim, hoje terá uma festa, esquecerei disto, espero.

Chegando a noite, recebi os convidados em minha casa, meu amigos chegaram e como sempre a enjoada da Karin veio junto.

- Oii bebezinho, estava com saudades.

- Me poupa disso, não estou afim.

- aff bebezinho, você está muito estranho, me rejeitando assim.

- Apenas cansei de ti, va passear depois conversamos.

- Ok bebezinho, volto jaja.

Ela me obedece como um cachorrinha, tenho dó dessa menina sem vergonha.

- E ae Sasuke, porque andastes rejeitando a Karin? diz Suigetsu.

- Apenas cansei dela. Enfim, cansei dessa conversa, vou pegar uma bebida.

Fui pegar uma bebida no balcão, quanso iria voltando para onde meus amigos estavam, vi uma confusão do lado de fora, não sabia o que era, mas não queria nada disso na festa, ao chegar la, percebi que Karin estava zombando de Naruto.

Segurei na mão dela e a levantei.

- O que pensa que ia fazer?

- Nada bebezinho, apenas esse traste veio para onde não foi chamado.

- Essa festa não teve convite, todos que conheço podem vir inclusive ele, oras. Não quero te ver mais hoje, va embora Karin!

- Mas bebezinho...

- Vai logo caramba!

Imediatamente perguntei ao Naruto, friamente, ou ele iria estranhar meu comportamento.

- Está tudo bem? Estendi a mão para ele.

Ele não respondeu, apenas saiu com lagrimas nos olhos e Sakura indo atrás dele, e nem sabia que ela estava aqui, me espantei! 

Mas ao ver Naruto daquele jeito, por algum motivo, apertava meu peito e não gostava dessa sensação, até que ele estava fofo co. aquela roupa, espera um momento Sasuke, você achando um garoto fofo? Estou precisando extravasar, fui à mesa de Suigetsu e bebi ate vira o dia.


Naruto


Bem, já estava pronto pra festa, e Sakura chegou em casa, tocando a campainha.

- Olá Kushina, Naruto está? Diz Sakura.

- Sim, vou chamá-lo. Entre!

- Naruuuuuutooo, a Sakura está aqui. Diz Kushina.

Imediatamente desci, Sakura e eu saimos e pegamos o táxi que ja estava a espera.

- Naruto, você está um gatinho em, fiu fiu.

- deixe de coisa Sakura kkkk fiquei corado

- Se eu não estivesse ainda caidinha pelo Sasuke, pegaria você.

Apenas ri baixo com vergonha

Mas não gosto dela falando do Sasuke, apesar de que ela não tem culpa, por não saber que eu gosto dele, mas se ela soubesse provavelmente terminaria nossa amizade.

Cheguei a festa e Sakura foi logo procurar Sasuke para dar suas cantadas, mas felizmente fiquei sabendo mais tarde que não teve sucesso em sua procura (risos).

Esperei no lado de fora, sentado em um banco, quando de repente vem a chata da Karin me atormenta.

- O que esse fedelho faz aqui?

- Eu-u...

- Eu nada, esse não é lugar pra gentinha do seu tipo, saia daqui agora, seu idiota.

Todos nos olhavam e eu não podia falar, ela não deixava, também estava com vergonha, mas percebi que lágrimas queriam sair do meu olho.

- Oh olha so galera, o coitadinho vai chorar hahaha Diz Karin

Imediatamente, chega Sasuke e segura pela mão antes que ela me desse um tapa. Ele tem uma discussão com ela por minha causa, eu não queria causar problemas.

- Está tudo bem? Diz Sasuke.

Eu sai correndo, com lagrimas escorrendo, não queria passar aquela humilhação, Sakura veio correndo atras de mim, mas não conseguiu me acompanhar.

Cheguei em casa, minha mãe me perguntou o que havia, mas não respondi, apenas me tranquei no quarto e me joguei na cama, querendo que tudo aquilo não passasse de um pesadelo na qual gostaria de acordar logo. E com os olhos vermelhos, sem me trocar, apenas adormeci cansado.


Notas Finais


Hehe estou louco para ver onde vai dar essa história.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...